/* ]]> */

Ferramentaria da Volkswagen completa 65 anos de história

Ferramentaria da Volkswagen completa 65 anos de história

A Volkswagen do Brasil celebra os 65 anos de fundação da Ferramentaria, localizada na fábrica da Anchieta em São Bernardo do Campo/SP neste mês. A unidade de negócio, inaugurada em 2 de setembro de 1957, sempre priorizou a qualidade e já forneceu ferramentas e dispositivos para produção a países como Alemanha – incluindo o ID.4 e ID.3 –, China, Irã, Argentina, México e Hungria.

“Inovação e empreendedorismo são as características que, aliadas à sua capacidade técnica, fazem da Ferramentaria um parceiro de confiança dentro do Grupo Volkswagen”, explica Miguel Sanches, vice-presidente de Operações da Volkswagen do Brasil e Região América do Sul. “A área, além de atender as várias fábricas do Grupo, está hoje estruturada para atender outros clientes no mercado. Este perfil contribui para expandir suas atividades e gerar novas receitas”, destaca o executivo.

A Ferramentaria da Volkswagen do Brasil vem estendendo seu portfólio e utiliza cada vez mais a tecnologia em seu favor, como uso de robôs com câmera, fortalecendo a indústria voltada ao futuro. A área exportou ferramentas de peças estampadas de painéis internos de laterais, caixas de roda e reforços de portas para a fabricação dos elétricos ID.4 e ID. 3 na fábrica de Zwickau, na Alemanha). Recentemente, houve grande participação na construção de ferramentas para laterais externos, tetos, tampa dianteira e tampas traseiras do SUVW Taos, produzidos tanto na Argentina como no México.

A área tem o compromisso de cada vez mais inovar criando, por exemplo, otimização das formas tradicionais de itens do ferramental que acarretam na diminuição do peso do material e, consequentemente, menos custos envolvidos e ganho de competitividade, com processos mais eficazes e ágeis, além de contribuir para o meio ambiente.

As simulações digitais dos processos de fabricação de ferramentas e dispositivos de solda permitem redução bastante grande do tempo no processo de ‘try-out’, que é a etapa anterior a produção de peças e carrocerias dos automóveis. Isso tudo levando em consideração muitas horas de treinamentos as pessoas com tecnologia de ponta. O perfil da equipe que trabalha na área hoje compreende 11% de mulheres – dentre elas engenheiras, ferramenteiras e operadoras de máquina CNC (Controle Numérico Computadorizado) e, embora esteja celebrando 65 anos de existência, a média de idade é de 37 anos. “A área acompanha a evolução tecnológica das plantas da Volkswagen, sendo uma solução para todas elas. A Ferramentaria tem um papel muito forte na qualidade e produtividade de nossos produtos”, afirma Miguel.

A área também está em contato com universidades (ITA, FGV, Centro de Inovação do Instituto Senai, Universidade Federal do ABC) para melhorar os processos de construção de ferramentas e dispositivos ainda mais competitivos em razão do Rota 2030.

Pró-Ferramentaria

São da Volkswagen os primeiros projetos aprovados pelo programa Pró-Ferramentaria, do Governo do Estado de São Paulo. A iniciativa apoia a indústria paulista ao permitir que montadoras e fornecedores usem créditos de ICMS para comprar ferramentais de empresas do Estado, gerando desenvolvimento. Pioneira no Pró-Ferramentaria, a VW apresentou três projetos que resgatam R$ 41,1 milhões em créditos de ICMS. Outros ferramentais serão objeto de novos pedidos de liberação do imposto. Os projetos da VW servem de referência para outras empresas.

“O programa é excelente para a cadeia ligada à Ferramentaria. É um trabalho de grande escala com envolvimento multiáreas, de entidades sindicais e associações da indústria. Com certeza será um catalizador para aquecer o setor. E nós, como Ferramentaria, continuamos trabalhando com afinco para garantir um processo rápido e competitivo”, finaliza Flavio Pessutte de Castro, gerente executivo da Ferramentaria.

65 anos de história no Brasil

No dia 2 de setembro de 1957, a Volkswagen do Brasil iniciou a montagem da primeira Kombi com 50% de peças nacionais, na fábrica de São Bernardo do Campo/SP. Nesse período, o trabalho da Ferramentaria estava restrito à realização de pequenos ajustes.

Foi com a chegada da primeira prensa, em agosto de 1958, que o setor iniciou a preparação do ferramental necessário à estampagem.

O transporte da prensa de 94 toneladas entre o Porto de Santos e a fábrica da Anchieta exigiu uma complexa operação, com a interrupção do tráfego de trens entre Santos e Santo André. Os trilhos duplos da linha férrea foram retirados para que o equipamento passasse pelos túneis existentes ao longo da Serra do Mar. Na estação de Santo André, as partes do maquinário foram divididas em grandes carretas para o transporte até o destino final, em São Bernardo do Campo.

Com a implantação da linha do Fusca e o avanço no processo de nacionalização da produção, a área recebeu equipamentos e ampliou gradativamente sua atuação.

As atividades desenvolvidas pela Ferramentaria nas três primeiras décadas prescindiam da apurada habilidade manual dos profissionais da área. O projeto da Engenharia, apresentado em desenhos de grandes dimensões, era repassado artesanalmente sobre chapelonas e enviado para a modelação (imagens abaixo). Por exemplo, no caso da lateral do carro, a partir de coordenadas, era criada uma estrutura em madeira e a partir dela, retirado o modelo em resina plástica. Havia também uma operação quando a peça não estava 100% no perfil (em função da própria variação do metal) que era a calibragem.

Outra ação era “flangear” (fazer a dobra) na área que foi cortada, depois furada e enviada para produção. Todos os defeitos de superfície eram retirados e após alguns testes peça era estampada, pintada de preto para que na luz fosse possível ver alguma variação.

Os primeiros robôs para solda a ponto chegaram em 1980, para a produção do Gol, aumentando a qualidade final.

A partir da década de 1990, grandes avanços tecnológicos foram introduzidos, como o CNC (Controle Numérico Computadorizado), um sistema que interpreta um conjunto de instruções pré-gravadas, codificadas em alguns formatos simbólicos, permitindo a máquina executar as instruções e ainda verificar os resultados para que a precisão fosse mantida.

Outro importante equipamento implantado foi o Konzernframer, para o lançamento do Novo Gol, em 2008. O equipamento fazia até quatro carrocerias diferentes, em qualquer sequência, proporcionando mais agilidade e flexibilidade na introdução de novos modelos.

Até o lançamento da Brasília, em 1973 os veículos eram divididos em duas peças, a plataforma e a carroceria, que eram parafusadas apenas na Montagem Final.

No lançamento do Golf, em 1999, a Volkswagen registra um marco tecnológico na forma de produzir veículos e implanta a solda a laser, servindo de modelo para o lançamento do Polo, em 2002. A solda a laser deu início ao novo estilo de produto, com eliminação das calhas no teto e do “borrachão”, aumentando a rigidez e a qualidade da carroceria.

Em 2013, a Volkswagen inaugurou uma linha de Armação exclusiva para o modelo Saveiro, com 152 robôs de última geração, mais rápidos e com menor consumo de energia, encontrados apenas em fábricas da Volkswagen na Europa. As máquinas com pinças de solda com mecanismos de servo acionamento controlavam a distância entre um ponto e outro, garantindo mais qualidade e precisa ao processo.

Em 2016, a Armação da Nova Saveiro passou a contar com novo equipamento responsável pela junção (grafagem) das peças da tampa dianteira do veículo. Nesse mesmo período, a Estamparia adquiriu equipamentos de medição e uma nova esteira para inspeção de peças de superfície.

No ano que a Ferramentaria completou 60 anos, em 2017, a área inaugurou dois centros de usinagem de última geração e instalou um terceiro equipamento, no início de 2018. Para isso, a Volkswagen do Brasil investiu cerca de R$ 30 milhões nas três máquinas, responsáveis pela usinagem de ferramentas de estampagem para peças de grande porte.

Os novos recursos tecnológicos trouxeram ainda mais precisão e agilidade no desenvolvimento e fabricação de ferramentas destinadas à produção de peças, como laterais, portas e dispositivos para a armação de carrocerias, por exemplo.

Crédito da foto principal: Divulgação Volkswagen/ Pedro Danthas

Crédito das imagens históricas: Divulgação Volkswagen

Obrigado, Equipe de Assuntos Corporativos e Relações com a Imprensa da Volkswagen Brasil.

Nova identidade e logotipo da Marca Citroën antecipam uma empolgante, energética e acessível era que está por vir

Nova identidade e logotipo da Marca Citroën antecipam uma empolgante, energética e acessível era que está por vir

A Citroën está revelando hoje uma nova identidade e logotipo de marca, sinalizando uma nova era ousada, emocionante e dinâmica para a marca de 103 anos de idade, à medida que acelera sua missão de tornar a mobilidade elétrica inclusiva a todos e estender seu DNA para mais acessibilidade, audácia e bem-estar do cliente.

O novo visual reinterpreta o logotipo original adotado pela primeira vez por nosso fundador André Citroën, inspirado no sucesso de sua primeira empresa metalúrgica produzindo sistemas de engrenagens em forma de chevrons. A referência familiar e técnica de “Deux Chevrons” (Dois Chevrons) tem permanecido no centro da identidade da Citroën desde então.

O novo e elegante emblema sinaliza a transição e evolução da marca, e estreará no final de setembro em um veículo conceitual familiar da Citroën. Versões dele irão, então, ser aplicadas progressivamente nos próximos modelos de produção e conceituais da marca a partir de meados de 2023. O oval vertical proeminente e aprimorado introduzirá uma nova direção na linguagem de design na qual o emblema visualmente proeminente se tornará um elemento de assinatura imediatamente reconhecível de todos os modelos da Citroën. 

Complementando o novo logotipo está um novo programa de identidade de marca corporativa e o surgimento de uma nova assinatura de marca, que promete: “Nothing Moves Us Like Citroën”.

O CEO da Citroën, Vincent Cobée, diz: “À medida que embarcamos provavelmente no capítulo mais emocionante de nossa ilustre história de 103 anos, é o momento certo para a Citroën adotar um novo visual moderno e contemporâneo. Nossa nova identidade é um símbolo elegante de progresso à medida que movemos nossos clientes fisicamente em veículos ousados e com visão de futuro que desafiam as regras tradicionais da indústria, e emocionalmente, garantindo que toda sua experiência de mobilidade – particularmente elétrica – seja mais acessível, confortável e agradável sempre que quiserem e precisarem. Nosso legado de inspirar consumidores com veículos ousados e revolucionários nos dá forças para uma abordagem diferente e mais inclusiva para a mobilidade familiar, e acreditamos firmemente que nossos clientes do passado, presente e futuro concordarão que ‘Nothing Moves Us Like Citroën’”.

1.NOVO, MAS FAMILIAR

A peça central para a nova identidade da marca é a evolução do mundialmente famoso símbolo “Deux Chevrons” (Dois Chevrons) da Citroën – a décima renovação significativa do logotipo da Citroën desde a formação da empresa em 1919 – e apresenta chevrons mais largos e proeminentes contrastados e cercados por uma moldura oval vertical suave. 

Mais proeminente, o oval vertical aprimorado iniciará uma nova direção na linguagem de design de produto na qual o emblema se tornará um elemento de assinatura imediatamente reconhecível de todos os modelos Citroën. 

Alexandre Revert, Designer Global da Marca Citroën, diz: “À medida que buscamos esclarecer nosso foco futuro, era lógico fecharmos o ciclo voltando graficamente ao primeiro logotipo de André Citroën, o que representou a promessa genuína de mobilidade acessível e inovadora para todos. Mudar progressivamente para uma marca mais proeminente e visível para nossos projetos futuros é uma evolução significativa, se não sutil, onde a precisão dos chevrons técnicos e funcionais são abraçadas e contrastadas com o calor e a maciez quase humana do oval que os cerca”.

Apoiando o novo logotipo oval vertical está um programa de identidade corporativa moderno e abrangente que atua como uma indicação oportuna de como a Citroën está acelerando seu compromisso de tornar a mobilidade elétrica acessível a todos, enquanto mantém e estende seu DNA para acessibilidade, audácia e bem-estar do cliente.

Um objetivo fundamental foi incorporar elementos inspirados em marcas não automotivas, incluindo cosméticos e vestuário, para transmitir uma expressão mais aconchegante da marca que é agradável para os olhos quando experimentada em diferentes cenários. Por exemplo, a nova identidade foi cuidadosamente elaborada com uma interface de usuário pura e simplificada, proporcionando aos clientes uma melhor sensação de serenidade para toda a sua jornada digital com a Citroën, da sala de estar ao showroom.

Cuidados especiais foram dados ao design para garantir que a experiência digital atenda às expectativas de novos clientes para ergonomia e estética – incluindo disponibilizar uma opção de “modo escuro” – e atender totalmente às necessidades e requisitos exigentes para vendas online.

Além disso, uma nova linguagem animada está em desenvolvimento para integrar a nova identidade em todos os pontos de contato digitais, tanto dentro do veículo quanto no Aplicativo My Citroën, proporcionando aos clientes uma experiência Citroën enriquecida e coerente.

A nova identidade também irá além do ambiente digital, e o uso do novo logotipo irá abraçar todos os elementos da identidade corporativa da empresa, desde merchandising e documentação até identidades de concessionárias e edifícios corporativos. A nova identificação eficiente será mais suave e promoverá economia de energia, além de abrir mão de cromados para aumentar a reciclagem.  

O conceito do interior das concessionárias “La Maison Citroën” continuará a ser aprimorado, pois tem se mostrado popular entre os clientes desde sua introdução há vários anos. Uma paleta de cores rejuvenescedora e simplificada e novas letras evoluídas das fontes proprietárias atuais da Citroën complementarão o logo e melhorarão ainda mais a nova identidade da marca.

Enquanto o cinza branco e frio fornece uma base de serenidade e facilidade, duas cores de assinatura serão introduzidas como pontuações contrastantes a serem aplicadas em detalhes e áreas específicas.

Inspirado pelo importante legado de cores da Citroën que tem sido usado em carros icônicos ao longo da história da empresa, incluindo o 2CV e o DS, o calmo Azul Monte Carlo fará um bem-vindo retorno ao portfólio de carros em um futuro próximo, bem como a criação de uma paleta de identidade da marca para aplicações corporativas e de varejo. 

Além disso, um energético, mais distinto Vermelho Infra-Red substituirá tom usado atualmente para adicionar equilíbrio e contraste dinâmico em aplicações físicas, impressas e digitais.

A nova assinatura da marca – “Nothing Moves Us Like Citroën” – começará a ser usada seletivamente em comunicações e atividades corporativas e de produtos.

2.EVOLUÇÃO E REVOLUÇÃO

O novo logotipo e identidade corporativa da Citroën combinam-se com a assinatura “Nothing Moves Us Like Citroën” para destacar a próxima revolução na abordagem da marca para futuras soluções de mobilidade acessíveis e seu compromisso com os serviços sem estresse ao cliente.

A primeira evidência física disso será explorada em um inédito veículo familiar conceitual, que levará a nova identidade e será revelado pela Citroën no final de setembro. 

Laurent Barria, Diretor Mundial de Marketing e Comunicação da Citroën, diz: “Ao abraçar nossas raízes e reinterpretar nossa identidade de uma maneira moderna, estamos enviando uma mensagem clara a todos de que, enquanto nos mantemos fiéis ao DNA da nossa marca, as coisas estão mudando drasticamente na Citroën. Continuamos a olhar para as coisas de forma diferente em nossa missão de criar soluções ousadas que tornem a mobilidade elétrica mais acessível, e estamos determinados a provar aos nossos clientes e a nós mesmos que ninguém e nada nos move como Citroën conforme estendemos o bem-estar emocional que experimentamos dentro do carro para fora ao longo de toda a jornada de parceria que levamos conosco. Isso requer um pensamento revolucionário em tudo o que fazemos, desde os veículos inovadores que criamos até os serviços inclusivos e responsáveis que prestamos, e requer que expressemos e defendamos nossa abordagem única. É exatamente o que prometemos fazer hoje”.

Desenvolvida pela equipe de design da Citroën, a nova identidade Citroën se beneficiou da expertise do Stellantis Design Studio, a agência de design interna da Stellantis.

Novo Polo estreia mais moderno, tecnológico e conectado

Evolução: ato, processo ou efeito de evoluir. Nenhuma outra palavra traduz melhor o legado do Polo Hatch, que aparece renovado na comemoração dos 20 anos do início de sua produção no Brasil. Depois de duas décadas, a lista de predicados para o hatch só evolui. Ele chega ao mercado brasileiro com design moderno, cheio de tecnologia e conectividade.

O design do Novo Polo reforça o ‘Family Look’ da marca, com projeto externo feito em parceria com a matriz da Volkswagen, na Alemanha, e Color & Trim regional. O hatch aparece com linhas mais horizontalizadas, superfícies mais arredondadas, conjunto óptico inédito e novos acabamentos internos. A começar pela parte dianteira, o Novo Polo tem para-choques novos, conjunto óptico completamente renovado e faróis inspirados no Golf europeu, enquanto elementos cromados fazem a conexão entre a iluminação.

Por falar nela, o novo hatch compacto da Volkswagen é o único modelo do segmento a oferecer faróis de LED desde as versões mais básicas. O conjunto de faróis de LED do Novo Polo é composto por farol alto, baixo, e sinalização diurna, luz de posição e luz direcional totalmente em LED. O farol principal em LED pode alcançar um fluxo luminoso de mais de 700 lumens (quantidade de luz irradiada) de intensidade – aumento de mais de 50% comparado a um farol convencional -, e mais de 130 metros de distância, alcance 80% maior na comparação.

Já na parte traseira, as lanternas têm nova assinatura noturna, agora bem mais perceptível, além de logo e nome do carro em posicionamento central, seguindo o padrão de outros modelos da marca, como Nivus, T-Cross e Taos.

O habitáculo ganhou novos acabamentos e texturas. Agora, painéis de porta dianteiros foram forrados em tecido, assim como o apoio de braço. O painel também ganhou atualizações de seus materiais. São inéditos os bancos esportivos, inteiriços, e inspirados na linha GTS, que entregam mais conforto e estão mais integrados ao veículo. Sem falar na entrega de muito espaço interno: o Novo Polo tem a maior largura e entre-eixos quando comparado aos seus principais concorrentes.

A oferta de cores tem o Vermelho Sunset, que apareceu pela primeira vez no Nivus, e é ofertada também no T-Cross. Além da cor de lançamento estão disponíveis as sólidas Branco Cristal e Preto Ninja e as metálicas Cinza Platinum e Prata Sirius.

Novo Polo, novos itens

O Novo Polo chega para trazer modernidade ao segmento dos hatches. Tem em seu DNA a tecnologia de um veículo construído sobre a plataforma MQB e reforça atributos como confiabilidade, conforto, tecnologia e segurança. A lista de equipamentos disponíveis é extensa e tem muitas exclusividades. A começar pelo painel de instrumentos totalmente digital de 8 e 10,25 polegadas. Nenhum outro veículo da categoria vem com esse nível de tecnologia no painel. Já o ar-condicionado Climatronic é digital, 100% touch screen. 

Ainda do lado de dentro, uma das novidades do modelo é o carregamento de celular por indução, que dispensa o uso de fio ou adaptador. As duas saídas USB, do tipo C, trazem comodidade aos passageiros que viajam no banco traseiro. O volante é outro item inédito, com o novo emblema da Volkswagen ao centro. Multifuncional, ele traz aletas para a troca de marchas, recurso ideal para uma direção mais acessível e esportiva. A coluna também tem ajustes de altura e profundidade.

O VW Play passa a oferecer novas experiências de usabilidade. Para o Novo Polo, ganhou o app Abasteça Consciente, o aplicativo de incentivo ao uso do etanol, que calcula emissões e consumo, recém anunciado pela marca. Foram acrescentados ainda os apps My Turner, com todos os canais de rádio do mundo, o jogo Serpens, para momentos de descontração, e o Dry Wash, com serviços e lavagem de veículo.

Se o tema é conectividade, o Polo está dentro! Pelo aplicativo Meu VW Connect, a partir do lançamento do hatch, será possível receber informações atualizadas do veículo. Quilometragem total, nível de combustível, consumo médio e informações de viagens. A uma novidade estará disponível para o Novo Polo e para todos os modelos da marca alemã com VW Play.

Em termos de conforto e segurança, O Novo Polo possui uma oferta ampla de itens. É equipado com quatro airbags – dois dianteiros e dois laterais. De grandes dimensões, as bolsas laterais protegem a cabeça e tórax e restringem o movimento do corpo durante um impacto, elevando significativamente a segurança dos ocupantes. Além disso, o pacote de segurança inclui Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), Distribuidor Eletrônico de Frenagem (EBD), Controle de Tração, Hill Hold Control, Sistema de frenagem automática pós-colisão, Sistema isofix, e agora inéditos faróis de LED.

Economia com performance sempre

O Novo Polo é oferecido em duas opções de motorização, MPI e TSI, e duas de câmbio, manual de cinco marchas e automático de seis. A versão de entrada do compacto traz o já consagrado 1.0 MPI de 84 cv e 10,3 kgfm de torque máximo, acoplado ao câmbio manual de cinco marchas. Em seguida está o TSI de 116 cv e 16,8 kgfm de torque, também com câmbio manual de cinco velocidades –pela primeira vez o Novo Polo traz a combinação do motor TSI com a transmissão manual. O conjunto eleva ainda mais a versatilidade e a dirigibilidade do hatch.

Nas versões Comfortline e Highline, o propulsor TSI é acompanhado do câmbio automático de seis marchas. Trata-se do melhor motor turbo em termos de consumo entre seus principais concorrentes.

Mais atraente com Kit Black e atributos de Pós Vendas

Uma exclusividade do lançamento do hatch compacto é o Kit Black. Uma seleção de itens com acabamento especial para deixar o visual do Novo Polo ainda mais atraente. Na lista estão rodas de liga leve, spoiler traseiro, cobertura do espelho retrovisor, tudo pintado na cor preto brilhante. Também estão no pacote cobertura dos parafusos da roda, capa para chave, tapetes de borracha para o assoalho, tapete de borracha para o porta-malas e soleiras.

Além do Kit Black, o portfólio de acessórios contempla mais de 100 itens para o Novo Polo, que estará pronto para qualquer perfil de cliente. O Novo Polo possui o melhor custo de seguro da categoria, em parceria com Seguro Volkswagen, sendo 30% mais barato que seus concorrentes diretos, além de apresentar o melhor custo de propriedade do segmento.

20 anos de evolução

O Polo acaba de completar 20 anos do início de sua produção no Brasil. A chegada do modelo, que sempre foi inovador em inúmeros aspectos, revolucionou a indústria automobilística brasileira e trouxe novas referências em tecnologia na produção e no próprio produto. Tudo que se aprendeu a fazer de melhor em automóveis está dentro do Polo. Em 2002, para a ocasião do lançamento do primeiro Polo, a fábrica da Volkswagen em São Bernardo do Campo (SP) passou por um grande trabalho de modernização.

A chamada ‘Nova Anchieta’ foi equipada com as mais avançadas tecnologias e modernos processos de produção para a época, incluindo 400 robôs, solda a laser e pintura automatizada: tornava-se assim uma das mais modernas unidades do mundo para produzir o Polo, apta a produzir carros com os mesmos padrões de qualidade exigidos pelos principais mercados mundiais.

Já em 2009, a Volkswagen sai na frente com o Polo E-Flex, primeiro modelo flex do mercado brasileiro sem o reservatório de gasolina para partida a frio. Este modelo equipado com o sistema Flex Start inaugurou uma nova geração de veículos flexíveis no Brasil, reforçando o pioneirismo da marca no desenvolvimento da tecnologia flexfuel. A nova tecnologia também contribuía para a redução da emissão de poluentes durante a partida do veículo.

Já preocupada com a questão da Sustentabilidade, a Volkswagen apostou, no mesmo ano, no Polo BlueMotion. O modelo tinha uma série de recursos e soluções para diminuir 15% nos níveis de consumo de combustível e de emissões de CO2, como um novo escalonamento de marchas e a reprogramação do gerenciamento da injeção eletrônica, além de mudanças significativas em partes de design do veículo, melhorando a sua aerodinâmica.

Em 2017, o Polo marcou a história da Volkswagen outra vez. Ele foi o grande embaixador da Nova Volkswagen e foi também o primeiro hatch compacto e o primeiro modelo fabricado no Brasil a receber a plataforma MQB-A0, com estrutura feita com cerca de 50% de aços de ultra e alta resistência, ganhando mais rigidez e robustez, aumentando o nível de segurança para o motorista.

A história é longa, o legado também. E ainda tem muito mais por vir…

Fonte: VW

É hora de desbravar

Se você pensa em desbravaro mundo, você pensa em Maverick

Uma picape pensada para você que está sempre querendo descobrir mais, a Maverick oferece o melhor em conforto, versatilidade,
performance e tecnologia.

Se o assunto é armazenamento de carga, você terá uma caçamba versátile de fácil acesso.Viajar confortável?

Conte com o espaço interno e conforto de um SUV.

Encare qualquer terreno com os 5 modos de condução selecionáveis e a transmissão automática de 8 velocidades.

E isso é só uma amostra do que você vai encontrar.

Prepare-se para mais e desbrave o seu mundo com a Maverick.

Fonte: Ford

Ford revela novo Mustang para futuros projetos de corrida

A Ford tirou as capas do novo Ford Mustang que competirá em categorias como Supercars, NASCAR e GT3.

Ford revela novo Mustang para futuros projetos de corrida

Esta é a sétima geração do famoso muscle car que, em forma de estrada, será alimentado pelos motores EcoBoost de 2,3 litros e Coyote V8 de cinco litros.

Embora muitos dos carros de corrida que serão baseados no novo modelo ainda não tenham sido formalmente revelados, este olhar para o carro de estrada oferece um vislumbre do futuro dos programas NASCAR, Supercars e NHRA da Ford.

O novo Mustang competirá na NHRA e Supercars no próximo ano, este último como parte dos novos regulamentos do Gen3.

Enquanto isso, a forma S650 estreará na NASCAR Cup Series em 2024.

Nesse ano também será apresentado o novo programa GT3 e GT4, que será executado pela Multimatic Motorsports.

Este lançamento inclui renderizações do GT3 Racer que também será equipado com o Coyote V8.

O Mustang GT3 racer será desenvolvido pela Ford Performance em colaboração com a Multimatic Motorsports. Os dois colaboraram anteriormente no carro de corrida Ford GT que conquistou a vitória da classe nas 24 Horas de Le Mans em 2016.

A Multimatic então colocará em campo um esforço IMSA GTD Pro de dois carros, apoiado pela fábrica, que começará no Rolex 24 em Daytona em 2024.

Paralelamente ao esforço de trabalho, a Ford será obrigada a produzir 20 exemplares do Mustang nos primeiros dois anos de homologação para os clientes correrem.

Isso aumenta a perspectiva das corridas de carros em Le Mans quando o Campeonato Mundial de Endurance da FIA mudar de carros GTE para GT3 em 2024.

As notícias do iminente programa IMSA ampliam ainda mais o atual portfólio de automobilismo da Ford, que já inclui programas apoiados pela fábrica no Campeonato Mundial de Rally, NASCAR e Supercars.

“O Mustang nasceu para correr desde o início e estamos entusiasmados em apresentar a versão GT3 para competir frente a frente com alguns dos maiores fabricantes do mundo”, disse Mark Rushbrook, diretor global da Ford Performance Motorsports.

“Com 58 anos de herança global em corridas de resistência, incluindo NASCAR e Supercars australianos hoje, estamos prontos para levar o Mustang ao próximo nível de desempenho global”.

Larry Holt, vice-presidente executivo da Multimatic Special Vehicle Operations, acrescentou: “Estamos entusiasmados por trabalhar neste novo programa IMSA, bem como no programa de clientes GT3 com a Ford Performance.

“Temos uma longa e excelente relação de trabalho uns com os outros, tanto nos níveis mais altos das corridas de carros esportivos profissionais quanto no desenvolvimento de programas e veículos competitivos para clientes. Agradecemos a confiança deles em nós e, juntos, mal podemos esperar para mostrar ao mundo o que está por vir com o Mustang.”

O motor V8 de cinco litros baseado no Coyote que irá alimentar o Mustang virá de outro parceiro de longa data da Ford Performance, a equipe M-Sport no Reino Unido que supervisiona o programa WRC da Ford.

A M-Sport não é estranha à competição GT3, tendo executado o programa de corridas GT da Bentley com a Continental. Também está desenvolvendo o próximo motor TOCA para o Campeonato Britânico de Carros de Turismo baseado em peças da Ford.

“Estamos muito satisfeitos por ampliar nosso relacionamento com a Ford e estendê-lo ao mundo das corridas após 25 anos de muito sucesso juntos no Campeonato Mundial de Rally, que está mais uma vez entregando resultados impressionantes com o Puma Hybrid Rally1”, disse o proprietário da M-Sport. Malcom Wilson.

“A M-Sport tem uma riqueza e profundidade de conhecimento e experiência em corridas de circuito, particularmente de nosso programa GT3 que usou um motor V8 desenvolvido pela M-Sport para GT3 que nos levou à vitória na corrida de 12 horas de Bathurst de 2020 e 1000 km de Paul Ricard em 2019. .

“Estamos muito empolgados em trabalhar diretamente com a Ford Performance e a Multimatic no Mustang GT3 e trabalharemos muito duro, não deixando pedra sobre pedra enquanto unimos forças para lutar por mais vitórias em todo o mundo.”

A Ford Performance também confirmou que uma nova versão do Mustang com especificação GT4, também desenvolvida ao lado da Multimatic, será lançada no próximo ano.

“É importante para nós continuar a apoiar o esforço do Mustang GT4 também”, acrescentou Rushbrook.

“Tivemos muito sucesso aqui e na Europa com o atual Mustang GT4 e esperamos poder oferecer aos nossos clientes um carro novo para competição na categoria GT4 a partir da próxima temporada. Teremos mais a dizer sobre isso em um futuro próximo.”

Ford Mustang de sétima geração redefine a experiencia de dirigir e introduz nova versão Mustang Dark Horse

A sétima geração do Ford Mustang foi apresentada ontem no Salão do Automóvel de Detroit, EUA, para inaugurar mais um capítulo na história de quase 60 anos do ícone. O novo modelo avança em tudo que os fãs admiram no cupê esportivo mais vendido do mundo: uma experiência de direção visceral, com design empolgante, refinamento técnico e tecnologias inovadoras.

O grande destaque da nova geração é o Mustang Dark Horse, primeira série de alto desempenho da linha em 21 anos, desde o lançamento do Mustang Bullitt em 2001. Com visual sofisticado e intimidador e um novo V8 5.0 com potência estimada de 500 cv, ele chega para criar um novo padrão de desempenho nas ruas e nas pistas.

“Investir em uma nova geração do Mustang é uma grande afirmação num momento em que muitos dos nossos concorrentes estão saindo do negócio de veículos de combustão interna”, disse Jim Farley, CEO da Ford. “A Ford, no entanto, está turbinando seu plano de crescimento de veículos de combustão interna, adicionando tecnologia conectada, novas versões e opções híbridas dos nossos carros mais lucrativos e populares – todos da família Ford Blue – além de investir US$ 50 bilhões em veículos elétricos até 2026.”

Cockpit inovador

O novo Mustang 2024 começa a ser vendido nos EUA no segundo semestre de 2023. O seu cockpit, inspirado em caças a jato, é o mais tecnológico e centrado no motorista já oferecido na linha. Suas duas telas curvas e fluidas oferecem várias possibilidades de personalização. A tela de 12,4” do painel tem um padrão visual em tom cobre ultramoderno, compartilhado com o Mustang Mach-E, e pode ser configurada com diferentes cores e designs, incluindo mostradores clássicos do Mustang.

Na central multimídia SYNC 4 é possível personalizar os modos de condução girando o carro virtualmente na tela de 13,2”, como num videogame. Além de acesso a Apple CarPlay e Android Auto, ela vem com Amazon Alexa para comandos de voz. Alguns botões físicos, como o do volume do áudio e do ar-condicionado, foram removidos e integrados ao painel digital – uma preferência revelada nas pesquisas tanto pelos clientes tradicionais do veículo como pelos das novas gerações.

Outra novidade é o Remote Rev, que permite acelerar o carro remotamente pelo chaveiro, liberando o ronco do motor. O acabamento das versões premium inclui materiais “soft-touch”, volante de base reta revestido em couro com costura contrastante, carregador sem fio para celular e entradas USB no alto para câmeras e outros dispositivos. O sistema de som B&O, com 12 alto-falantes e subwoofer, traz o recurso Electronic Sound Enhancement que amplifica o som do motor.

Design ousado e atemporal

O novo Mustang tem um visual moderno e esculpido, sem abandonar sua inspiração clássica. O teto baixo, o capô de três seções e o perfil elegante com traseira curta mantêm as proporções do modelo original dos anos 60. A bitola traseira é mais larga e o spoiler traseiro tem uma nova luz de assinatura de três barras, além de um difusor redesenhado para aprimorar a aerodinâmica. A dianteira do GT tem uma grade mais agressiva e novas entradas de ar no capô, que refletem o aumento na potência e o aprimoramento aerodinâmico.

Além de 12 cores externas e listras com novos tons e desenhos, é possível optar por três cores nas pinças de freio Brembo: preto, vermelho ou azul. O Mustang GT tem novas rodas de alumínio de 19”, ou opcionais de 20”. As várias opções da linha incluem o motor EcoBoost 2.3, de quatro cilindros, e um modelo conversível.

Motor V8 de quarta geração

O novo Mustang entrega uma experiência de direção ainda mais empolgante com o motor Coyote V8 5.0 de quarta geração, o naturalmente aspirado mais potente já oferecido na linha. Além de uma inovadora caixa dupla de entrada de ar, ele conta com acelerador de corpo duplo que reduz as perdas por indução.

“Este é o Mustang mais atlético e confiante de todos os tempos”, diz Ed Krenz, engenheiro chefe da linha Mustang. “Os modos de direção e o ajuste fino dos controles digitais do motor, da suspensão e da direção garantem o melhor desempenho tanto na estrada como nas pistas.”

Além da avançada transmissão automática de 10 velocidades, que se adapta a cada modo de direção, a Ford continua a oferecer a transmissão manual de seis velocidades, com “rev-matching” de série que ajuda a manter a rotação do motor no pico de torque entre as trocas, aumentando a precisão, refinamento e emoção.

A sensação de liberdade e confiança transmitida pelo Mustang é reforçada pelos seis modos de condução, que ajustam rapidamente a resposta da direção, do motor, da transmissão e do controle eletrônico de estabilidade. Além dos modos normal, esporte, escorregadio, drag e pista, há uma configuração personalizada, com até seis perfis individuais.

Quem quiser recursos adicionais para as pistas pode optar pelo pacote de desempenho “Performance Pack”, com “K-Brace” dianteiro, diferencial Torsen de escorregamento limitado, suspensão ativa MagneRide, rodas e pneus traseiros mais largos e freios de 390 milímetros na dianteira e de 355 milímetros na traseira, com dutos de resfriamento.

O pacote inclui ainda o “Performance Electronic Parking Brake”, freio eletrônico inédito no segmento que libera a capacidade de derrapagem traseira do Mustang. A tecnologia ajuda até os motoristas iniciantes a se tornarem astros do “drift”, mantendo o visual e a funcionalidade de um freio de mão mecânico tradicional.

Tecnológico e conectado

Os recursos de assistência ao motorista do novo Mustang incluem reconhecimento de sinais de velocidade, piloto automático adaptativo inteligente com stop-and-go e assistentes de centralização de faixa, de manobras evasivas e de frenagem de ré. Há ainda o controle ativo de mitigação de buracos, que ajusta a resposta da suspensão através do monitoramento contínuo da carroceria, da direção e dos freios.

O cliente pode se manter conectado com o novo Mustang pelo aplicativo FordPass, para partida e parada remota, travamento e destravamento de portas, agendamento de partida, localização e informações do estado do veículo, como nível de combustível e óleo, histórico de serviços e informações de garantia. Além disso, o sistema de atualização de software Ford Power-Up permite o aprimoramento contínuo da experiência com o veículo.

Mustang Dark Horse

A sétima geração do Mustang traz como “cereja do bolo” uma nova série de alto desempenho da linha: o Mustang Dark Horse, desenvolvido durante mais de três anos por um time especial de engenheiros, designers e especialistas da Ford. Entre outros refinamentos, seu exclusivo motor Coyote V8 5.0 tem novas bielas e um corpo duplo de borboleta de admissão para melhorar a respiração, acoplado com uma transmissão manual Tremec de seis velocidades, igualmente exclusiva, ou automática de 10 velocidades com “paddle shifters” esportivos.

O Mustang Dark Horse tem um ajuste de chassi exclusivo, barras estabilizadoras traseiras maiores, amortecedores MagneRide e sistemas de resfriamento dos freios, do eixo traseiro e do óleo do motor. É equipado também com freios dianteiros Brembo de seis pistões e diferencial traseiro Torsen. As rodas dianteiras são de 19×9,5” e as traseiras de 19×10”, com pneus Pirelli P ZERO.

O pacote opcional Handling Package adiciona uma asa traseira exclusiva com Gurney Flap integrado, semelhante ao do Ford GT, molas mais rígidas, barras estabilizadoras maiores e rodas de 19×10,5” na dianteira e 19×11” na traseira com pneus Pirelli Trofeo. Futuramente, vai oferecer também a opção de rodas de fibra de carbono, até então exclusivas dos modelos Shelby GT350 e GT500.

“Durante décadas, o Mustang competiu com as marcas premium nos maiores palcos mundiais e venceu”, destacou Jim Farley. “Nós surpreendemos a todos e vamos surpreendê-los novamente com um Mustang de pista que traz um novo nível de desempenho, estilo e engenharia para os clientes comuns que ainda querem a emoção de um esportivo V8.”

Estilo sofisticado e ameaçador

O Mustang Dark Horse traz uma linguagem de design nova e refinada, que destaca o seu foco em performance. A frente tem faróis de LED escurecidos, grade preta brilhante e para-choque exclusivos, com “presas” de alto brilho. A traseira exibe uma asa traseira fixa com difusor inspirado em corridas e ponteiras quádruplas de escapamento.

O Mustang Dark Horse exibe também um novo emblema de cavalo, presente na frente do veículo, nos para-lamas, no porta-malas e nas soleiras das portas, bem como no painel de instrumentos e nas telas digitais da cabine.

“Esta é a primeira vez que temos um cavalo visto de frente no Mustang”, diz Joel Piaskowski, diretor global de Design da Ford. “Ele é agressivo, um pouco sinistro e está vindo das sombras para vencer.”

O Mustang Dark Horse tem uma pintura metálica exclusiva, o Blue Ember, tom frio e escuro que emite um brilho quente quando capta a luz, além de várias opções de gráficos no teto e no capô. O interior traz bancos na cor azul Deep Indigo Blue com acabamento perfurado e costuras azuis contrastantes, aplicadas também no volante, painéis das portas, base do câmbio e console. Os cintos de segurança também são exclusivos, na cor azul.

Nova era nas corridas

O Ford Mustang nasceu para correr e o Mustang Dark Horse faz parte de um lançamento mais amplo, com seis novos modelos de corrida que vão competir globalmente em várias categorias, como GT3, GT4, NASCAR e NHRA Factory X Racing, a partir do próximo ano.

“O Mustang correu em todas as grandes pistas do mundo, mas não há corrida ou pista que signifique mais para nossa história do que Le Mans”, disse Bill Ford, presidente do Conselho da Ford. “É onde enfrentamos a Ferrari e vencemos na década de 1960 e para onde voltamos 50 anos depois e impressionamos o mundo novamente. O Mustang vai voltar para Le Mans. Mais uma vez, vamos correr como nunca.”

O Mustang Dark Horse terá dois modelos para uso exclusivo nas pistas: o Mustang Dark Horse S, para corridas de fim de semana, e o Mustang Dark Horse R, desenvolvido para as competições. Em ambos, todas as peças não essenciais e de acabamento foram removidas para favorecer a performance.

O Mustang Dark Horse S tem gaiola de segurança padrão FIA, banco e volante de corrida, limitador de velocidade de pit e sistema de aquisição de dados. Os controles do motorista ficam reunidos num painel central. O banco do passageiro é opcional, para o motorista poder compartilhar sua experiência ou receber orientação de instrutores.

Ele conta também com sistema de freio reforçado e amortecedores Multimatic DSSV com ajuste de altura e cambagem. Externamente, traz pinos no capô, ganchos de reboque dianteiros e traseiros e asa traseira ajustável.

O Mustang Dark Horse R eleva ainda mais o nível de desempenho para as pistas, incluindo carroceria com soldas por costura, tanque de combustível com autonomia ampliada e rodas Ford Performance.

Fonte: Ford

Nova Ram Classic chega ao Brasil por R$ 349.990

Uma muscle truck que entrega muito espaço, conforto e luxo, acima de qualquer picape média disponível no país

Ampla lista de itens de série inclui, entre outros: central Uconnect com Apple CarPlay e Android Auto, som premium Alpine, ar-condicionado digital de duas zonas e bancos elétricos com aquecimento, ventilação e memória.

Representando a marca das picapes mais fortes e desejadas do Brasil, a nova Ram Classic chega ao mercado brasileiro partindo de R$ 349.990, impulsionada pelo motor V8 HEMI® de 5,7 litros, 400 cv de potência e 556 Nm de torque. Além disso, conta com uma completa lista de itens de série como central multimídia Uconnect com Apple CarPlay e Android Auto, som premium Alpine com 10 alto-falantes e 506 watts de potência, ar-condicionado digital de duas zonas e bancos elétricos com aquecimento e ventilação e duas memória para motorista. A muscle truck está disponível nas 58 concessionárias Ram. 

A Ram Classic tem duas opções de estilo, sempre com os mesmos equipamentos. A primeira a chegar ao mercado é a Laramie, com visual externo onde o cromado e o prateado se destacam em itens como grade, logotipos, para-choques, retrovisores cromados e rodas. As opções de cores são Preto Diamond, Branco Bright, Azul Patriot, Granito Cristal e Vermelho Delmonico. Logo em seguida estará disponível também a Laramie Night Edition, que troca o brilho por acabamentos pretos e na cor da carroceria, na qual o cliente pode escolher entre Vermelho Flame, Preto Diamond, Branco Bright e Granito Cristal. Por dentro, o revestimento nas duas configurações é de couro preto com costuras brancas e apliques prateados, dourados e imitando madeira.

Para transmitir da melhor forma todo o poderio do HEMI, a Classic é equipada com a caixa automática de oito marchas TorqueFlite e a caixa de transferência da BorgWarner do tipo part-time com os modos de tração 4×2, 4×4 High e 4×4 Low (reduzida). A picape possui também o modo Tow/Haul, que otimiza a troca de marchas ao rebocar um implemento ou levar muita carga. Por sinal, a capacidade de reboque é de 3.534 kg, mais do que qualquer picape de outra marca no mercado.

Em seu exterior, o design destaca os faróis esportivos que ficam em posição abaixo da linha superior da grade e que nascem como uma integração dos para-lamas. As duas saídas de escapamento, as belas rodas de alumínio de 20 polegadas e o capô com ressaltos e detalhes especiais reforçam a esportividade da picape.

VERSÕES E PREÇOS 

Ram Classic Laramie – R$ 349.990

Ram Classic Laramie Night Edition – R$ 359.990

Sobre a Ram
Em 2009, a marca Ram foi lançada como uma divisão independente, focada em atender às demandas dos compradores de picapes e em entregar veículos que sejam referência de qualidade. Com uma linha completa, a Ram produz utilitários que dão conta do trabalho pesado e de transportar famílias para onde elas precisam. A Ram é parte do portifólio de marcas oferecidas pela Stellantis.

Fonte: Stellantis

VW Nivus recebe ‘5 estrelas’ no novo protocolo de testes do Latin NCAP

O Volkswagen Nivus acaba de obter a nota máxima em segurança no novo protocolo de testes do Latin NCAP (2020-2024), que avalia o nível de segurança entregue pelos veículos vendidos na América Latina e Caribe. Atualmente, a marca alemã é a única a conquistar as 5 estrelas em todos os requisitos avaliados pelo instituto, agora com Nivus, e em dezembro do ano passado com o Taos.

Taos é o primeiro modelo ‘5 estrelas’ no novo protocolo do Latin NCAP.

Os testes feitos pelo instituto consideram a proteção a adultos, crianças e pedestres, além dos sistemas de assistência ao condutor. Os resultados obtidos são válidos para todas as versões do Nivus produzidos na fábrica de São Bernardo do Campo (SP) e exportados para 15 países nas Américas Central e Sul.

Além de ter sido o primeiro carro desenvolvido 100% de maneira digital pela marca no Brasil, sem a construção de protótipos, o modelo também foi o primeiro a contar com robôs no processo de desenvolvimento do sistema de frenagem autônoma de emergência, conhecido como AEB (Autonomous Emergency Brake).

No ano/modelo 2022, o Nivus passou a ser ofertado com novos equipamentos e ficou ainda mais seguro. A versão Comfortline passou a vir de fábrica com ACC (Controle de Cruzeiro Adaptativo), AEB (Autonomous Emergency Brake / Frenagem Autônoma de Emergência) e Start-Stop. A lista de equipamentos de série do SUV cupê é ampla e contempla ainda seis airbags, sendo dois frontais, dois laterais nos bancos dianteiros e dois de cortina), controle eletrônico de estabilidade (ESC) e controle de tração (ASR), faróis em LED com luz de condução diurna em LED integrada, lanternas traseiras em LED, entre outros.

Recentemente, o SUVW atingiu 100 mil unidades vendidas. Para sua fabricação, a planta Anchieta recebeu novas instalações na área de armação. Foram adquiridos 419 novos equipamentos, sendo que destes 90 são robôs; parte destes robôs conta com a nova tecnologia de ponta VASS6, alinhada com a indústria 4.0, que permite maior precisão e mais segurança; e ampliação de mais de 24 mil metros quadrados de área, totalizando cerca de 105 mil metros quadrados. O Nivus também é o primeiro carro totalmente desenvolvido na América Latina a ser produzido na Europa.

Testes rigorosos

O novo protocolo do Latin NCAP (2020-2024) é divido em 4 grupos de avaliação, sendo eles, Proteção aos Ocupantes Adultos, Proteção aos Ocupantes Crianças, Proteção aos Pedestres e Sistemas de Assistência ao Condutor, e a nota geral é definida pelo menor índice entre os 4 grupos.

No grupo de Proteção aos Ocupantes Adultos, são realizados ensaios que englobam uma série de requisitos de segurança e performance biomecânica, através de impacto frontal a 64 km/h contra uma barreira deformável com 40% de sobreposição da frente do veículo , impacto lateral (contra uma barreira deformável montada em um trenó a 50 km/h contra o veículo) e impacto lateral contra poste (o veículo é lançado lateralmente a 29 km/h em direção a um poste). Além disso, é verificada a frenagem autônoma de emergência até 50 km/h (situação de trânsito urbano), avaliação do efeito chicote na coluna cervical (whiplash), integridade do sistema de combustível e adicionalmente a folha de resgate para o corpo de bombeiros, indicando os pontos corretos de corte da estrutura.

No grupo de Proteção aos Ocupantes Crianças, a avaliação é realizada com base na performance nos impactos frontal e lateral. Adicionalmente são avaliados os itens de proteção as crianças presentes no veículo, além da facilidade e segurança na instalação de cadeirinhas infantis.

No grupo de Proteção aos Pedestres, são avaliados os índices de lesão nas pernas, na região pélvica e na região da cabeça, englobando crianças e adultos durante testes de impacto na região frontal do veículo.

No grupo de Sistemas de Assistência ao Condutor, são avaliados a performance de dispositivos, como por exemplo, alerta de utilização dos cintos de segurança dianteiros e traseiros, controle eletrônico de estabilidade, limitador de velocidade e frenagem autônoma de emergência até 80 km/h (situação de transito interurbano).

Sobre o Latin NCAP

O Latin NCAP (New Car Assessment Program) é um programa independente de avaliação de carros novos para a América Latina e Caribe. Em parceria com organizações internacionais como Global NCAP, FIA (Federation Internationale de l’Automobile), FIA Foundation, ICRT (International Consumer Research & Testing), e o apoio do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O Latin NCAP tem como objetivo oferecer aos consumidores da América Latina e Caribe as avaliações independentes e imparciais de segurança dos carros novos, divulgando os resultados de acordo com os protocolos vigentes durante a avaliação.

Fonte: VW

Ford Bronco Comemora 57 Anos E Ganha Série Especial Nos EUA

O Ford Bronco completou 57 anos de lançamento, comemorados com a apresentação da edição especial “Heritage” nos EUA, inspirada no modelo original. Primeiro veículo a ser chamado oficialmente de utilitário esportivo, o Bronco foi produzido de 1965 a 1996 e voltou em 2020 com uma geração totalmente nova, representada no Brasil pelo Bronco Sport.

Em seus primeiros 30 anos de história, o Bronco teve mais de 1 milhão de unidades produzidas e tornou-se um ícone cultural, que simboliza um estilo de vida e a liberdade de chegar a qualquer lugar. Além de reunir milhares de entusiastas em fãs-clubes, foi celebrado em mais de 1.200 filmes e 200 músicas.

Concebido por Donald Frey e Lee Iacocca, os mesmos criadores do Mustang, o primeiro Bronco tinha como proposta combinar a robustez dos jipes 4×4, popularizados na guerra, com um padrão maior de conforto e dirigibilidade para uso civil. Ao longo das cinco primeiras gerações, tornou-se menor, mais leve e, entre outras inovações, introduziu a suspensão dianteira independente.

Em junho de 1996, a produção do Bronco foi interrompida. O gosto dos consumidores americanos estava mudando e o robusto SUV de duas portas foi substituído na linha Ford pelo Expedition de quatro portas. Porém, muitos fãs não se conformaram, como a comunidade Bronco Nation e a equipe Bronco Underground, formada por funcionários da Ford, que desde então trabalharam para trazer o veículo de volta.

O resultado veio em 2020, quando a Ford lançou a nova geração global do SUV. Em 2021, o Bronco Sport chegou também ao Brasil, combinando excepcional performance, capacidade todo-terreno e versatilidade para o uso diário com alto padrão de segurança, conveniência e conectividade.

Equipado com motor 2.0 EcoBoost de 253 cv, transmissão automática de oito velocidades, tração 4×4, diferencial traseiro blocante e sete modos de gerenciamento de terreno, ele encara qualquer trilha com muito requinte. Além de bancos parcialmente de couro com aquecimento, vem com 9 airbags, piloto automático adaptativo com Stop & Go, assistente autônomo de frenagem com detecção de pedestre, faróis de LED com luz alta automática, som B&O e carregador sem fio para celular. 

Fonte: Ford

Fiat apresenta Fastback com a melhor combinação de design, performance, segurança e tecnologia em um SUV coupé

Ao longo dos seus 46 anos, a Fiat não parou de se reinventar. Depois de revolucionar segmentos como o de picapes, criar o de SUPs e inovar o de veículos de passeios, a marca se prepara para mudar o mercado novamente. Desta vez com o Fiat Fastback, o seu primeiro SUV Coupé. Mais importante lançamento da Fiat dos últimos anos, o modelo reúne o melhor de cada segmento, como o maior porta-malas da categoria e amplo espaço interno, uma das maiores alturas em relação ao solo entre os concorrentes com posição de dirigir elevada e a esportividade dos motores turbo.

“Com esse lançamento, vamos ressignificar uma categoria. Estamos trazendo a melhor combinação de design, performance, segurança e tecnologia em um nível só visto em segmentos premium. O Fastback aponta na direção do nosso futuro. Totalmente projetado no Brasil e fabricado em Betim (MG), o modelo é o maior representante do reposicionamento da Fiat no mercado, atingindo um novo patamar na percepção do valor da nossa marca e nossos produtos”, afirma Herlander Zola, vice-presidente sênior da Fiat na América do Sul.

Tudo começou com um carro conceito apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018, que foi elogiado mundialmente por seu design que trazia a harmonização perfeita entre os desenhos de um SUV e um coupé. Com grande sucesso de público e mídia, o conceito ganhou vida e serviu como inspiração para o desenvolvimento do Fastback, desde o nome até as linhas marcantes e inovadoras.

Aliás, o próprio termo “fastback” faz referência direta a uma categoria super seleta de carros que têm em comum essa característica: o desenho veloz e as curvas dinâmicas. Um design fluido e esportivo, que faz com que ele pareça estar em movimento até quando parado. Desta forma, não teria outro nome que representasse tão bem o SUV Coupé da Fiat, já que ele reúne todos estes atributos e ainda traz os conceitos do renomado design italiano.

O Fastback foi desenvolvido para ser a combinação perfeita do melhor de cada segmento do mercado automotivo. Não é para menos, já que reúne a altura de solo e posição de dirigir de um SUV, um espaçoso porta-malas e a performance de um esportivo com motorização turbo. 

Disponível em três versões (Audace, Impetus e Limited Edition Powered By Abarth), o Fastback traz uma ampla lista de itens de série. Completo, ele sai de fábrica reunindo conteúdos como sistemas avançados de assistência à direção (ADAS), freio de mão eletrônico, paddle shifters (câmbio borboleta), cluster full digital de 7 polegadas, central multimídia de até 10,1 polegadas e o Fiat Connect////Me, plataforma de serviços conectados da marca, oferecido como item opcional. Vale dizer ainda que a Limited Edition Powered By Abarth traz um visual exclusivo e conta com o motor Turbo 270 Flex, líder em potência e torque frente a qualquer outro motor da categoria.

Segundo SUV da Fiat fabricado no Brasil, o Fastback se junta ao Fiat Pulse no segmento de mercado que mais cresce na preferência dos brasileiros. Além disso, o lançamento coloca a Fiat em um novo mercado: o de SUV Coupé, sendo o primeiro veículo da marca a ocupar tal categoria seleta. Ele será o topo de gama da linha de carros de passeio da Fiat, que está ainda mais completa. 

Design único e amplo espaço

O time do Design Center South America da Stellantis tinha uma grande missão: mais do que desenvolver um novo modelo, criar um modelo para estrear em uma nova categoria para a marca. Assim, nasceu um veículo imponente, autêntico e com o clássico design ítalo-brasileiro característico da Fiat. Para isso, uniu a posição de dirigir mais elevada e a volumetria externa típicas de SUVs com conforto interno e um porta-malas muito generoso. Além disso, foi adicionada ainda a essa mistura a esportividade de um coupé. Assim, se chegou a um desenho fluido, ágil, imponente e sedutor.

A sua musculatura também é um ponto de destaque. Na visão lateral salta aos olhos a silhueta fluida, com a coluna C inclinada e o teto mergulhando em direção à traseira. Esta é a essência de um SUV coupé. Importante notar a linha que começa na lateral, passa em cima da roda traseira e segue até o spoiler, dando movimento e largura para a traseira, transpirando velocidade.

Já o frontal é muito sofisticado, moderno e esportivo. O parachoque tem entradas aerodinâmicas e grade no formato de colmeia tridimensional em black piano. Os faróis com assinatura marcante são Full LED de série com DRL quando as setas são acionadas. Além de um desenho que transpira velocidade, o SUV coupé possui um toque que confere ainda mais esportividade e elegância: a pintura bicolor (item de série na Impetus e Limited).

Para completar, as rodas de liga leve possuem um design bem particular diamantado, que deixa o Fastback ainda mais completo e refinado. Chegando à traseira, essência do SUV coupé, a tampa do porta malas tem linha bem fluida, terminando na porção final imponente com lanternas a LED, super tecnológicas e flutuantes, no conjunto óptico tridimensional.

O design do interior que é clean, esportivo e futurista também chama a atenção no Fastback. O cockpit tem uma atmosfera envolvente para todos os ocupantes. Além disso, a posição do console central dá grande destaque à central multimídia e deixa todos os comandos em um só lugar ao alcance dos olhos e das mãos. Já a posição de direção mais alta transmite total sensação de segurança. Complementando essa ergonomia, os bancos são bem espaçosos, confortáveis e possuem acabamento primoroso, com tecidos suaves ao toque. Estão disponíveis o Mescla Sanchez com embossed, o couro ecológico Preto com embossed e o couro natural Steel Grey com bordado.

Ainda sobre o espaço interno, não tem como não falar do surpreendente porta-malas, que é simplesmente o maior da categoria, com impressionantes 600 litros de capacidade, maior comprimento, largura e abertura de acesso entre os concorrentes, além de cobertura retrátil, facilitando a disposição de diversas malas e quaisquer objetos que o usuário queira transportar. Com os bancos rebaixados, o volume ainda chega a 1.087 litros. O espaço está também na maior capacidade do segmento em seus porta-objetos: são 28 litros no total, o melhor da categoria. Vale dizer que o modelo conta com um porta-copos removível com porta-objetos secreto.

Para completar, por dentro o Fastback ainda traz algumas surpresas: easter eggs escondidos com desenhos que possuem a cara da Fiat. O modelo está disponível em seis cores: Preto Vulcano, Branco Banchisa, Cinza Strato, Prata Bari, Cinza Silverstone e Vermelho Monte Carlo (esta última como opção exclusiva da versão Limited Edition Powered by Abarth).

Máximo de segurança com porte imponente e performance esportiva

Garantindo uma combinação única de alta performance com o máximo de segurança, o Fastback foi desenvolvido sobre a plataforma MLA, uma das mais modernas e versáteis da Stellantis, totalmente modular e que entrega muita qualidade e robustez. Assim, o Fastback é um dos carros mais seguros produzidos no Brasil. A começar pela carroceria que é composta por 87% de aço de alta e ultra resistência que dissipam melhor a energia do impacto em caso de colisão, trazendo grande integridade ao habitáculo. Além disso, o veículo possui quatro airbags, sendo dois frontais e dois laterais, que possuem uma tecnologia tão eficiente que fazem dupla função, protegendo a cabeça e o tórax. Vale ressaltar que esse é um nível de proteção que atende às mais rigorosas normas internacionais de segurança.

Outro ponto forte do modelo é a altura do solo (192 mm) que está entre as melhores da categoria. Importante mencionar que, mesmo com essa dimensão elevada, o modelo garante baixa rolagem da carroceria em curvas. Junto com os ângulos de ataque (20,4) e transposição (21,2), as medidas fazem com que o Fastback encare tranquilamente quaisquer obstáculos na cidade e também os desafios de uma estrada de terra. No entanto, o porte dele não se limita à altura. Assim, ele também tem o maior comprimento (4,43m) entre os seus principais concorrentes.

Importante mencionar ainda que o Fiat Fastback tem novas suspensões. Uma otimização na geometria dianteira permitiu um centro de rolagem mais baixo, para aumento da estabilidade, e uma nova relação de direção que garante uma direção mais precisa e direta. Traz também um maior diâmetro da barra estabilizadora que confere mais estabilidade dinâmica. Além disso, foi desenvolvido um novo eixo traseiro que dá mais rigidez, reduzindo a rolagem da carroceria e garantindo mais estabilidade. As suspensões ainda contam com novas molas e amortecedores para um melhor handling, mantendo um alto nível de conforto.

Potente é outra palavra que descreve bem o modelo. Uma vez que toda a linha Fastback é 100% turbo. Com duas opções de motorização, ele é equipado nas versões Audace e Impetus com o Turbo 200 Flex com potência de 130 cv com etanol (125 cv com gasolina) e torque de 200 Nm. O propulsor permite que o modelo vá de 0 a 100km/h em  apenas  9,4 segundos, sendo o mais rápido entre os competidores com motor 1.0 turbo na categoria. O consumo do propulsor também impressiona por ser o menor entre os concorrentes com propulsor 1.0 turbo, registrando até 14,6 km/l na estrada.

Já para aqueles que procuram um desempenho ainda mais arrojado, a Fiat traz o motor Turbo 270 Flex com a potência de 185 cv com etanol (180 cv com gasolina) e 270 Nm de torque na versão Limited Edition Powered by Abarth, maiores potência e torque entre os concorrentes. Ele vai de 0 a 100 km/h em 8,1 segundos e é ainda o mais rápido entre os competidores com motor turbo até 1.5l. Para completar, tem a melhor relação peso-potência da categoria (7kg/cv).

E para deixar o Fiat Fastback ainda melhor, o modelo vem com três modos de direção: Normal (foco em menor consumo e mais conforto), Manual (mais versatilidade) e Sport (resposta mais rápida). Para optar pelo último, basta acionar um botão no volante e então todo o ajuste do carro é alterado com maior sensibilidade do pedal acelerador, um mapeamento mais arisco das trocas de marcha, um modo de direção mais firme e o acionamento da vetorização dinâmica de torque (DTV).

Para comandar esses motores de ponta, a transmissão também está à altura. Por isso, o Fastback vem com câmbio CVT nas versões com Turbo 200 e transmissão automática de 6 marchas associada ao Turbo 270.

Tecnologia

Segurança e tecnologia se encontram no Fiat Fastback. O modelo é equipado com ADAS (sistemas avançados de assistência à direção) com as seguintes funcionalidades: frenagem automática de emergência, que evita colisões contra veículos à frente; alerta de mudança de faixa, que auxilia o motorista em caso de saída da pista em que está, e a comutação automática dos faróis, que define entre o farol alto e baixo automaticamente.

Ele traz também como item de série o freio de mão eletrônico: basta pressionar uma tecla no console central para acioná-lo. A função traz mais uma conveniência: o Auto Hold. Com ela, o Fastback mantém o freio acionado após retirar o pé do pedal, seja em uma subida, um semáforo ou no engarrafamento, trazendo muito mais conforto para o dia a dia do cliente.

O modelo também vem com paddle shifters, mais conhecidos como “câmbio borboleta”. Eles ficam logo atrás do volante e, com apenas um toque, é possível trocar de marcha. O novo SUV da Fiat traz também cluster full digital de 7 polegadas personalizável em que o usuário pode escolher se deseja ter informações de forma analógica ou digital, como força G, pressão do turbo, consumo em tempo real, entre outras.

Não poderia faltar conectividade também no Fiat Fastback. Ele é equipado com central multimídia de 8,4 ou 10,1 polegadas (de acordo com a versão) com o Fiat Connect////Me, a plataforma exclusiva conectada da marca, vinculado à tela maior, além de Apple CarPlay e Android Auto sem fio. Com mais de 30 funcionalidades, o sistema conectado da marca  permite que o usuário tenha acesso a todas as informações do seu Fastback, como diagnósticos e a localização do veículo pelo smartphone, smartwatch ou até através de um assistente pessoal como Alexa ou Google Assistant. Para completar, agora passará a ser possível também fazer o agendamento da revisão e de outros serviços em concessionária diretamente pelo app My Uconnect conectado à central.

O modelo conta ainda com wireless charger (carregador por indução) para smartphones com saída de ar-condicionado dedicada nesta região, navegação embarcada com trânsito em tempo real de série, função TC+ que garante melhor frenagem em condições de baixa aderência, controle de estabilidade, câmera de ré e novo ar-condicionado automático digital que possui saída para fila traseira para maior conforto térmico. Além disso, conta com o recém-lançado Sound Design da Fiat, com notificações e alertas com tons agradáveis, para que o usuário tenha uma jornada auditiva ainda mais amigável.

Versões e Preços

Fastback Audace Turbo 200 Flex AT                                     

A versão Audace é equipada com o motor Turbo 200 e câmbio CVT.  Traz uma ampla lista de itens de série, como ADAS (frenagem automática de emergência, alerta de mudança de faixa e comutação automática dos faróis), controle de estabilidade e tração, airbags frontais e laterais de tórax e cabeça, rodas de liga leve de 17”, freio de mão eletrônico com Auto Hold, ar-condicionado automático e digital, paddle shifters (borboleta no volante), sensor e câmera de estacionamento traseiros, wireless charger, central multimídia com tela de 8,4” com pareamento sem fio, carregador por indução e faróis e lanternas Full LED.

Preço sugerido Brasil (exceto São Paulo e Zona Franca de Manaus):

R$ 129.990

Fastback Impetus Turbo 200 Flex AT  

Além dos itens disponíveis na Audace, a versão Impetus traz bancos revestidos em couro, acabamento interno escurecido, sensor de estacionamento dianteiro, pintura bicolor com teto em preto, faróis de neblina dianteiros com função cornering lamps, roda esportiva com acabamento diamantado de 18″, retrovisores externos com rebatimento elétrico, tapetes de carpete e painel de instrumentos 7″ Full Digital. Também conta com a central multimídia com tela de 10,1″ com Apple Carplay e Android Auto sem fio.

Preço sugerido Brasil (exceto São Paulo e Zona Franca de Manaus):

R$ 139.990

Fastback Limited Edition Powered by Abarth Turbo 270 Flex AT

A edição limitada do escorpião mais famoso do mundo é equipada com o potente motor Turbo 270 e câmbio automático de 6 marchas. Além de todos itens disponíveis nas outras versões, esta configuração possui rodas esportivas de liga leve 18″ com pintura escurecida e badges “Limited Edition” nos para-lamas dianteiros, além de “Powered by Abarth” no cofre do motor e na tampa do porta-malas.

Preço sugerido Brasil (exceto São Paulo e Zona Franca de Manaus):

R$ 149.990

Garantia, Revisões e Acessórios

Com três anos de garantia, o Fiat Fastback tem cesta de peças mais acessível entre os concorrentes (até 47% melhor nas versões com motor Turbo 200 e até 38% melhor na versão com Turbo 270). Ele ainda possui três opções de pacotes de manutenção com utilização de peças genuínas que podem ser adquiridos junto com o veículo para mais tranquilidade e conveniência do cliente. O plano Tranquilidade inclui três revisões programadas. O Proteção traz, além das revisões, a cobertura de itens de desgaste, palheta de parabrisa, oxi-sanitização, alinhamento e balanceamento. O terceiro pacote – Segurança – inclui todos os itens do plano anterior e mais um ano de garantia adicional. 

Com produtos testados e homologados pela Mopar, o portfólio de acessórios para o Fiat Fastback traz mais de 35 opções, como rodas 17” em liga escuras, kit farol de neblina, som premium JBL, rebatimento elétrico do retrovisor, frisos pintados, tapete de porta-malas com bordas elevadas, protetor de soleira, engate de reboque integrado e  transbike para engate.

Fonte: Fiat

Jeep® Compass e Commander apresentam linha 2023 com mais tecnologia e novos equipamentos de série

Dando continuidade a uma trajetória de inovação e de renovação na mobilidade, a Jeep® anuncia a chegada da gama 2023 do Compass e do Commander. Os SUVs, que já são um verdadeiro sucesso de vendas da marca, líderes de suas categorias no mercado brasileiro, chegam com novos equipamentos de série que conferem mais segurança, comodidade e tecnologia.

Os modelos ganharam ainda uma dose extra de proteção com o Jeep Healthy Cabin, uma tecnologia que remove partículas com impurezas do ar e elimina impurezas em até 83%. 

Jeep Compass chega com novidades em todas as versões

De nova iluminação até Alexa in-vehicle, o Compass 2023 traz novidades em todas as versões com novos itens de série e pacotes opcionais.  O SUV médio mais vendido do país que já possui uma extensa lista de itens de série, ganhou mais equipamentos para continuar seguindo a sua trajetória de sucesso.

Além do Jeep Healthy Cabin, todas as versões do modelo passam a sair de fábrica com nova iluminação interna em luz branca e porta USB tipo C na traseira, que possui carregamento mais rápido, entrada simétrica, alta durabilidade e é o novo padrão de fabricantes de dispositivos eletrônicos.

Um dos veículos nacionais mais tecnológicos, o Compass também traz uma novidade nesse quesito e passa a oferecer Alexa in-vehicle, recurso em que é possível ter acesso a todas as funções da Alexa diretamente do carro, sem necessidade de usar o celular. Esta funcionalidade é oferecida como item de série na versão S e como opcional na versão Trailhawk. 

Já a versão Sport ganhou um quadro de instrumentos digital e configurável de 7” e atualização da assinatura em LED, para assim padronizar com as demais versões do modelo. E a Longitude passa a ser ofertada com rebatimento automático dos retrovisores como item de série e a oferta do novo “Pack Premium”, um pacote opcional que oferecerá à versão o Wireless Charger (carregador de celular por indução), Som Premium Beats, Park Assist, Sensor dianteiro e Remote Start 

Versões do Commander ganham pneus SEAL INSIDE™

Uma novidade para as versões Overland T270 e TD380 do Commander são os pneus Pirelli 19”, equipados com a nova tecnologia SEAL INSIDE™. De acordo com a fabricante, trata-se de uma solução de conveniência que veda o pneu internamente, permitindo que o veículo continue rodando mesmo com perfurações de até 5mm localizadas na banda de rodagem e sem perder pressão*.

Assim como no Compass, outra renovação é também a porta USB tipo C, adicional ao USB tradicional, na parte traseira do túnel central e também o Jeep Healthy Cabin se série em todas as versões. 

Por fora, o modelo oferece seis opções de cores tradicionais (Branco Polar, Cinza Granite, Prata Billet, Azul Jazz, Preto Carbon, e a exclusiva Slash Gold). Nas versões Overland, além do teto preto, as molduras inferiores são na cor do veículo. Por dentro, há três cores como opções para o acabamento interno: couro e suede preto (Limited), couro e suede marrom (Overland) e couro cinza (opcional).

Internamente, são três fileiras de assentos, sete lugares e um dos maiores porta-malas da categoria com 1.760 litros com todos os bancos rebaixados, 661 litros na configuração com cinco ocupantes e 233 litros com os sete assentos levantados, o maior volume com sete ocupantes no segmento. Além disso, o modelo também conta com surpreendente espaço de porta-objetos: 31 litros de volume.

O Commander segue oferecendo o que há de mais moderno em segurança e conectividade: cluster Full Digital personalizável de 10,25” e central multimídia com tela touch de 10,1” Full HD com navegação embarcada e espelhamento para Apple CarPlay e Android Auto por conexão sem fio e tudo mais que fazem do modelo um grande sucesso desde o seu lançamento.

Jeep Healthy Cabin

Desenvolvido pelo time de engenharia da Stellantis, o Jeep Healthy Cabin é uma tecnologia global com o foco de desinfecção da cabine, já que atua com um filtro de ar construído em N95, o já conhecido material utilizado em máscaras de proteção e que ficou mais popular durante a pandemia. Tudo isso sem influenciar no bom desempenho da circulação do ar. 

O filtro é tão eficiente que ele também atua na recirculação, ou seja, trabalha tanto canalização do ar interno como o externo. Diferente de um filtro de ar convencional, o da Jeep possui três camadas e ainda bioproteção, que auxilia no combate à proliferação de bactérias, fungos e vírus.

* A fabricante dos pneus informa que a pressão se mantém em até 85% dos casos de perfuração conforme indicado.

Fonte: Stellantis

A Marca Jeep® revela Plano para Liderar a Eletrificação Global de SUVs

A marca Jeep® anunciou hoje um plano abrangente para sua próxima geração de veículos 4xe totalmente elétricos como parte de uma transformação sustentável para se tornar a marca líder de SUVs eletrificados do mundo. 

O plano, apresentado no canal da marca no YouTube: www.youtube.com/thejeepchannel, prevê a introdução de quatro SUVs totalmente elétricos na América do Norte e na Europa até o fim de 2025. Como parte de um plano abrangente de produtos em andamento, 50% das vendas da marca Jeep nos EUA serão totalmente elétricas até 2030, enquanto 100% das vendas na Europa serão totalmente elétricas até a mesma data. O plano apoia as metas de zero emissões de carbono estabelecidas pela Stellantis durante o Dare Forward 2030 plano estratégico de longo prazo..

“Impulsionados pelo sucesso de nosso portfólio 4xe eletrificado na América do Norte e na Europa, estamos projetando e desenvolvendo os SUVs Jeep mais capazes e sustentáveis até hoje, buscando nos tornar a marca líder de SUVs com emissão zero no mundo”, disse Christian. Meunier, CEO da marca Jeep. “Esta é uma estratégia com visão de futuro para ajudar a garantir que milhões de fãs da Jeep em todo o mundo continuem a ter um planeta para explorar, abraçar e proteger. A eletrificação é ótima para nossa marca, tornando-a ainda mais capaz, emocionante, sustentável e divertida.” 

A marca Jeep mostrou as primeiras imagens de dois SUVs totalmente elétricos – o novo Jeep Recon e um novo Wagoneer, codinome Wagoneer S – que chegarão à América do Norte e outras regiões do mundo, confirmando que o novo Jeep Avenger totalmente elétrico será lançado na Europa no início do próximo ano.

Portfólio eletrificado da marca Jeep na América do Norte

Com base no sucesso do Jeep Wrangler 4xe, o veículo híbrido plug-in (PHEV) mais vendido nos EUA, e o recém-apresentado Grand Cherokee 4xe, a marca está desenvolvendo uma ampla gama de produtos eletrificados especificamente desenvolvidos para aprimorar a lendária capacidade da marca e expandindo seu alcance na América do Norte.

“Com a expansão contínua da tecnologia 4xe em todo o nosso portfólio, estamos redefinindo liberdade e aventura de uma forma que apenas a marca Jeep consegue”, disse Jim Morrison, Head da marca Jeep na América do Norte. “Até o final de 2025, nossa linha completa será eletrificada, incluindo quatro veículos totalmente elétricos competindo no coração do mercado”.

Esse plano de eletrificação também expandirá o portfólio da Wagoneer. A marca oferecerá um Wagoneer totalmente novo e totalmente elétrico no segmento de SUVs médios premium, enquanto nos segmentos de SUVs grandes os modelos Wagoneer fornecerão powertrains que visam um alcance combinado estimado de 500 milhas (800 km).

Até 2030, a marca Jeep oferecerá uma gama completa de novos veículos elétricos a bateria (BEV), estabelecendo liderança no setor de SUVs em termos de número de modelos, participação no segmento e volume de vendas. Como resultado, 50% das vendas da marca nos EUA serão veículos totalmente elétricos.

O novo Jeep Recon: 100% Jipe; 100% emissão zero

Um dos primeiros SUVs elétricos totalmente novos que serão lançados inicialmente na América do Norte é o Jeep Recon.

Esse veículo totalmente novo é destinado a quem gosta de explorar aventuras extremas em quase silêncio com um pacote de veículo robusto e totalmente elétrico.   

O Jeep Recon foi projetado desde o início para ser 100% Jeep 4×4 e 100% emissão zero. Esse SUV será oferecido exclusivamente como um BEV e aprimorará as aventuras off-road com: 

“O novíssimo Jeep Recon totalmente elétrico consegue atravessar a poderosa Rubicon Trail, uma das trilhas off-road mais desafiadoras dos EUA, e chegar ao final da trilha com autonomia suficiente para voltar à cidade e recarregar”, disse Meunier.

Esse SUV global será apresentado ao público no próximo ano e a produção começará em 2024 na América do Norte. Os clientes nos EUA poderão fazer uma reserva para o novo SUV Jeep Recon BEV no início de 2023. O Jeep Recon será vendido nos principais mercados do mundo, incluindo a Europa.

Um Wagoneer totalmente novo e totalmente elétrico – The Art of American Premium

A família Wagoneer também deve crescer com um SUV totalmente novo. Com o codinome Wagoneer S, este veículo totalmente elétrico continuará a expandir a presença da marca no segmento de SUV premium, oferecendo um design único, elegante e aerodinâmico e capacidade 4×4 como padrão, preparado para todos os tipos de terreno, com a tecnologia avançada da marca Jeep e suas credenciais de desempenho.

Esse novo SUV global totalmente elétrico será oferecido exclusivamente como um BEV, visando autonomia de 400 milhas (644 km) com uma única carga, 600 cv e um tempo de 0-60 mph de cerca de 3,5 segundos. 

Com um design exterior marcado por uma grade iluminada por LED, esse SUV é conduzido pela eficiência aerodinâmica, combinada com a icônica visão lateral vertical do Wagoneer.

“Vamos encantar nossos clientes com um SUV premium e altamente eficiente, carregado de tecnologia e projeto de alta qualidade, oferecendo capacidade 4×4, alto desempenho, aceleração rápida e um alcance alvo de 400 milhas com uma única carga”, acrescentou Meunier.

O novo Wagoneer BEV também será apresentado ao público no próximo ano e a produção começará em 2024 na América do Norte. Os clientes nos EUA poderão fazer reserva para esse modelo Wagoneer totalmente elétrico no início de 2023. Ele será vendido nos principais mercados do mundo, incluindo a Europa.

Novo Jeep Avenger, o primeiro SUV Jeep totalmente elétrico, chega à Europa em 2023

Na Europa, a marca Jeep já fez uma grande mudança ao oferecer apenas SUVs eletrificados em países como Alemanha e França. Até o final deste ano, 100% do portfólio de SUVs Jeep estará eletrificado em quase todos os mercados europeus.

O plano revelado hoje se baseia no bom momento do 4xe, desenvolvendo um portfólio de veículos totalmente elétricos poderosos, projetados e dimensionados para a Europa. A marca apresentará quatro veículos de emissão zero na Europa até 2025, com ofertas nos principais segmentos de volume. Como resultado dessa ofensiva de produtos, todos os veículos Jeep à venda na região serão 100% elétricos até 2030.  

O primeiro modelo dessa investida é o novo e totalmente elétrico Jeep Avenger, um SUV compacto que foi apresentado durante o plano estratégico de longo prazo Stellantis Dare Forward no início desse ano.

O novo Jeep Avenger, que será lançado na Europa e em outros mercados, como Japão e Coreia do Sul, será posicionado sob o Jeep Renegade e será produzido na fábrica de alta eficiência em Tychy, na Polônia.  

Com autonomia elétrica almejada de 400 quilômetros, esse novo SUV oferecerá impressionantes altura no solo e ângulo de entrada para seu segmento, ao mesmo tempo em que entrega um interior moderno e tecnologicamente avançado, com muito espaço para passageiros e carga.

“O novo Avenger oferecerá a funcionalidade da marca Jeep que é adequada ao mercado europeu”, disse Antonella Bruno, Head da Jeep Europa na Stellantis, “Esse SUV moderno, divertido e emocional atrairá uma quantidade cada vez maior de clientes que procuram por uma alternativa hábil, compacta, moderna e totalmente elétrica da marca Jeep para os players atuais.” 

O Jeep Avenger vai estrear durante o dia de imprensa do Salão Automóvel de Paris, em 17 de outubro, com abertura de reservas para os clientes nesse mesmo dia. O novo Jeep Avenger chegará aos showrooms europeus no início de 2023.

Brasil e América do Sul

O primeiro passo da Jeep em direção à eletrificação no Brasil e na região já foi dado com o lançamento do Compass 4xe Híbrido Plug-in em abril de 2022. O modelo foi o primeiro fruto de uma estratégia de eletrificados para a nossa região, em linha com o plano global da marca. Um segundo modelo 4xe chegará em breve ao país. A Jeep segue atenta às demandas do mercado de elétricos no Brasil e na América do Sul e dispõe de todas as tecnologias para responder aos anseios dos clientes hoje e no futuro.

4xe é o novo 4×4

A marca Jeep continua a expandir seu portfólio 4xe em todo o mundo, aprimorando sua lendária capacidade 4×4 com o uso de eletrificação e tecnologia. Embora os detalhes do plano atual se concentrem na América do Norte e na Europa, planos específicos para outras regiões serão anunciados posteriormente.

“Hoje, compartilhamos apenas um vislumbre do nosso novo portfólio de SUVs totalmente elétricos, fornecendo evidências tangíveis do que está por vir nos próximos 24 meses e por que dizemos que o 4xe é o novo 4×4”, disse Meunier. “Essa poderosa combinação de design Jeep, capacidade 4×4 lendária e eletrificação remodelará o mercado de SUVs, permitindo que mais clientes em mais países e em mais segmentos se juntem a nós em nosso caminho para a Liberdade com Emissão Zero.”

Ford Revela O Emblema GT Em Novo Teaser Do Mustang

A Ford divulgou um novo teaser do Mustang, como aquecimento para a revelação global da sétima geração marcada para o dia 14 de setembro, no Salão do Automóvel de Detroit, nos EUA. Além do ronco do motor, desta vez é mostrado o emblema “GT” do esportivo – veja aqui.

A apresentação da nova geração poderá ser acompanhada pelo canal da Ford no YouTube e pela página do Ford Mustang no Facebook, a partir das 21h00 (horário de Brasília), e é cercada de grande expectativa. Afinal, trata-se de um dos maiores ícones da indústria automobilística mundial, que desde os anos 60 empolga os fãs com seu design, potência e legado. Há sete anos consecutivos, é o cupê esportivo mais vendido do mundo.

No Brasil, o Mustang foi lançado oficialmente em 2018 e hoje soma mais de 2.300 unidades vendidas. Ele chegou na versão GT e em 2020 foi sucedido pelo Mustang Black Shadow, edição comemorativa de 55 anos. Em 2021, trouxe o Mach 1, reedição de uma das versões especiais mais festejadas da linha.

Produzido em edição limitada, com motor V8 de 483 cv e vários itens exclusivos, o Mustang Mach 1 é um carro focado em performance, desenvolvido para oferecer uma experiência incomparável na pista. O seu estilo é uma releitura moderna do clássico, repleta de referências históricas.

O Mach 1 traz várias peças dos icônicos modelos Bullitt, Shelby GT350 e Shelby GT500, incluindo sistema de arrefecimento do diferencial traseiro e radiador da transmissão. Também é o primeiro Mustang conectado no Brasil, com acesso remoto a diversas funções pelo aplicativo FordPass. 

No modelo 2022, ele passou a oferecer as novas cores perolizadas Verde Fuji, Laranja Delhi, Azul Estoril e Roxo Zolder, combinando faixas pretas com destaque em branco, e Cinza Catalunha com faixas pretas e destaques em vermelho.

Fonte: Ford

Ford Apresenta A Primeira Picape Policial Elétrica Dos EUA, A F-150 Lightning Pro SSV

A Ford apresentou a primeira picape elétrica da América do Norte feita especialmente para uso da polícia, a F-150 Lightning Pro SSV (Special Service Vehicle). O veículo combina a tradicional resistência da família de picapes Raça Forte com um nível surpreendente de performance, menores custos com combustível e manutenção programada e soluções inovadoras para apoiar o trabalho das forças da lei.

A F-150 Lightning Pro SSV chama a atenção pela força bruta. Com bateria padrão, ela tem potência de 458 cv, torque de 107 kgfm, carrega 1 tonelada e é capaz de rebocar 3.492 kg. Com bateria de capacidade estendida, a potência sobe a 588 cv e ela acelera de 0 a 100 km/h abaixo de 4 segundos, mantendo o mesmo torque, enquanto a capacidade de reboque chega a 4.535 kg.

Além do arranque imbatível para perseguições, a viatura elétrica foi projetada para atender outras necessidades da atividade policial. Ela tem capacidade de sobra para rebocar um barco ou trailer e, com o gerador Pro Power Onboard, pode servir como fonte de energia para iluminar cenas de acidentes noturnos na estrada. Sob o capô, o novo compartimento “Mega Power Frunk”, de 399 litros, pode ser usado para transportar vários equipamentos.

Seus itens especiais incluem: bancos com tecido reforçado e molduras reduzidas para facilitar a entrada e saída de policiais armados; chapas protetoras de aço nos encostos dos bancos dianteiros; barras de teto com luzes sinalizadoras de LED; bandeja reforçada acima do painel para montagem de equipamentos; e bancos traseiros de vinil, de fácil limpeza. Internamente, vem com painel digital de 12” e tela central sensível ao toque de 12” em formato paisagem.

As tecnologias de assistência da F-150 Lightning Pro SSV incluem frenagem autônoma de emergência, alerta de ponto cego e controle inteligente de carga. Ela conta também com várias soluções de recarga, manutenção e administração da frota, usando a plataforma de veículos conectados, softwares e serviços da Ford Pro, divisão de veículos comerciais da marca.

A Ford é a principal fornecedora de veículos para a polícia dos Estados Unidos, uma tradição construída há mais de 70 anos. A Ford Pro atende hoje mais de 12.000 departamentos de polícia no país e vende mais veículos no segmento que todas as outras marcas somadas. A empresa atribui esse sucesso à estreita colaboração com os clientes do setor, especialmente o Conselho Consultivo da Polícia.

“Temos orgulho de oferecer a primeira picape elétrica para a polícia da América do Norte, com tecnologia revolucionária para ajudar a melhorar a sua produtividade”, diz Nate Oscarson, gerente de vendas ao governo da Ford Pro nos EUA.

Fonte: Ford

Ford Apresenta Como O Centro De Desenvolvimento E Tecnologia De Tatuí Se Prepara Para O Futuro Da Mobilidade

A Ford Brasil tem como um dos pilares do seu modelo de negócio o desenvolvimento de tecnologia e inteligência automotiva. Depois de anunciar a ampliação do Centro de Desenvolvimento e Tecnologia, com sede na Bahia, a empresa detalhou o papel estratégico do Centro de Tatuí, no interior paulista, como parte vital do seu ecossistema de inovação no país.

“A Ford é a única empresa da América Latina a contar com uma estrutura completa para desenvolvimento e testes automotivos integrada a um time de engenharia local com capacidade para desenvolver veículos globais”, diz Alex Machado, diretor de Desenvolvimento da Ford América do Sul.

Criado há mais de 40 anos, o Centro de Tatuí possui pistas e laboratórios que atendem a padrões e exigências mundiais – veja o infográfico. Nessa nova fase, a operação passa a adotar um nível superior de digitalização, que é fundamental para o desenvolvimento de veículos conectados, elétricos e autônomos, incluindo a instalação de antena 5G e sensoreamento das pistas para comunicação com os sistemas de direção autônoma. Essa mudança se reflete também no novo nome da unidade – Centro de Desenvolvimento e Tecnologia de Tatuí –, que até então era conhecida como Campo de Provas.

Os profissionais do Centro de Tatuí atuam no desenvolvimento, testes, validações e homologações dos modelos do portfólio atual, tanto para o Brasil quanto para a América do Sul, além de participar de projetos globais, incluindo tecnologias da mobilidade do futuro que ainda chegarão às ruas.

Aliando infraestrutura de ponta ao capital humano qualificado, a Ford identificou uma oportunidade de negócio e expandiu a atuação da unidade, que iniciou a prestação de serviços para outras empresas, tanto da área automotiva como de outros setores, o que diferencia o papel do Centro de Tatuí dos demais centros de testes presentes na região.

Com a recente expansão, a área de desenvolvimento do produto da Ford no Brasil conta, hoje, com um time de 1.500 profissionais e tem a expectativa de gerar uma receita de R$ 500 milhões em 2022 com a exportação de serviços de engenharia para mercados globais.

“Estamos provando que investir em desenvolvimento de tecnologia e inteligência automotiva é um negócio rentável, mas que requer uma estrutura de desenvolvimento e testes com profissionais altamente capacitados. Por isso, Tatuí representa um diferencial competitivo e estratégico para a Ford no Brasil e no mundo”, diz Rogelio Golfarb, vice-presidente da Ford América do Sul.

Estrutura completa

O Centro de Desenvolvimento e Tecnologia de Tatuí é um dos sete da Ford no mundo, ao lado dos existentes nos Estados Unidos (três), na Europa, Austrália e China. Sua estrutura de padrão mundial permite testar veículos para o Brasil e também para outras regiões, como Estados Unidos, China e Europa, reproduzindo as condições e os desafios desses locais a partir da correlação de pistas.

O Centro de Tatuí ocupa uma área total de 4,66 milhões de m2, dos quais 3,63 milhões de m2 são de áreas verdes preservadas, com árvores nativas e mais de 360 espécies de animais. Seus 40 km de pistas de terra e 20 km de pistas pavimentadas incluem áreas de alta e baixa velocidade com diferentes tipos de piso e traçados, como areia, cascalho, pedras e lama, além de lombadas, obstáculos, tanque de transposição de água e rampas com até 40º de inclinação.

O local está preparado para realizar mais de 440 tipos de testes, como avaliação de durabilidade, calibração, desempenho e segurança, além de homologação. Desde o início das atividades, mais de 250 milhões de quilômetros já foram rodados nas suas pistas, o equivalente a mais de seis voltas ao redor da Terra.

Os laboratórios de emissões, desmontagem e análise de peças (Teardown), dinamômetro de motores, vibroacústico e simulador de estradas para avaliação de suspensão (4Poster) são equipados para realizar mais de 400 testes, atendendo a legislações e normas nacionais e regionais.

Há também as áreas de suporte, com garagem experimental, montagem de protótipos, almoxarifado e posto de combustível, além de carregadores para veículos elétricos, incluindo um ultrarrápido de até 60 kW CC e 43 kW CA.

Capital humano

Mais do que produtos e tecnologias, o Centro de Desenvolvimento e Tecnologia da Ford em Tatuí investe nas pessoas, formando talentos locais que ajudam a fazer da engenharia brasileira uma das mais competitivas do mundo.

“O capital humano é raro e extremamente valorizado atualmente. Mesmo com o avanço da tecnologia e das simulações virtuais, os testes em pista e a sensibilidade dos pilotos ainda são essenciais para o ajuste fino e a validação dos veículos”, explica Alex Machado. “Essa combinação é a base do chamado DNA Ford de Engenharia, que garante o padrão de desempenho e a qualidade dos nossos veículos.”

A variedade de competências do time de engenharia da Ford no Brasil é reconhecida globalmente. Esse leque abrange desde as áreas mais tecnológicas, como conectividade e simulação de dinâmica veicular, até as mais técnicas e igualmente essenciais, como calibração, testes de emissões, desmontagem e análise de peças.

“Segurança, versatilidade e confidencialidade são palavras-chaves que resumem o papel de Tatuí. Aqui, realizamos um trabalho minucioso, personalizado e investigativo, que exige muita precisão e treinamento. Esse conhecimento é utilizado inclusive no pós-venda, para a melhoria contínua dos veículos que já estão circulando nas ruas”, destaca Marinna Silva, gerente do Centro de Desenvolvimento e Tecnologia da Ford em Tatuí. “Nosso objetivo é entregar um portfólio empolgante de veículos inteligentes para consumidores conectados, tanto no presente quanto no futuro.”

Eletrificação

A Ford anunciou investimentos globais em eletrificação de US$ 50 bilhões até 2026 e projeta que 50% das suas vendas sejam de veículos elétricos até 2030. Ao mesmo tempo, desenvolve uma série de iniciativas para garantir o suprimento de baterias e matérias-primas, com uma meta de produção global de mais de 2 milhões de veículos elétricos por ano até 2026.

Tanto o Mach-E quanto a E-Transit são sucessos globais de vendas. Na América do Norte, eles ajudaram a Ford a crescer o triplo do segmento de veículos elétricos em julho e a E-Transit é dona de 95% das vendas de vans elétricas. “Esses modelos estão sendo testados aqui em Tatuí, no Brasil, com o objetivo de avaliar o seu comportamento na região da América do Sul e relação com as características dos nossos consumidores”, diz Rogelio Golfarb.

O executivo destaca que não se trata de um anúncio de lançamento desses modelos no Brasil, mas reforça o papel de Tatuí no futuro da mobilidade, testando os produtos mais icônicos da marca.

A E-Transit é a primeira van elétrica de uma grande montadora na América do Norte. Ela prova que os veículos comerciais elétricos não são mais uma visão do futuro, mas uma realidade que aumenta a produtividade dos clientes com a conectividade e outros recursos inovadores.

Já o Mach-E é um ícone de esportividade que une a emoção do Mustang, cupê esportivo mais vendido no mundo, com a versatilidade de um SUV para toda a família. Ele traz o estado da arte da tecnologia e conectividade, com o espírito de liberdade do Mustang e um design incomparável, capaz de se adaptar facilmente ao estilo de vida dos clientes. 

Fonte: Ford

Versátil e único: Novo Citroën C3 chega ao Brasil partindo de R$ 68.990

Acessível, inovador, prático, inteligente e com atitude SUV. Assim é o Novo C3, grande novidade da Citroën para o mercado brasileiro em 2022. Primeiro de uma família de três modelos desenvolvidos e fabricados na América do Sul, o Novo C3 é um hatchback moderno, forte e cheio de personalidade, por onde a Citroën expressa toda sua originalidade.

Ousada, viva e autêntica, a Citroën gosta de fugir do senso comum, sempre com muita cor, movimento e criatividade. O Novo C3 traz tudo isso – e um tanto mais. O modelo oferece excelente altura livre do solo (uma das maiores da categoria) e posição de dirigir inigualável, além do conforto reconhecidamente Citroën e um dos melhores espaços internos do segmento. Unindo atributos de um hatchback com os de um SUV, o Novo C3 consegue oferecer o melhor dos dois mundos, com alto nível de qualidade e conectividade. Posicionado na faixa de preço próxima de modelos menores, mas com o porte de um B-Hatch, o C3 entregará ao cliente um produto com a excelência Citroën, cabine ampla e o maior porta-malas entre seus principais competidores por valores altamente competitivos.

“O Novo C3 marca uma nova era para a marca na região, com espaço, robustez, atitude SUV e Citroën Connect Touchscreen 10” com uma acessibilidade competitiva para o segmento”, fala Vanessa Castanho, Vice-presidente da Citroën para a América do Sul. “Ele é uma parte crucial da estratégia da Citroën de alcançar 4% de participação do mercado brasileiro até 2024 e vai ao encontro dos desejos dos nossos consumidores.”

Para alcançar esses objetivos, a Citroën promove um crescimento histórico de sua rede, com mais de 180 concessionários espalhados pelo Brasil até o fim de 2022. “Com isso teremos 80% de cobertura territorial, reforçando nosso respeito com o cliente antes, durante e após a compra”, revela André Montalvão, Vice-presidente comercial da Citroën.

NOVO C3 EXPANDE AS POSSIBILIDADES

O Novo Citroën C3 foi desenvolvido por uma equipe multicultural em diversos continentes, além de se beneficiar da sinergia global da Stellantis. Sua versatilidade começa pela variante da moderna plataforma modular CMP, que estreia no Polo Automotivo de Porto Real (RJ) após um investimento de R$ 220 milhões na unidade.

Flexível e já consolidada em diversos produtos de sucesso da Stellantis, a variante da plataforma CMP permite ao Novo C3 reunir atributos que pareciam inconciliáveis há alguns anos: praticidade de um hatch, atitude SUV, cabine ampla, um grande porta-malas e, é claro, o conforto de um Citroën. A tecnologia desta nova arquitetura permitiu à marca criar um produto que atendesse a todos os desejos de seu cliente com uma acessibilidade única.

O Novo C3 chega ao mercado mais brasileiro do que nunca, com 70% de nacionalização, incluindo os modernos motores 1.0 Firefly e 1.6 16V EC5 produzidos nas fábricas de motores de Betim (MG) e Porto Real. Seu desenvolvimento levou em conta a nova realidade da indústria global e a importância da racionalidade durante todo o ciclo de vida do carro. Por isso o Novo C3 também chega ao mercado com um dos menores custos de manutenção e reparo do segmento.

Fruto de um investimento global superior a R$ 1 bilhão, o novo C3 foi desenvolvido por um time com mais de 100 engenheiros, tendo rodado mais de 1 milhão de quilômetros para chegar a um produto inovador, acessível, confortável e com a qualidade que o cliente sul-americano tanto exige. Conheça a seguir todos os detalhes de um novo hatchback para uma nova Citroën.

ÍCONES REINVENTADOS: O DESIGN DO NOVO C3

O Novo C3 é o início de uma nova era para a marca, e isso fica claro no primeiro olhar. Os icônicos Deux Chevrons (dois Chevrons, em francês), que remetem às engrenagens bihelicoidais criadas por André Citroën, receberam uma nova leitura com linhas duplas que começam por meio das luzes de condução diurna (DRL) de leds nos ousados faróis bipartidos e cruzam toda a dianteira até o centro, formando as linhas que identificam os carros da marca há mais de cem anos.

A atitude SUV se apresenta com um design que transmite robustez e força sem ser agressivo, com linhas verticais e vincos pronunciados ao longo de toda a carroceria. A dianteira carrega um para-choque cuja parte central sempre será na cor preta, aliando força ao estilo ao mesmo tempo em que protege o veículo de pequenos contatos no dia a dia. Abaixo dos faróis ficam as luzes auxiliares de neblina, que podem receber elegantes molduras embelezadoras que ajudam a destacar o design único do Novo C3.

Nas laterais, o modelo carrega signos da atitude SUV de cima a baixo, começando pelas exclusivas barras de teto longitudinais, e passando pelos vincos que saem das extremidades da carroceria e levam seu olhar em direção ao centro do modelo. Arcos nos para-lamas agregam robustez ao visual e também protegem a carroceria. E, por falar em proteção, o Novo C3 pode receber os exclusivos Airbumps, elementos posicionados na parte inferior das portas capazes de proteger a carroceria e dar mais robustez ao modelo, além de deixarem o estilo do C3 ainda mais impressionante.

Toda essa ousadia e versatilidade continua na traseira, com lanternas que se integram completamente às linhas do veículo enquanto carregam uma identidade visual única, para que o Novo C3 se destaque nas ruas de dia ou de noite. O para-choque com um amplo elemento preto na parte inferior une proteção reforçada, estilo e praticidade, ocultando sujeiras acumuladas do dia a dia.

ESPAÇO E VERSATILIDADE: O NOVO C3 POR DENTRO

Não é só por fora que o Novo C3 reúne praticidade, estilo e ousadia. Seu interior foi pensado para entregar virtudes normalmente presentes apenas em modelos superiores, com um amplo espaço interno, a central multimídia Citroën Connect Touchscreen de 10” e o maior porta-malas entre os primeiros concorrentes do segmento.

Com 3,98 metros de comprimento e 2,54 metros de entre-eixos, a cabine do novo C3 entrega muito conforto e uma posição de dirigir elevada, como em um SUV. Seu 1,60 metro de altura e 1,73 metro de largura, inclusive, estão entre os melhores do segmento. O motorista terá os principais comandos à mão, em um painel que une forma e função.

Elementos cromados podem destacar as ousadas saídas de ar-condicionado laterais verticais, enquanto os difusores centrais permitem uma rápida climatização de todo o interior, graças ao ar-condicionado de série com comandos reunidos em um só conjunto na parte central do console. E como estilo também deve ser acessível, todo C3 terá painel em dois tons, com um elemento central na cor Cinza Steel ou Azul Metálico cruzando horizontalmente todo o conjunto.

No meio disso tudo fica outra exclusividade do Novo C3: o Citroën Connect Touchscreen 10”. Essa central multimídia reúne, em uma interface simples e intuitiva, os comandos de configuração, rádio, bluetooth e integração com smartphones. Com ela, qualquer um que estiver dentro do C3 pode usar o Android Auto ou Apple Carplay de forma wireless, sem a necessidade de fios, bastando ter um smartphone compatível com a tecnologia.

O conjunto pode ser controlado pela tela sensível ao toque ou por comandos integrados ao volante, que sempre serão oferecidos nas versões dotadas do Citroën Connect Touchscreen 10”. Essa conectividade total é complementada por até três conectores USB de recarga rápida, sendo dois voltados para o banco traseiro e um no console central, próximo do conector 12V.

Macio e confortável, o banco traseiro com cinto de três pontos retrátil e encosto de cabeça em todas as posições inclui fixação para cadeirinhas no padrão Isofix/Latch, garantindo a segurança de seus ocupantes, independente da idade. E como, com uma grande família, vem muita bagagem, o Novo C3 é a opção ideal pois oferece o maior porta-malas do segmento entre os principais concorrentes.

São 315 litros de volume pelo padrão VDA (367 litros no volume total líquido) distribuídos em um compartimento alto e profundo, permitindo a colocação das mais diferentes bagagens. A tampa sempre tem fechadura elétrica e possui abertura ampla.

SINERGIA EM MOVIMENTO: A MECÂNICA DO NOVO C3

O Novo C3 chega ao Brasil com duas opções de motores consagradas no país: o 1.6 16V da família EC5 com até 120 cavalos e 15,7 kgfm e o 1.0 Firefly de até 75 cv e 10,7 kgfm. Produzidos no Brasil, os dois motores flexíveis reúnem baixo custo de manutenção, robustez e suavidade de funcionamento.

O 1.0 Firefly marca a estreia da Citroën neste segmento no Brasil. Já consagrado na Stellantis, ele reúne as principais tecnologias da indústria, com corrente de comando silenciosa “for life”, sistema de pré-aquecimento de etanol e coletor de escape integrado ao cabeçote, além da ótima entrega de torque em baixa rotação desejada por todos os consumidores. O propulsor será oferecido sempre com câmbio manual de cinco marchas.

Igualmente consolidado no mercado, o 1.6 16V EC5 alcança até 120 cv ao mesmo tempo em que apresenta um funcionamento silencioso e suave. Sua calibração, aliada ao comando de válvulas de admissão variável em fase, possibilita uma boa entrega de torque desde as rotações mais baixas. Este motor poderá ser associado a um câmbio manual de cinco marchas ou um automático de seis com opção de trocas sequenciais — além do exclusivo modo Eco, que melhora ainda mais a eficiência do modelo. O novo C3 também virá de série com indicador de trocas de marcha e monitoramento de pressão dos pneus em todas as versões, para que o motorista sempre tenha condição de fazer a condução mais eficiente.

As diferentes opções de trem de força fazem proveito da solidez da variante da plataforma CMP, com 86% de aços de alta e ultra-alta resistência, suspensão dianteira independente com barra estabilizadora e 18 cm de altura mínima do solo. Com balanços dianteiro e traseiro curtos, o novo C3 tem ângulo de ataque de 23° e ângulo de saída de 39°. Em um hatch com atitude SUV isso significa muito mais capacidade para encarar as mais diferentes lombadas, valetas, buracos e mesmo estradas de terra no dia a dia ou em viagens.

Sempre com 15 polegadas, as rodas com pneus de perfil alto (195/65) dão mais conforto sem comprometer a performance e segurança, com baixa rolagem de carroceria e estabilidade a qualquer velocidade. Tudo para que o efeito “tapete voador” criado e mantido pela Citroën continue no Novo C3.

PACOTES PARA TODAS AS NECESSIDADES: AS VERSÕES DO NOVO C3

O novo C3 estreia nas lojas em sete versões de acabamento, incluindo as especiais First Edition 1.0 e 1.6. A porta de entrada para o mundo Citroën acontece no pacote Live 1.0, que já vem completo. Entre os principais itens de série há direção elétrica, ar-condicionado, airbag duplo, controle de estabilidade e tração com assistente de partida em rampa, indicador de trocas de marcha, luzes de condução diurna (DRL), vidros dianteiros e travas elétricas, monitoramento de pressão dos pneus e painel digital com computador de bordo.

O C3 Live Pack 1.0 soma a exclusiva central multimídia Citroën Connect Touchscreen 10” com Android Auto e Apple CarPlay sem fio, conector USB no console, volante com comandos do som e bluetooth e banco dianteiro do motorista com ajuste de altura entre os principais itens de série.

A versão Feel está disponível com motores 1.0 ou 1.6 16V e agrega vidros traseiros elétricos, alarme perimétrico, volante com ajuste de altura, luzes de condução diurna (DRL) de leds, rodas de liga-leve de 15”, barras longitudinais no teto, Chevron cromado e maçanetas na cor da carroceria.

Quem busca ainda mais conforto pode optar pelo C3 Feel Pack 1.6 16V automático. Nele, o pacote de equipamentos é complementado com câmera de ré, volante com revestimento exclusivo, rodas liga-leve de 15” diamantadas, faróis de neblina e câmbio automático de seis marchas com opção de trocas sequenciais e modo eco.

E para celebrar este momento histórico da Citroën e do C3, a marca prepara duas ações especiais. A primeira é a série limitada First Edition, com motor 1.0 ou 1.6. Ela acumula todos os itens do pacote Feel (1.0) e Feel Pack (1.6 16V Automático) com um visual único e terá somente 2.000 unidades. Nela, as barras longitudinais do teto são pintadas de cinza, os faróis de neblina recebem uma moldura branca, as laterais carregam Airbumps exclusivos e a cabine adota tapetes especiais, com a identificação First Edition. O nome da série especial também está nas placas de identificação nas portas e no porta-malas e a pintura metálica bitom é de série.

O Novo C3 First Edition também terá um lote exclusivo de 100 unidades, com venda exclusivamente online, chamado de Citroën C3 1st Edition NFT. Os clientes que adquirirem o modelo irão ganhar uma arte em NFT (token não fungível) criada pela artista Naíma Almeida. Depois da compra, cada consumidor poderá customizar sua arte a partir de um site, criando um desenho único e exclusivo. Essa obra será entregue ao cliente na forma de carteira digital, como uma NFT com valor monetário atrelado, e também em forma física, em uma moldura de acrílico.

O novo C3 tem garantia de três anos sem limite de quilometragem será oferecido em até cinco cores: Preto Perla Nera, Branco Banquise, Cinza Artense, Cinza Grafito e Azul Spring. O teto bitom estará disponível em duas cores — outra inovação no segmento —, podendo ser Branco Banquise ou Preto Perla Nera.

CUSTOMIZAÇÃO, RACIONALIDADE E ACESSIBILIDADE: O PÓS-VENDA DO NOVO C3

A experiência inovadora com o novo Citroën C3 não termina após a compra do modelo. Nas concessionárias da marca, o cliente poderá customizar seu carro com mais de 50 acessórios homologados, incluindo frisos laterais, embelezadores de faróis de neblina e rodas de liga-leve com diferentes opções de cores. Além disso, estarão disponíveis até dois packs de acessórios, o Protection (protetor de cárter + frisos laterais) e Comfort (câmera + sensor de ré). Eles podem ser instalados no C3 em dois momentos: na própria linha de montagem, na exclusiva miniusina posicionada dentro de Porto Real, ou pelo concessionário, caso o cliente opte por eles após a compra do carro.

“A estratégia da miniusina dobra nossa versatilidade para atender às demandas dos nossos clientes. Com ela, podemos incluir acessórios homologados logo após a produção do C3, dando ainda mais agilidade na jornada de compra pelo consumidor”, diz André Montalvão.

A Citroën ainda disponibiliza acesso ao aplicativo Cart para os proprietários do Novo C3. A ferramenta tem como objetivo facilitar a jornada de mobilidade de quem está a bordo do modelo. Com o Cart o proprietário dá adeus às filas em todos os pedágios e em mais de 1.000 estacionamentos em todo o país – com 12 meses de isenção na cobrança da mensalidade de Connect Car para os clientes Citroën – além de acessar cupons de descontos em diversas categorias, durante o trajeto.

O proprietário pode contar também com a segurança da ampla rede de concessionários, que chegarão a 180 pontos espalhados pelo Brasil até o fim de 2022. Neles poderão ser feitas as revisões com preço fixo mais acessíveis do segmento. Nas versões 1.0 as três manutenções custam só R$ 1.436, enquanto nos modelos 1.6 o valor é de R$ 1.579. Na ponta do lápis, manter o novo C3 custará menos de R$ 2 por dia! E tudo com a garantia completa de três anos sem limite de quilometragem.

Como imprevistos podem acontecer, ele também tem o kit de reparo de colisão até 41% mais acessível que seus principais concorrentes, enquanto a cesta de peças padrão custa até 24% menos dentro do segmento. E isso também reduz o valor do seguro, com a apólice mais competitiva da categoria.

VERSÕES

Novo Citroën C3 Live 1.0 – R$ 68.990

Itens de série:
Airbags duplos
Controle de estabilidade
Controle de tração
Assistente de partida em rampa – Hill holder
Monitoramento de pressão dos pneus
Ar-condicionado
Direção elétrica
Vidros dianteiros elétricos
Travas elétricas
Indicador de trocas de marcha
Rodas de 15” com calotas
Luzes de condução diurna

Opcional:
Pintura Metálica – R$ 1.300
Protection Pack (Frisos laterais e protetor de cárter) – R$ 900

Novo Citroën C3 Live Pack 1.0 – R$ 74.990

Itens de série:
Todos os equipamentos da Live +:
Citroën Connect 10” com Android Auto e Apple Carplay sem fio
Conector USB dianteiro
Volante com comandos do sistema de som e bluetooth
Chave com telecomando
Banco dianteiro com ajuste de altura
Limpador e desembaçador elétrico traseiro

Opcional:
Pintura Metálica – R$ 1.300
Protection Pack (Frisos laterais e protetor de cárter) – R$ 900

Novo Citroën C3 Feel 1.0 – R$ 78.990

Itens de série:
Todos os equipamentos da Live Pack +:
Vidros traseiros elétricos
Alarme Perimétrico
Conectores USB traseiros (x2)
Luzes diurnas de leds
Rodas de liga-leve de 15”
Painel interno com faixa azul metálica
Barras longitudinais no teto
Volante com ajuste de altura
Chevron cromado
Maçanetas na cor da carroceria

Opcionais:
Pintura Metálica – R$ 1.300
Teto bitom – R$ 1.300
Comfort Pack (sensor e câmera de ré) – R$ 1.400
Protection Pack (Frisos laterais e protetor de cárter) – R$ 900

Novo Citroën C3 Feel 1.6 16V – R$ 86.990

Itens de série:
Todos os equipamentos da Feel 1.0 +:
Motor 1.6 16V de até 120 cv

Opcionais:
Pintura Metálica – R$ 1.300
Teto bitom – R$ 1.300
Comfort Pack (sensor e câmera de ré) – R$ 1.400
Protection Pack (Frisos laterais e protetor de cárter) – R$ 900

Novo Citroën C3 Feel Pack 1.6 16V Automático – R$ 93.990

Itens de série:

Todos os equipamentos da Feel 1.6+:

Câmbio automático de seis marchas com opção de trocas sequenciais
Modo Eco
Rodas de liga-leve de 15” diamantadas
Câmera de ré
Volante revestido com couro

Opcionais:
Pintura Metálica – R$ 1.300
Teto bitom – R$ 1.300
Comfort Pack (sensor e câmera de ré) – R$ 1.400
Protection Pack (Frisos laterais e protetor de cárter) – R$ 900

Novo Citroën C3 1.0 First Edition – R$ 83.990

Itens de série:
Todos os equipamentos da Feel 1.0+:
Faróis de neblina
Pintura bitom
Barras de teto na cor Alu Shadow
Airbumps laterais
Moldura embelezadora do farol de neblina
Tapetes exclusivos
Badges “First Edition” nas laterais e tampa do porta-malas

Novo Citroën C3 1.6 16V Automático First Edition –

Itens de série:
Todos os equipamentos da Feel Pack+:
Pintura bitom
Barras de teto na cor Alu Shadow
Airbumps laterais
Moldura embelezadora do farol de neblina
Tapetes exclusivos
Badges “First Edition” nas laterais e tampa do porta-malas

Novo Citroën C3 1.6 16V Automático First Edition – R$ 97.990

Itens de série:
Todos os equipamentos da Feel Pack+:
Pintura bitom
Barras de teto na cor Alu Shadow
Airbumps laterais
Moldura embelezadora do farol de neblina
Tapetes exclusivos
Badges “First Edition” nas laterais e tampa do porta-malas

Fonte: Stellantis

Nova Tecnologia De Faróis Da Ford Transforma A Pista Em Tela De Navegação

A Ford está testando uma tecnologia inovadora de faróis que, além de aprimorar a visão noturna, usa a pista como tela para projetar informações ao motorista sem tirar a sua atenção da estrada. Entre outras aplicações, o sistema com luzes de alta resolução desenvolvido na Europa permite indicar o limite de velocidade das vias, dar orientações de direção e informar sobre as condições do tempo – veja aqui.

Dirigir à noite pode ser mais arriscado, principalmente quando o condutor desvia os olhos da pista. Um veículo viajando a 90 km/h percorre 25 metros por segundo. Assim, mesmo uma olhada rápida na tela de navegação do carro pode resultar em “dirigir às cegas” por dez metros ou mais. Numa estrada não iluminada, isso pode significar a perda de um sinal importante ou da aproximação de uma curva.

Os faróis de alta resolução podem beneficiar não só o motorista, mas também outros usuários da estrada – projetando, por exemplo, uma faixa de pedestres quando a marcação na via estiver desgastada ou fraca. Ou, ainda, indicando o caminho ao motorista para que os ciclistas passem a uma distância segura.

A tecnologia pode informar também sobre mudanças nas condições do tempo, como neblina, chuva ou geada à frente. Conectando o farol ao sistema de navegação, é possível antecipar as próximas curvas e projetar a largura do veículo na estrada, ajudando o motorista a avaliar se ele passa em determinado espaço ou cabe numa vaga de estacionamento.

Tornar a condução noturna mais confortável faz parte do compromisso da Ford de desenvolver tecnologias para facilitar a vida das pessoas, agora e no futuro.

“O que começou como uma brincadeira, usando um projetor e uma parede em branco, pode levar a tecnologia de iluminação a um nível totalmente novo. Mais do que simplesmente iluminar a estrada, ela pode ajudar a reduzir o estresse da direção noturna, dando informações essenciais ao motorista sem tirar os seus olhos da estrada”, diz Lars Junker, especialista de Sistemas Avançados de Assistência ao Motorista da Ford Europa.

Fonte: Ford

Jeep® Gear lança coleção inspirada no Gladiator

O Jeep® Gladiator foi lançado na semana passada e já demonstra ter fãs por onde passa. Tanto que já é sucesso de vendas. E pensando especialmente nos apaixonados pela picape, a Jeep Gear lançou uma coleção exclusiva inspirada nos destaques do modelo. No total, são 30 produtos que unem tecnologia e versatilidade do Jeep Gladiator.

Fazendo jus a picape da Jeep que já nasce pronta para encarar as melhores trilhas off-road, os itens seguem a vocação do modelo. Por isso, justamente pensando na experiência de direção Open-Air, a coleção Gladiator traz produtos pensados desde o casual à prática de esportes e trekking com: proteção UV, tecnologia respirável, repelente à água e até produtos com a tecnologia do Cordura®, um tipo de tecido mais robusto e que apresenta altíssima resistência. Tudo isso sem deixar de lado o primordial: o conforto.

De camisetas até guarda-chuva, a coleção contempla produtos de vestuário, acessórios e objetos tanto masculino como feminino. Há até mesmo uma miniatura da picape em projeção de 1:27. A linha completa já está disponível no site da loja.

A coleção contempla ainda bonés, canecas, jaquetas, colete, camisa, e pela primeira vez na marca pins de metal, calças, e bucket hat. Versátil e prático, os produtos são easy care: fácil de lavar, de secagem super rápida e não precisa ser passado. Eles são entregues para todo o Brasil a custam a partir de R$ 59,90.

Sobre a Jeep Gear

A Jeep Gear é uma marca licenciada da Premium Corporate, presente no cotidiano dos brasileiros. É voltada para os públicos masculino, feminino e infantil, apaixonados por um estilo off-road e no DNA um espírito aventureiro. Destaca-se pela ampla variedade e qualidade de seus produtos.

Acompanhe os canais da Jeep: 

Jeep Gear: https://www.jeep-gear.com.br/

Instagram Jeep Gear: https://www.instagram.com/jeepgear_oficial/

Facebook: https://www.facebook.com/jeepdobrasil

Instagram: https://www.instagram.com/jeepdobrasil/

YouTube: www.youtube.com/jeepdobrasil

Jeep Wave: https://jeepwave.jeep.com.br/

Fonte: Stellantis

Renegade estreia Jeep® Healthy Cabin na linha 2023

Performance, capacidade off-road e conforto já são características marcantes do Jeep Renegade. O que já era bom, ficou ainda melhor na linha 2023 do modelo, isso porque ele ganha uma dose extra de proteção, com a Jeep Healthy Cabin, tecnologia que remove partículas com impurezas do ar e elimina impurezas em até 83%. Ele é o primeiro Jeep a ser equipado com filtro na cabine em N95+ bio.

O filtro de ar N95+Bio na cabine remove mais partículas com impurezas do ar e mantém a performance HVAC (Heating, Ventilating and Air Conditioning), ou seja, as funções primordiais do sistema de climatização. Desenvolvido pelo time de engenharia da Stellantis, o Jeep Healthy Cabin é uma tecnologia global com o foco de desinfecção da cabine, já que atua com um filtro de ar construído em N95, o já conhecido material utilizado em máscaras de proteção e que ficou mais popular durante a pandemia.

A linha 2023 seguirá sendo oferecida em quatro versões, cada uma com uma ampla lista de equipamentos de segurança e conforto. De série, todos os modelos recebem o Jeep Healthy Cabin e seguem com o motor mais potente da categoria, o T270 de até 185 cv. Além disso, mantêm o assistente de partida em rampa, sistema multimídia com integração Android Auto e Apple CarPlay sem fio, faróis em LED, frenagem autônoma de emergência, alerta de manutenção de faixa, detector de fadiga e seis airbags. E ao longo das versões, o quadro de instrumentos de 7”, carregador wireless, ar-condicionado de duas zonas, rodas de até 19”, entre outros itens de tecnologia e segurança.

As versões Sport e Longitude têm câmbio automático de seis marchas e transmissão 4×2 com Traction Control+. A versão S oferece tração 4×4 e câmbio automático de nove marchas e seletor de terreno com quatro modos de condução. Por fim, a icônica Trailhawk completa o catálogo com a melhor capacidade fora-de-estrada do segmento, assegurada pelo selo Trail Rated, com tração 4×4, câmbio de nove marchas e seletor de terreno com cinco configurações.

Confira abaixo os preços sugeridos para toda a linha 2023 do Jeep Renegade:

A linha 2023 do Jeep Renegade:

Brasil (exceto estados de SP e PB): 

  • RENEGADE SPORT T270 4X2 Flex – R$ 128.971
  • RENEGADE LONGITUDE T270 4X2 Flex – R$ 144.435 
  • RENEGADE SÉRIE S T270 4X4 Flex – R$ 167.768
  • RENEGADE SÉRIE S T270 4X4 TETO Flex – R$ 176.012
  • RENEGADE TRAILHAWK T270 4X4 Flex – R$ 167.771

Estado de São Paulo:

  • RENEGADE SPORT T270 4X2 Flex – R$ 132.217
  • RENEGADE LONGITUDE T270 4X2 Flex – R$ 148.159
  • RENEGADE SÉRIE S T270 4X4 Flex – R$ 171.995
  • RENEGADE SÉRIE S T270 4X4 TETO Flex – R$ 180.453
  • RENEGADE TRAILHAWK T270 4X4 Flex – R$ 172.001 

Estado da Paraíba:

  • RENEGADE SPORT T270 4X2 Flex – R$ 131.710
  • RENEGADE LONGITUDE T270 4X2 Flex – R$ 147.503
  • RENEGADE SÉRIE S T270 4X4 Flex – R$ 171.332
  • RENEGADE SÉRIE S T270 4X4 TETO Flex – R$ 179.750
  • RENEGADE TRAILHAWK T270 4X4 Flex – R$ 171.335

Fonte: Stellantis

Renault lança linha Motrio de aditivos de arrefecimento e amplia a gama de lubrificantes

A Motrio, marca do Renault Group presente no mercado global há 24 anos, com peças, aditivos e lubrificantes homologados pela Renault, amplia sua gama de produtos com o lançamento de uma linha de aditivos para o sistema de arrefecimento e expande sua linha de lubrificantes com o Motrio Performa 5W-30 API SN Semissintético, um óleo de alta performance formulado com bases sintéticas e minerais de altíssimo desempenho e aditivos de avançada tecnologia.

A nova linha de aditivos para o sistema de arrefecimento da Motrio foi desenvolvida para atender às necessidades do mercado, sendo um produto orgânico e pronto para uso, com base em monoetilenoglicol que permite cinco anos de proteção ao sistema de arrefecimento e que atende tanto a motocicletas como automóveis e caminhões. Os aditivos estão disponíveis em três cores (amarelo, verde e rosa) e atendem à norma ABNT 14261-2016 Tipo A.

Os aditivos também promovem total proteção contra corrosão, cavitação, ebulição e congelamento, permitindo o correto funcionamento de termostatos, radiadores, bomba d’água e outros componentes do sistema. Com ótima transferência térmica, os aditivos Motrio permitem que o motor trabalhe na faixa ideal de temperatura, com proteção dos elastômeros e ligas metálicas, sem adição de silicato, nitrito, borato, fosfato, nitrato e aminas, podendo alcançar até 250 mil quilômetros ou cinco anos de uso.

Já o Motrio Performa 5W-30 API SN Semissintético foi desenvolvido em parceria com a Texaco para atender aos requerimentos de lubrificação para os motores modernos de quatro tempos Flex, a gasolina, etanol ou GNV. Feito especialmente para proporcionar excelente proteção contra formação de depósitos, ele cria um escudo que protege o motor contra o ataque abrasivo dos contaminantes resultantes da queima do combustível, reduz o atrito e o desgaste, proporciona uma longa vida útil ao motor, auxilia na manutenção da potência e na redução do nível de emissão de gases poluentes, além do baixo consumo de óleo e economia de combustível.

Os principais atributos do novo Motrio Performa 5W-30 API SN Seminssintético são:

• Economia de combustível – Excede requisitos da especificação ILSAC GF-5;

• Ótimo desempenho em motores com sistemas flex fuel e a etanol;

• Proteção excepcional para motores turbo;

• Satisfaz aos requisitos de garantia de automóveis que utilizem óleo de motor API SN “Resource Conserving” ou ILSAC GF-5;

• Baixo consumo de óleo;

• Lubrificação eficiente na partida a frio.

Além disso, toda a linha recebeu uma nova embalagem mais moderna e é composta de nove especificações distintas, que atendem a diversos tipos de motores e fabricantes.

Sobre a Linha Motrio

Lançada na França em 1998 e no Brasil em 2013, a Motrio, marca francesa de peças de reposição pertencente ao Grupo Renault, está presente em mais de 35 países. A marca conta com uma ampla gama de produtos no mercado, oferecendo peças com os mesmos níveis de qualidade e segurança das peças originais dos veículos. Além da linha de lubrificantes, a Motrio possui uma gama de produtos como bomba d’agua, disco e freio, filtro de combustível, filtro de óleo, palheta, pastilhas de freios, velas de ignição, entre outros.

Sobre a Renault do Brasil

Produzindo no Brasil há mais de 23 anos, a Renault do Brasil conta com quatro fábricas no complexo Ayrton Senna, em São José dos Pinhais (PR): a de veículos de passeio (CVP), a de comerciais leves (CVU), a de motores (CMO), além da fábrica de injeção de alumínio (CIA).

Oferecendo uma gama completa veículos como o Kwid, Sandero, Stepway, Logan, Duster, Captur, Oroch, e Master e, ainda, os veículos E-Tech 100% elétricos Kwid E-Tech e Zoe E-Tech, a Renault inovou ao lançar a venda de produtos 100% on-line, entre outras soluções para facilitar a vida dos clientes. Com o Renault On Demand, serviço de aluguel de veículos a longo prazo, a Renault traz novas soluções de mobilidade, juntamente com vários projetos de compartilhamento de veículos. Desenvolvemos, ainda, soluções de geração de energia limpa com parceiros, como, por exemplo, o projeto de Fernando de Noronha onde foi construída uma garagem fotovoltaica que abastece os mais de 45 veículos elétricos que rodam por lá. O Instituto Renault, responsável pelas ações socioambientais da marca no país, vem colaborando com o desenvolvimento da sociedade e já impactou mais de 830 mil pessoas ao longo dos seus 11 anos nos eixos de Inclusão e Segurança.

Fonte: Renault

Jeep® Renegade chega à marca de 500 mil unidades produzidas

A Jeep® do Brasil tem mais um grande motivo para comemorar o mês de agosto. Depois de alcançar a marca de 400 mil unidades vendidas no país e ser eleito a “Melhor Compra de 2022” pela revista Quatro Rodas, o Jeep Renegade conquistou mais uma marca: 500 mil unidades produzidas no Brasil. O modelo de Goiana conquistou também toda a América Latina, que recebeu cerca de 20% da sua produção.

Protagonista da história da Jeep no Brasil, o Renegade redefiniu o seu segmento ao ser lançado no Brasil em 2015, pois carrega toda a autenticidade da Jeep e ampliou seu sucesso a cada geração lançada no Brasil. O modelo sempre trouxe muita inovação e conteúdos exclusivos que surpreenderam e posicionaram o modelo de uma forma única.

Primeiro modelo fabricado no Polo Automotivo de Goiana (PE), da Stellantis, o Renegade marcou a volta da produção da Jeep no Brasil. A planta automotiva, a mais moderna do grupo, foi inaugurada em 28 de abril de 2015. Sete anos depois, o Polo continua na vanguarda da inovação e da sustentabilidade. Sua instalação vem mudando a realidade socioeconômica da região e transformando também o mercado de veículos brasileiro com o lançamento de quatro modelos líderes em seus segmentos.

Lançado com o propósito de ser referência no mercado de SUVs, o Renegade rapidamente se tornou símbolo e objeto de desejo dos consumidores. Desde seu lançamento, o modelo acumulou inúmeros prêmios e garantiu uma sala de troféus repleta de reconhecimentos. Logo no primeiro ano de estreia no mercado, já foi eleito o “Carro do Ano”, pela revista AutoEsporte, uma das premiações mais tradicionais do mercado automotivo. “SUV do Brasil”, “Melhor Compra”, “Melhor Utilitário Esportivo” são apenas alguns outros títulos que o modelo conquistou ao longo dos anos em que é protagonista no mercado brasileiro . E o mais recente deles, foi reconhecido este mês como a “Melhor Compra de 2022” pela revista Quatro Rodas, considerando todas as categorias dessa importante premiação.

Neste ano, chegou ao mercado renovado para continuar a sua trajetória de sucesso. Inovou mais uma vez com o motor turbo flex mais potente da categoria em todas as versões, que também são equipadas com diversos itens de segurança e auxílio à condução, como frenagem autônoma de emergência (AEB), que faz um monitoramento contínuo do tráfego à frente. Tudo isso, combinado com a melhor capacidade off-road do segmento, com versões 4×2 e 4×4, garantindo também à sua versão Trailhawk o selo Trail Rated, que assegura sua aptidão para as trilhas mais exigentes.

Chegar a meio milhão de unidades produzidas no país não é para qualquer um. E o sucesso dele não é só no Brasil. O ícone da marca é exportado para diversos países da América Latina, como México, Argentina, Peru, Uruguai, Colômbia, Costa Rica, Panamá, República Dominicana, Guatemala, El Salvador, Paraguai, entre outros.

Acompanhe os canais da Jeep:

Jeep Gear: https://www.jeep-gear.com.br/

Instagram Jeep Gear: https://www.instagram.com/jeepgear_oficial/

Facebook: https://www.facebook.com/jeepdobrasil

Instagram: https://www.instagram.com/jeepdobrasil/

YouTube: www.youtube.com/jeepdobrasil

Jeep Wave: https://jeepwave.jeep.com.br/

Fonte: Stellantis

VW inicia vendas do elétrico e-up! na América Latina

VW inicia vendas do elétrico e-up! na América Latina

– Uruguai inicia vendas do e-up! após um ano de testes no país

– VW e-up! será o primeiro modelo totalmente elétrico da marca alemã a ser comercializado na América do Sul

– O veículo se junta à estratégia de descarbonização da Volkswagen para a região

Punta del Este, Uruguai – A Volkswagen iniciou oficialmente as vendas do e-up!, o primeiro modelo 100% elétrico da marca a chegar à América do Sul. O Uruguai foi o país escolhido para iniciar o caminho da eletrificação, fazendo parte da estratégia global da marca, que prevê a neutralidade de carbono até 2050. “O Uruguai é hoje o palco em que a Volkswagen faz história pela eletrificação de nossa marca na América do Sul. Após um ano de rigorosos estudos e testes, iniciamos as vendas do e-up! em um país que tem infraestrutura para garantir o sucesso de nossa estratégia”, disse Thomas Owsianski, vice-presidente de vendas e marketing da região SAM.

A equipe Volkswagen para a região, juntamente com Julio César Lestido S.A., importador da marca no Uruguai, lançou o e-up! no país. Este é mais um marco para a marca, que no Uruguai tem tido uma posição de destaque em vendas, relacionada à sua participação no mercado automotivo, que agora inclui veículos elétricos.

O e-up! que chega ao Uruguai é produzido na fábrica da Volkswagen em Zwickau, na Alemanha. O modelo tem uma autonomia aproximada de 260 km, ideal para as necessidades de um veículo urbano. Parte da excelente eficiência do e-up! se deve ao baixo peso do veículo, que é de apenas 1.160kg.

O sistema de propulsão do compacto é 100% elétrico e entrega até 61 kW (83 cv) de potência, com torque instantâneo de 212 Nm (21,7 kgfm). O e-up! atinge uma velocidade máxima de 130 km/h e em 11,9 segundos atinge a aceleração de 0 a 100 km/h. Na mesma ocasião do lançamento do e-up!, a marca apresentou os modelos ID.3 e ID.4. O hatch e o SUV elétricos também fazem parte da estratégia de eletrificação da Volkswagen e já fazem enorme sucesso em países da Europa, nos Estados Unidos e na China.

Fonte: VW Brasil

Fiat Cronos ganha novo câmbio CVT, motor Firefly 1.0 e traz mudanças no design na linha 2023

A Fiat tem em sua história cerca de 1,6 milhão de sedans compactos emplacados no Brasil desde 1983, ou seja, em quase 40 anos. Parte importante disso, o Fiat Cronos, que mantém a medalha de maior porta-malas do segmento, é o sedan mais vendido da América do Sul com mais de 220 mil unidades. Desses, cerca de 110 mil foram comercializados no Brasil. Agora sua linha 2023 traz novidades para seguir essa trajetória de sucesso, ficando ainda mais competitiva.

O modelo, que ficou em primeiro lugar entre os sedans mais vendidos do Brasil em junho, agora também está disponível com novo motor, novo câmbio automático e traz mudanças no design por dentro e por fora. Além disso, passa a ter cinco opções para os clientes de todos os perfis, atuando em partes importantes do mercado de B-sedans: Cronos 1.0, Cronos Drive 1.0, Cronos Drive 1.3, Cronos Drive 1.3 Automático e Cronos Precision 1.3 Automático.

O Fiat Cronos MY23 traz como novidade o câmbio automático tipo CVT com sete velocidades simuladas associado ao avançado motor 1.3 Firefly de até 107 cv de potência, uma combinação que irá proporcionar maior suavidade na condução e melhor dirigibilidade, além de ter menor consumo. Com motor 1.3 e a nova transmissão, o Fiat Cronos passa a ser o sedan compacto automático mais econômico do Brasil.

A transmissão CVT oferece três modos de condução: automático, manual e sport, que é voltado para quem busca uma condução ágil. Assim, a central eletrônica promove uma série de ajustes para tornar o veículo ainda mais responsivo. O retorno do motor fica mais ágil ao simples toque no acelerador e as marchas são alongadas. Além disso, as trocas são feitas em rotações mais altas, característica típica de uma direção mais esportiva.

A nova linha 2023 do sedan também passa a contar com o motor Firefly 1.0, que possui o maior torque da categoria e um ótimo índice de consumo, sendo ideal para clientes que buscam mais racionalidade. E não é para menos, já que o propulsor é referência quando o assunto é economia. Ele é o sedan 1.0 aspirado mais econômico do país no uso urbano.

Reconhecido pelo seu visual inspirado no renomado design italiano, o Fiat Cronos também está renovado na linha 2023 nesse quesito. Ele agora vem com mudanças na grade frontal que apresenta nova colmeia interna e dois frisos horizontais que conferem mais modernidade e esportividade ao visual, além de novas opções de rodas e calotas para todas as versões.

Por dentro, está ainda mais atraente com nova opção de interior em couro no tom Espresso Brown em bancos e painéis de portas, deixando o modelo mais sofisticado e aconchegante. O volante também passou por atualizações em todas as versões e agora segue a linha adotada em outros modelos da marca.

Ampla gama de versões

Conheça melhor cada uma das versões que agora compõem a gama do Fiat Cronos e preços sugeridos.

•          Fiat Cronos 1.0 MT

A versão de entrada do Fiat Cronos já vem de série com itens como ar-condicionado, direção elétrica, vidros dianteiros elétricos, travamento elétrico das portas, alarme de perímetro, ajuste de direção, rodas em aço 14”, iTPMS (indicação individual do pneu com baixa pressão), ajuste de altura do banco do motorista e preparação para rádio.

Preço sugerido: Brasil (exceto São Paulo, Paraíba e Zona Franca de Manaus): R$ 74.790

•          Fiat Cronos Drive 1.0 MT

Além de todos equipamentos da versão anterior, o Drive 1.0 MT ainda traz de fábrica   central multimídia de 7’’, volante multifuncional, entradas USB para bancos traseiros, sensor de estacionamento traseiro, vidros traseiro elétricos, assinatura em LED nos faróis e rodas em aço de 15”.

Preço sugerido: Brasil (exceto São Paulo, Paraíba e Zona Franca de Manaus): R$ 78.490

•          Fiat Cronos Drive 1.3 MT

A linha 2023 do Cronos Drive 1.3 com câmbio manual vem de série com todos os equipamentos da versão Drive 1.0 MT, mas aqui com motor 1.3 Firefly. Como opcional, está o pack que traz o conceito italiano S-Design, com um um visual bem mais esportivo e exclusivo.

Preço sugerido: Brasil (exceto São Paulo, Paraíba e Zona Franca de Manaus): R$ 84.490

•          Fiat Cronos Drive 1.3 AT

Além de todos os itens da versão anterior, a Drive 1.3 AT conta com o novo câmbio automático CVT, controle de estabilidade, controle de tração, piloto automático, Hill Holder e modo Sport.

Preço sugerido: Brasil (exceto São Paulo, Paraíba e Zona Franca de Manaus): R$ 88.790

•          Fiat Cronos Precision 1.3 AT

A versão topo de gama da família do Fiat Cronos tem, além de todos os equipamentos da Drive 1.3 AT, roda de liga de 16″, chave presencial keyless enter n´go, ar-condicionado automático, câmera de ré com linhas dinâmicas, faróis de neblina com função cornering, espelho retrovisor elétrico, repetidor lateral de seta, luzes de cortesia sob os retrovisores, volante revestido em couro, câmbio borboleta (paddle shifters), apoio de braço dianteiro, bancos traseiros bipartidos 60/40 e maçanetas externas cromadas. Para completar, como opcional, tem interior em couro marrom.

Preço sugerido: Brasil (exceto São Paulo, Paraíba e Zona Franca de Manaus): R$ 93.490

Fonte: Stellantis

Chegou o Novo Jeep® Gladiator: a picape com DNA Jeep

Uma verdadeira revolução no mundo das picapes, para encarar todo e qualquer desafio de frente – literalmente! Esse é o Novo Jeep® Gladiator, a picape com maior capacidade fora de estrada e que acaba de chegar ao mercado brasileiro.  

O Jeep Gladiator ocupa um lugar de exclusividade: a posição de mais autêntico dos autênticos Jeep, ao lado do icônico Wrangler, já que juntos representam exatamente o que a marca acredita. “O Jeep Gladiator Rubicon é a única picape do mundo a entregar, ao mesmo tempo, o legítimo design Jeep, sua legendária capacidade 4×4 off-road e a possibilidade de explorar o máximo de liberdade ao ar livre. É uma grande satisfação poder estender ao consumidor brasileiro a oferta de uma picape vigorosa, versátil, funcional e dotada de toda a robustez exigida pela categoria, características que traduzem a alma Jeep em sua essência”, comenta Alexandre Aquino, Vice-Presidente da Jeep para a América do Sul.  

Disponível para o Brasil na configuração Rubicon, que constitui a máxima expressão do legado e do DNA da marca Jeep, a picape Gladiator chega para ser uma fonte inesgotável de aventuras e sensações inéditas àqueles que possuem um espírito explorador, e ansiavam por uma picape capaz de levá-los a um caminho ainda não trilhado. Um jeito novo – e incomparável – de escrever histórias, em qualquer lugar, independentemente da condição climática e do tipo de terreno.  

“Vamos oferecer aos nossos clientes brasileiros a picape mais capaz já produzida pela marca. Uma picape que carrega todo o DNA e a autenticidade da Jeep e chega para completar uma gama de veículos que já nos coloca em uma posição de destaque no mercado brasileiro. O Novo Jeep Gladiator Rubicon é uma picape que chega para redefinir o segmento, trazendo tecnologias inéditas ao Brasil e ela será comercializada em todas as nossas concessionárias do país”, comenta Everton Kurdejak, Vice-Presidente Sênior de Operações Comerciais da Jeep para o Brasil.

Versão moderna do autêntico design Jeep  

Inspirada no modelo lançado há 60 anos, a nova picape Jeep Gladiator tem no visual uma releitura do autêntico design da marca, cuidadosamente trabalhada para equilibrar modernidade e a preservação de características inconfundíveis da identidade Jeep.   

Um bom exemplo é a lendária grade de sete fendas presente aqui, só que em uma versão mais larga para aumentar o fluxo de ar e ajudar o motor, aspecto importante com o incremento da capacidade de reboque. Já a parte superior da grade fica suavemente inclinada, para melhorar a aerodinâmica.  

Faróis dianteiros e de neblina de LED proporcionam uma nítida luz branca e enriquecem o estilo do Gladiator, enquanto as luzes de circulação diurna (DRL) formam uma auréola ao redor dos faróis.   

Atrás, as tradicionais lanternas quadradas ladeiam a tampa traseira, que conta com trava elétrica e três posições de abertura. E por falar na traseira, vale mencionar que a concepção da caçamba levou em conta não somente o aspecto visual, mas a aplicação de soluções inteligentes e funcionais, além da racionalização do espaço (a iluminação do piso, a fonte de alimentação elétrica coberta – 400 W, 220 V – e os fortes ganchos são alguns exemplos).   

O resultado geral é um design imponente, que captura o olhar e expressa de imediato a aptidão do modelo para o off-road pesado e, ao mesmo tempo, para o transporte de um excelente volume de carga. E tudo isso aliado ao Open-Air Experience, um conceito que permite aprofundar a conexão com o ambiente externo como nenhum outro veículo é capaz de fazer.

100% Jeep: garantia de aventura e liberdade  

O sobrenome Rubicon, assim como o badge Trailrated, entregam automaticamente à nova picape Jeep Gladiator as credenciais de veículo com potencial off-road extremo. E esse sobrenome Rubicon é a representação máxima do legado e do DNA da marca Jeep. Ele existe como versão desde o Jeep Wrangler TJ, lançado em 1997, em homenagem à “Rubicon Trail”. A Rubicon é uma trilha off-road localizada na California (EUA), com aproximadamente 35 km de extensão. Devido às condições rochosas e clima diversificado, é considerada uma das pistas mais técnicas de condução off-road do mundo e é utilizada para testes dos veículos Trailrated.  

E quem garante à picape toda essa capacidade de transpor os mais desafiadores obstáculos não é apenas um equipamento, mas um conjunto de componentes e tecnologias que elevam o conceito off-road a um novo patamar. São eles:

•          Tração 4×4 Rock-Trac®, o máximo da capacidade 4×4 

O sistema de tração 4×4 com relação reduzida 4:1 e crawl ratio de 77:1 permite que a picape entregue o máximo de força em baixa velocidade, para maior controle, além de aumentar a quantidade de torque disponível nas rodas.

•          Bloqueio eletrônico dos diferenciais Tru-Lok® 

Esse recurso trava mecanicamente os eixos fazendo com que ambas as rodas girem na mesma velocidade e evitando que as rodas sem contato com o solo girem em falso. Ele proporciona que a roda em contato com o solo tenha o máximo torque possível para superar os mais difíceis obstáculos. O Jeep Gladiator Rubicon oferece duas maneiras de maximizar a direção: bloqueando apenas o eixo traseiro ou então os eixos traseiro + dianteiro em conjunto. Nessa condição, entrega o máximo de força nas rodas para ajudar em qualquer aventura, em qualquer situação off-road, sempre com tração máxima. Além disso, o eixo traseiro pode ser travado no modo 4HI, para uso em velocidades altas em terrenos de baixo atrito, especialmente em Dunas.

•          Desconexão eletrônica da barra estabilizadora

Para os terrenos mais difíceis, a desconexão da barra estabilizadora dianteira, feita eletronicamente através do botão “Sway Bar”, aumenta a articulação da suspensão em mais 30%, permitindo que o eixo dianteiro trabalhe de forma mais livre e que ambas as rodas mantenham contato com o solo, garantindo maior capacidade de tração.

•          Novo Sistema Off-road+ 

Uma novidade que chegou ao Brasil na versão 2022 do Jeep Wrangler, quando ativado, automaticamente ajusta a picape Jeep Gladiator para as condições do terreno. Atua nos principais sistemas da picape, como acelerador, controle Select-Speed, controle de tração e trocas de marchas, a fim de garantir o desempenho ideal para o terreno. Se habilitado em 4-HI, ele adapta a operação para velocidades mais altas, para uso em dunas, por exemplo. Se habilitado em 4-LO, ele ajusta a operação para um off-road de baixa velocidade, ideal para terrenos com pedras (rock crawling). 

•          Nova Câmera Off-Road

Exclusiva no segmento, a câmera frontal Off-Road TrailCam oferece linhas de grade que exibem o caminho à frente dos pneus, permitindo que o condutor literalmente encare de frente qualquer obstáculo. Para melhorar a experiência, um esguicho integrado permite limpar qualquer respingo de lama na câmera, com o simples toque de um botão. Assim como o Sistema Off-road+, a Câmera Off-road também estreou recentemente no Brasil no Jeep Wrangler.

•          Trailrated

A capacidade Trailrated é item de série no Novo Jeep Gladiator Rubicon. Para ganhar esse badge, um veículo deve vencer uma série de testes nos terrenos mais difíceis, provar sua capacidade de resistir a condições adversas e oferecer capacidade off-road incrível. A avaliação é feita em cinco categorias:   

o          Tração 4×4 (além da tração a picape chega com caixa de transferência com 5 posições, relação de reduzida de 4:1 e Crawl Ratio de 77:1); 

o          Capacidade de submersão (picape apresenta entrada de ar alta e vedação de água especial para ajudar a atravessar rios e riachos em profundidades de até 76 centímetros);

o          Articulação (Eixos rígidos Dana 44 proporcionam um nível elevado de articulação mantendo sempre os quatro pneus no solo, proporcionando assim mais estabilidade e tração. Em obstáculos mais extremos, a desconexão da barra estabilizadora dianteira proporciona nível ainda maior de articulação);

o          Altura do solo (picape tem 27 centímetros de distância do solo para assegurar a ultrapassagem de obstáculos com facilidade);

o          Manobrabilidade (com direção precisa e distância entre eixos otimizada, veículo pode contornar vias estreitas e manobrar em torno de pedras, troncos, etc).

•          Rock Rails – preparado para pedras 

Ajuda a proteger a cabine com trilhos de aço, de roda a roda. Além disso, os trilhos de aço atrás das rodas traseiras ajudam a proteger a caixa de roda, permitindo a travessia de terrenos agressivos sem preocupação.

•          Ganchos de reboque Off-Road

Típica necessidade off-road, os ganchos de reboque dianteiro e traseiro são perfeitos para ajudar veículos com menor capacidade fora de estrada em dificuldades.

•          Off-Road Pages – aventura em tempo real 

Acesso em tempo real aos dados de desempenho off-road que otimizam a experiência durante as aventuras, como inclinação lateral e vertical, altitude, coordenadas, e a temperatura da transmissão.   

•          Eixos Dana® 44

Os eixos dianteiros e traseiros Dana® 44 presentes neste veículo contam com tubos extra-robustos e forjados para excepcional resistência, rigidez e durabilidade.

•          Protetores de uso Off-Road

Placas de aço de alta resistência ajudam a proteger componentes importantes, como cárter, transmissão, tanque de combustível e caixa de transferência, de danos que podem ser causados durante a aventura.  

•          Motorização 3.6 V6

Motor 3.6L V6 a gasolina, capaz de gerar 284cv de potência 347 Nm de torque. Trabalha associado a um câmbio automático de 8 marchas.

Uma picape com muita liberdade ao ar livre!  

A única picape no país que oferece uma experiência “conversível”! É exatamente isso que o Novo Jeep Gladiator Rubicon proporciona. As portas e teto são removíveis, enquanto o para-brisa, feito com moldura de alumínio, pode ser rebatido – basta dobrar as alças e prendê-lo nos ganchos do capô. Tudo isso para garantir uma total imersão e conexão com a natureza nas aventuras!

100% picape: tecnologia e versatilidade para uma experiência completa  

O interior da Nova Picape Gladiator é um capítulo à parte. Aqui, conforto, comodidade, entretenimento e segurança são garantidos por um invejável pacote de equipamentos, que tornam a experiência a bordo ainda mais exclusiva e especial.   

A tecnologia está presente em todos os aspectos, e em termos de conforto ela fica evidente através de itens como assistente de voz (hands free), ar-condicionado digital automático de duas zonas, chave presencial com partida remota, câmera de ré, navegação GPS e monitoramento da pressão dos pneus.   

O sistema de infotainment é outro ponto de destaque. Ele conta com a multimídia Uconnect de 8,4” com Apple CarPlay e Android Auto, além de quadro de instrumentos digital de 7 polegadas, conectores USB do tipo A e C, sistema de áudio premium Alpine com nove alto-falantes, barra de som traseira fixadas na estrutura do teto, subwoofer e amplificador de 552 Watts.   

Além do sistema de som, o veículo ainda conta com uma caixa de som portátil Bluetooth de 10 x 5,5 x 2,75” ultra resistente, que fica escondida atrás do banco traseiro. Os botões de controle permitem o controle de volume, reprodução, pausa e emparelhamento. Dotada de porta de carregamento USB e entrada de cabo auxiliar, essa caixa portátil extra resiste tanto à poeira quanto à água – não por acaso, um acessório perfeito para aventuras na natureza.  

Um veículo capaz de encarar desafios extremos tem a segurança como exigência inquestionável, e como não poderia ser diferente, a picape Gladiator Rubicon é muito bem servida também nesse quesito. O pacote dispõe de mais de 70 itens de segurança, incluindo piloto automático adaptativo, monitoramento de pontos cegos, aviso de colisão frontal com frenagem de emergência, detector de tráfego cruzado, controle de estabilidade e tração com assistente de partida em rampa, sensor de estacionamento traseiro e airbags frontais e laterais, entre outros.  

Para completar, o habitáculo apresenta bancos revestidos em couro, além de porta-luvas e um porta-objetos com chaves, que fica posicionado sob o banco traseiro, e um sistema de escoamento de água para lavagem interna – útil após aventuras na lama. Sem dúvida, um veículo com todos os detalhes muito bem pensados e alinhados à proposta de uso da picape. Gladiator chega também com pneus de uso misto que oferecem área de contato com a superfície maior do que os pneus comuns, gerando maior tração e controle em situações fora de estrada. As rodas de liga leve de 17” são polidas em preto e alumínio. 

A Nova Picape Gladiator Rubicon é autêntica, bonita, muito bem equipada e extremamente forte e capaz, mas isso ainda não é tudo! Não podemos esquecer que um de seus pontos altos é justamente a versatilidade, proporcionada por sua grande capacidade de carga e também de reboque.   

Sim, ela é uma picape legítima e pode levar em sua caçamba até 1.000L de volume de carga. Já a capacidade de reboque ultrapassa três toneladas (são 3.138kg, para ser exato). Entre as funcionalidades da caçamba estão quatro ganchos, localizados nas cavidades das rodas para maximizar o espaço de carga (e que podem ser ajustados conforme a necessidade), além de uma tomada elétrica de 220V para uso geral.   

Para facilitar o acesso e manuseio, a porta da caçamba pode ser colocada em três posições: fechada, parcialmente aberta e totalmente aberta. O suporte do estepe fica sob a caçamba, atrás do eixo traseiro, podendo alojar pneus de até 35 polegadas. 

Uma picape versátil e cheia de possibilidades  

Mesmo diante de um veículo recheado de tecnologias e altamente equipado, os clientes ainda terão a possibilidade de ampliar a personalização da Nova Picape Gladiator para deixá-la no formato que melhor atenda às suas necessidades particulares de uso.   

Uma ampla oferta de cores também faz parte dessa oferta de personalização do Gladiator Rubicon. São 8 possibilidades de cores: Firecracker Red, Bright White, Sting Gray, Black, Gobi, Silver Zynith, Granite Crystal e a Snazzberry, sendo as três últimas opções cores exclusivas para o lançamento e disponíveis sob encomenda.   

Além disso, a Jeep, juntamente com a Mopar, coloca à disposição dos clientes uma linha com 72 acessórios para deixar a sua picape única e exclusiva, assim como as experiências e aventuras que ela proporcionará.  

Suporte para bike, barras transversais, portas tubulares, estribos off-road e gaveta de caçamba são alguns bons exemplos de itens que podem ser adquiridos para personalizar o modelo.

Trail Rated: um veículo feito para superar  

A certificação Trail Rated (trilha avaliada, em português) da marca Jeep® é muito mais do que um selo: é uma metodologia, uma garantia e um padrão reconhecido de comprovação da capacidade off-road. Para receber esse credenciamento, os veículos são submetidos a uma série de testes exaustivos, divididos em cinco categorias e projetados para realmente provar o desempenho off-road nos terrenos mais exigentes do mundo.   

Lançado em 2003 como forma de comunicar aos consumidores o extenso nível de requisitos off-road que os veículos Jeep 4×4 devem atender, o selo é reservado às versões que representam a essência Go Anywhere, Do Anything da marca.   

A picape Gladiator é 100% Jeep e 100% Picape! Ela chega em sua versão Rubicon, com máxima capacidade off-road e pronta para proporcionar aventuras extremas e histórias incríveis!

Cart para clientes do Novo Jeep Gladiator

Cart é o aplicativo que veio para facilitar sua jornada de mobilidade, reunindo o que precisa em um só lugar e devolvendo mais tempo para as coisas importantes do seu dia a dia. O aplicativo oferece uma solução de pagamento segura e integrada para produtos e serviços de várias marcas, sendo compatível com a central multimídia da nova picape. 

O acesso ao Cart é simples e rápido. Basta baixar o aplicativo, cadastrar o cartão de crédito e iniciar a jornada, dentro do carro e sem sair do caminho. A plataforma reúne em um único lugar serviços de alimentação, estacionamento, pedágio, abastecimento, entre outros. 

Com o Cart, os clientes Jeep ganham 12 meses de mensalidade Conectcar e dão adeus às filas em estacionamentos e pedágios em todo o país para realizar suas aventuras sem limites!

Preço e Garantia 

A nova picape Gladiator 2022 chega com garantia de 3 anos e estará disponível para os clientes a partir de agosto em todas as concessionárias Jeep do país com preço sugerido de:

•          Brasil (exceto estado de SP) – R$ 499.990

•          São Paulo – R$ 515.913  

A Nova Picape Jeep Gladiator também por assinatura  

O Novo Jeep Gladiator também está disponível por assinatura! Assim como os modelos Renegade, Compass e Commander, os clientes que buscam outra forma de realizar suas aventuras a bordo da picape com mais capacidade off-road e versatilidade do país, também podem aproveitar os pacotes oferecidos pela Jeep.   

Os planos são de 12, 24 e 36 meses, com franquias de 500, 1 mil, 2 mil ou 3 mil quilômetros por mês. As mensalidades são fixas a partir de R$ 13.700 e incluem documentação (IPVA, licenciamento e emplacamento), seguro com rastreador, revisões, assistência 24 horas em todo país.  

Além das opções presenciais nas concessionárias Jeep, para ter seu Gladiator por assinatura, os clientes também podem realizar a contratação on-line, por meio do site da Jeep e do site da Flua!.  

 Principais itens de série do Novo Jeep Gladiator Rubicon:  

•          Motor 3.6L V6 – Gasolina

•          284cv e 347Nm

•          Câmbio automático de 8 marchas

•          Reboque: 3.138 kg

•          Caçamba: 1.000L

•          Tração 4×4 Rock Trak com relação reduzida 4:1 

•          Bloqueio eletrônico dos diferenciais Tru-Lok®

•          Eixos Dana 44

•          Nova Câmera Frontal Off-Road

•          Barra estabilizadora dianteira com desconexão eletrônica 

•          Protetores para Pedra

•          Rodas de 17” com pneus de uso misto

•          HDC – Hill Descent Control

•          Off-Road Pages

•          Sistema Off-Road+

•          Freedom Top® – Teto removível na cor da carroceria

•          Portas Removíveis

•          Para-brisa rebatível

•          2 ganchos para reboque frontais e 1 traseiro

•          Protetores de cárter, transmissão e tanque

•          Faróis e lanternas em LED

•          ACC – Piloto Automático Adaptativo

•          AEB – Aviso de colisão frontal com frenagem de emergência

•          Monitoramento de pontos cegos

•          Central Multimídia Uconnect de 8,4” 

•          Apple CarPlay e Android Auto

•          Navegação GPS

•          Sistema de áudio Premium “Alpine” 

•          Nove alto falantes e subwoofer

•          Caixa de som portátil Alpine 

•          Cluster digital de 7”

•          Portas USB tipo A + C

•          Sensor de estacionamento traseiro

•          Câmera de ré

•          Detector de tráfego cruzado

•          Assistente de voz Hands Free

•          Ar-condicionado Digital Dualzone

•          Chave presencial com partida remota

•          Monitoramento da pressão dos pneus

•          Airbags frontais e laterais

•          ERC e ESC

•          IBS – Sensor inteligente da bateria

•          HSA – assistente de partida em rampa

•          Bancos revestidos em couro

•          Porta objetos com chave sob o banco traseiro

•          Sistema de escoamento de água para lavagem interna

•          Porta da caçamba com 3 posições

•          Tomada de 220V na caçamba

•          Ganchos para suporte de carga na caçamba

•          72 acessórios by Mopar

100% Jeep®, 100% picape: essa é o Novo Jeep Gladiator que chegou ao Brasil!

Fonte: Stellantis

Light & Vision: o que vem por aí em iluminação para o Novo Polo

São Bernardo do Campo (SP) – Já parou para pensar quanto tempo é necessário para o desenvolvimento de um farol? Atualmente, cerca de dois anos separam o início do estudo de uma nova peça até sua versão final. Ao explorar a evolução da iluminação automotiva, a Volkswagen dá as primeiras informações oficiais sobre o Novo Polo, programado para chegar ao mercado no segundo semestre deste ano.

Vídeo: saiba mais sobre a iluminação do Novo Polo

O novo hatch compacto da Volkswagen será o único modelo do segmento a oferecer faróis de LED desde as versões mais básicas. Já para o Novo Polo GTS está prevista a tecnologia exclusiva de faróis de LED matriciais da Volkswagen. Trata-se de um equipamento inédito para o hatch e para o segmento.

“A importância de um conjunto de iluminação vai além da segurança e conforto, envolve tecnologia, design e estilo. Com o Novo Polo, pensamos desde início para trazer opções mais avançadas e que mantivessem o Polo como referência no segmento. Uma delas foi a iluminação, embarcando em toda linha alta tecnologia com itens de série”, afirma Ciro Possobom, COO da Volkswagen do Brasil.

Dá trabalho, mas vale a pena!

Durante 24 meses, o projeto de iluminação é dividido em seis etapas principais dentro da engenharia: Planejamento do Produto, Desejos de Design, Viabilidade Técnica, Protótipos e Pré-Validação, Validação do Produto e, por fim, Produção. Ao longo das etapas, mais de 16 tarefas são realizadas com intuito de garantir a validação e qualidade da peça, começando com o conceito e indo até simulações digitais e testes de funcionalidade na vida real.

“O processo de criação e validação de qualquer peça demanda um trabalho extenso da nossa equipe. Faróis, assim como todas as peças de iluminação, são partes delicadas e bastante técnicas, com necessidade de envolver diversas áreas dentro da própria engenharia, como elétrica, segurança e desenvolvimento, mas, também, outras áreas, como o design. São diversos protótipos até chegarmos na peça que será instalada no carro”, comenta Antonio Carnielli Jr., Diretor Adjunto de Engenharia de Carroceria, Acabamento, Segurança Veicular e Pré-Desenvolvimento da Volkswagen do Brasil.

Para o Novo Polo o objetivo era certo: embarcar uma tecnologia de iluminação que entregasse mais segurança, conforto e tecnologia ao motorista. A partir daí, ficou clara a necessidade de equipar toda a gama com LED por sua eficiência e durabilidade, reduzindo em até 95% o consumo de energia e com durabilidade 25 vezes maior do que um conjunto halógeno convencional, além de uma redução de sete gramas no consumo de CO2 por ano.

O conjunto H7 do Novo Polo, composto por farol alto, baixo e sinalização diurna totalmente em LED, trará, principalmente, qualidade de iluminação, podendo alcançar um fluxo luminoso de mais de 700 lumens (quantidade de luz irradiada) de intensidade – aumento de mais de 50% comparado ao halógeno -, e mais de 130 metros de distância, alcance 85% maior na comparação.

IQ. Light também no Novo Polo GTS!

Dando sequência à chegada da tecnologia no Brasil, feita pelo Taos em 2021, o Novo Polo GTS estará equipado com o IQ. Light, entregando uma assinatura ainda mais marcante e esportiva para a linha GTS, com os dois canhões de luz aliados ao exclusivo DRL (Daytime Running Light) duplo.

O conjunto de LED matricial oferece conveniência, conforto e segurança, já que, através do sistema de controle dos faróis, ele une as informações captadas pela câmera atrás do retrovisor e do sensor embutido no emblema no para-choque dianteiro para oferecer alguns recursos inéditos.

Com diferentes pontos de LED no canhão de luz do IQ. Light, a iluminação conta com tecnologia exclusiva, o FLA (Front Lightning Assistant), que trabalha o farol alto de acordo com a detecção de veículos a frente ou no outro sentido, apagando e acendendo os diferentes trechos de LED do IQ. Light, sem ofuscar outros motoristas.

A linha do Novo Polo trará para o segmento uma nova referência de iluminação, com tecnologias inéditas e exclusivas, itens que só são encontrados em modelos de segmentos superiores, fazendo parte de um pacote que será ainda mais moderno, confortável e tecnológico. Aguardem!


Equipe de Assuntos Corporativos e Relações com a Imprensa da Volkswagen Brasil.

Mustang Mach 1

Há poucas semanas o novo Mustang Mach 1 foi anunciado pela Ford para lançamento no mercado nacional.

O Mach 1 é um pacote de performance que a Ford começou a disponibilizar nos Mustangs em agosto de 1968 para o modelo 1969, ficou em produção até 1978, foi descontinuado, retornando brevemente por dois anos entre 2002 e 2004 e agora re-lançado festivamente em 2021, com disponibilização no Brasil quase simultaneamente aos Estados Unidos, realmente um presentinho da Ford.

1969 / 1973 / 2003

O Poney Car que teve seu início de produção em 1964 e foi imortalizado em vários filmes hollywoodianos é um sucesso há mais de meio século, indo de encontro a tudo que os especialistas do seguimento declaram. Em um mundo que valoriza o espaço, conforto, economia, segurança, entre outros atributos que explicam a popularidade das SUVs, o Mustang mostra gloriosamente que a era do automóvel não morreu!

Ele é baixo com capô longo, sua visibilidade para estacionar é deficiente, não é econômico, não é silencioso, os passageiros do banco traseiro andam no limite do tolerável para um ser humano, mas o carro é um sucesso de vendas. Sucesso tão grande que a Ford comenta que concentrará sua produção nos Estados Unidos nos seguimentos das SUVs, Picapes e no Mustang, que tem até sua categoria própria na produção da Ford.

Os leitores que acompanham nossas publicações devem saber que o Mustang GT é ícone de nossa galeria, muitos dos integrantes de nossa redação consideram o melhor custo-benefício dos esportivos a disposição no mercado Nacional.

Mas se o Mustang GT já é uma máquina sensacional, como caracterizar o Mustang Mach 1? Uma máquina sensacional elevado ao quadrado!

O Mustang Mach 1 mantem aquela aparência musculosa, escapamento barulhento, motor Coyote 5.0 litros, V8 e tração traseira. Se existe uma receita para a diversão, pode acreditar que seria resumida na linha acima. Mas se você somar 483 CV de potência em um motor aspirado naturalmente, mais 556Nm de torque, você terá a receita para muita diversão e é exatamente isso que pode-se traduzir do Mustang Mach 1 2021.

Nascido para pistas, o Mustang Mach 1 carrega consigo o legado histórico de performance e esportividade combinado com a a exclusividade de uma edição limitada. Isso se traduz visualmente em cores exclusivas, com faixas de muito bom gosto que possibilitam a distinção do bólido assim que é avistado.

A edição limitada carrega consigo o legado histórico de performance com a utlização de diversos componentes dos modelos Shelby® GT350 e GT500. O motor 5.0 V8 com novo sistema de admissão e 483cv, a transmissão automática de 10 velocidades com nova calibração e o sistema de arrefecimento ainda mais eficiente ajudam a extrair o máximo de performance. A suspensão MagneRide com calibração única, as barras estabilizadoras mais firmes, os freios Brembo e a aerodinâmica refinada evidenciam que o Mustang Mach 1 é diferente dos demais Mustangs.

Desde sua dianteira, com grandes entradas de ar, passando pelas novas rodas 19″, faixas de capô e laterais em três tonalidades, aerofólio traseiro, emblema e retrovisores em cinza acetinado ao difusor traseiro do Shelby GT500 e ponteiras de escapamento de 4,5″, todos os elementos presentes no Mustang Mach 1 evidenciam seu legado histórico de performance.

A transmissão Automática de 10 velocidades com trocas de marchas manuais no volante (Paddle Shifters) e uma calibração única feita pela Ford para maior rapidez e precisão, refinam ainda mais a performance do carro (mesmo que sintamos falta da velha e boa caixa de marcha manual de seis velocidades).

O Mustang Mach 1 é equipado com a suspensão adaptativa MagneRide com uma calibração diferenciada, mais dura, para essa edição. Os amortecedores usam um fluido viscoso eletromagnético e sensores eletrônicos. As barras estabilizadoras mais rígidas auxiliam o modelo em curvas, evidenciando ainda mais sua dinâmica de alta performance.

Um dos grandes problemas que existia nas versões antigas do Mustang e que já havia sido resolvido na nova versão vem ainda melhor no Mach 1 pois sua suspensão traseira independente incorpora diversos componentes dos modelos Shelby GT350 e GT500, garantindo uma direção ainda mais precisa e esportiva.

O Mustang Mach 1 possui sete modos de condução: normal, neve/molhado, esportivo, esportivo +, pista, drag e my mode para uma experiência de pilotagem ainda mais personalizada. As mudanças dos modos ocorrem com no apertar do botão no painel central e escolher o modo desejado para configurar o comportamento do carro, desde o ronco do motor à sensibilidade da suspensão MagineRide.

Pensando de forma civilizada, mas sem deixar de ser malvado quando necessário, o sistema de escapamento com ajuste de válvula ativo permite controlar o ronco e até mesmo programar horário para partidas no modo silencioso.

O Assistente Autônomo de Detecção de Pedestres tem a capacidade de detectar pedestres à frente do veículo. Nesse caso, ele informa o motorista por sinais sonoros e visuais no painel de instrumentos. Além disso, os freios são pré-carregados, permitindo uma resposta rápida do motorista. Se o motorista não tomar medidas corretivas e a colisão for iminente, os freios podem ser acionados automaticamente, minimizando ou evitando o impacto, além disso vem equipado com 8 Air bags (dois frontais, dois laterais, dois de cortina e os de joelhos para motorista e passageiro).

“Na parte interna, o painel de instrumentos digital de 12” oferece diversos recursos de personalização. Mais do que selecionar as cores favoritas, é possível configurar o painel para mostrar as informações mais importantes, escolhendo os indicadores favoritos e adaptando a cada modo de condução. O sistema multimídia, tão importante nos dias de hoje quanto o rádio para os nossos avós, foi desenvolvido para permitir uma interação total com o veículo, possuindo uma tela de alta resolução de 8” touch screen que permite controlar as funções de entretenimento, climatização, telefone e navegador GPS. O sistema conta ainda com entradas USB, conexão Bluetooth, conectividade com Android Auto e Apple Carplay, além de comandos de voz que possibilitam ao motorista fazer/atender chamadas telefônicas e controlar as funções de áudio e navegador sem tirar as mãos do volante.

E você leitor? Gostou da chegada do novo Mustang Mach 1 no Brasil?

FORD Brasil se consolida como centro global de exportação de serviços de engenharia

A indústria automotiva global vive um momento de grande transformação e a Ford enxergou nesse cenário a oportunidade de exportar um produto muito valorizado hoje no mercado: conhecimento. Com isso, os 1.500 profissionais do Centro de Desenvolvimento e Tecnologia da Ford Brasil, sediado na Bahia, passaram a atuar em projetos de ponta voltados ao futuro da mobilidade, como veículos elétricos, autônomos e conectados.

Daniel Justo, presidente da Ford América do Sul, apresentou a nova estrutura desse centro, ampliado recentemente com a contratação de 500 profissionais e que trabalha integrado ao ecossistema global de inovação da Ford na criação das tecnologias que vão moldar o futuro da mobilidade – veja o vídeo.

“A inovação contínua é o diferencial entre as empresas que vão crescer e as que vão desaparecer neste mundo em constante mudança. Isso nos leva a outro grande desafio: a demanda cada vez maior por engenheiros e especialistas. Vimos nesse cenário a oportunidade de ampliar nossa atuação com a exportação de serviços de engenharia para os principais mercados da Ford no mundo, aproveitando a criatividade, versatilidade e a sólida experiência em custos dos nossos profissionais”, diz Daniel Justo. “O capital humano é a chave para um futuro promissor; por isso, todo centro de desenvolvimento, pesquisa e inovação de sucesso também necessita ter, dentre suas atividades principais, a atração, geração e retenção de talentos”, completa.

O Centro de Desenvolvimento e Tecnologia da Ford Brasil é um dos nove da empresa no mundo e está entre os maiores e mais completos do Hemisfério Sul. Nos últimos meses, as demandas por serviço cresceram em volume e complexidade e, atualmente, 85% do trabalho é focado em projetos globais. 

“Hoje, nosso Centro de Desenvolvimento opera como uma unidade de negócio autossustentável, com uma expectativa de receita de R$ 500 milhões este ano para a Ford no Brasil”, destaca o executivo. “Isso mostra que a engenharia brasileira é extremamente competitiva e que vale a pena investir em pesquisa, desenvolvimento e inovação em nosso país.”

Estrutura completa

O Centro de Desenvolvimento e Tecnologia da Ford Brasil tem uma tradição de mais de 20 anos. Sua moderna e completa estrutura inclui a sede em Camaçari e o hub de ideação em Salvador, na Bahia; o Centro de Desenvolvimento e Testes em Tatuí, São Paulo; e uma estrutura em Pacheco, na Argentina, que tem como foco a melhoria contínua da qualidade da Ranger.

A sede em Camaçari tem uma área total de 6 mil metros quadrados, distribuída em seis prédios que abrigam o estúdio de design, laboratórios de realidade virtual e de Teardown – que realiza a desmontagem e análise de componentes –, escritórios e o D-Ford, nova área que funciona como uma startup com foco em inovação, realizando pesquisas para antecipar as necessidades dos consumidores anos antes de os veículos chegarem às ruas.

“A capacidade de desenvolver projetos extremamente complexos do início ao fim é uma vantagem competitiva que tornou o Centro de Desenvolvimento brasileiro uma referência na Ford mundial”, destaca André Oliveira, diretor de Engenharia da Ford América do Sul.

Projetos globais

Dentre os exemplos de projetos com expressiva participação do time brasileiro estão o desenvolvimento da nova linguagem de design dos futuros veículos elétricos da Lincoln, a implementação de tecnologias eletrificadas em modelos para o mercado global e o desenvolvimento das futuras gerações do sistema multimídia da Ford.

O time brasileiro também é responsável pela criação e pelo aprimoramento de um terço das funcionalidades embarcadas nos veículos Ford ao redor do mundo, a exemplo do “One Pedal Drive” do Mustang Mach-E – que permite dirigir usando apenas o acelerador, sem acionar o pedal do freio – e da “Zone Lighting”, que controla as luzes externas da F-150, inclusive da Lightning, sua versão elétrica.

No desenvolvimento dos veículos autônomos, o conhecimento brasileiro é aplicado na adequação da carroceria para o posicionamento de sensores, radares e câmeras e para a padronização da sua instalação, bem como no projeto de seus sistemas de limpeza.

E no campo de veículos conectados e desenvolvimento de software, merecem destaque os recentes projetos criados para o mercado brasileiro em conjunto com o time de Tecnologia da Informação, incluindo as novas funcionalidades conectadas da Transit, como a assistência técnica em conferência, o acompanhamento preventivo inteligente e os relatórios de indicadores para o negócio.

Pesquisas e patentes

A Ford Brasil também investe em pesquisa, outra área essencial para o avanço da tecnologia e inovação, que já obteve o registro de mais de 70 patentes globais. Em parceria com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL), da Bahia, a companhia possui um ecossistema de pesquisadores com mais de 200 profissionais distribuídos em 17 estados brasileiros que atuam em 120 projetos, a maioria voltada à conectividade, inteligência artificial e big data.

“A base de tudo que fazemos e do que está por vir no futuro da mobilidade é a pesquisa, seja de novos produtos, materiais ou mesmo de utilizações. A pesquisa é necessária para qualquer empresa ou país que queira se sobressair. Nesse ambiente de inovação surgem grandes ideias, muitas delas, inclusive, dão origem a patentes dado o seu grau de originalidade”, reforça André Oliveira.

Uma delas é o uso de grafeno, material extremamente versátil, resistente, fino e flexível, que também é um dos melhores condutores do mundo e abundante no Brasil. Em parceria com a Universidade Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, a Ford criou uma célula de pesquisa dedicada ao tema, unindo conhecimento acadêmico e prático.

“Nosso time faz estudos e testes usando grafeno combinado a vários materiais, como borracha, para deixá-los mais duráveis e resistentes. Existem outros projetos inclusive para aplicação em carros elétricos, uma vez que o grafeno possibilita a redução do peso de componentes, o que, por consequência, leva a um aumento da vida útil das baterias. A importância de termos um Centro de Desenvolvimento no Brasil também reside nos estudos de recursos e minerais que nosso país tem em grande quantidade, explorando todas as suas propriedades e potencialidades”, explica André Oliveira. 

Sobre a Ford Motor Company

A Ford Motor Company é uma companhia global sediada em Dearborn, Michigan. A companhia projeta, fabrica, comercializa e oferece serviços a uma linha completa de picapes, utilitários e carros – incluindo cada vez mais versões elétricas – e veículos de luxo da Lincoln; fornece serviços financeiros através da Ford Motor Credit Company; e busca posições de liderança em eletrificação; soluções de mobilidade, incluindo serviços de condução autônoma; e serviços de veículos conectados. A Ford emprega aproximadamente 186.000 pessoas em todo o mundo. Para mais informações e notícias sobre a Ford Brasil, visite o site https://media.ford.com

Fonte: FORD

Renault 5 Diamant, um show de carro elétrico desenvolvido com Pierre Gonalons para os 50 anos do modelo.

2022 marca o 50º aniversário de um dos ícones da marca, o Renault 5. Verdadeiro símbolo da cultura pop, mais de 5 milhões de unidades do modelo foram vendidas em vários países entre 1972 e 1984.

A Renault alinhou uma série de eventos, ativações e operações nas redes sociais.

RENAULT X PIERRE GONALONS

Hoje uma nova colaboração entre a Renault e o designer francês Pierre Gonalons está rendendo notícias. Para celebrar o 50º aniversário deste modelo icônico, a Renault decidiu unir forças com um designer proeminente que está entre os 100 principais criadores pela Architectural Digest e representante das artes e ofícios franceses.

As conversas entre Pierre Gonalons e a equipe Renault Design Colours & Trims levaram ao carro de demonstração Renault 5 Diamant. Um carro elétrico, capturando a visão do designer para o carro do futuro, combinando marcas de decoração automotiva e de interiores.

“Sinto-me honrado com o convite da Renault para reinventar o mítico Renault 5 em seu 50º aniversário. A marca me deu rédea livre para projetar meu carro dos sonhos”, diz Pierre Gonalons. “A meu ver, o Renault 5 incorpora um estilo de vida pop, otimista e categoricamente contemporâneo. O que eu queria fazer com o Renault 5 Diamant era prestar homenagem ao seu design revolucionário e, ao mesmo tempo, transferir as formas e cores do meu universo para o mundo automotivo.”

RENAULT 5 DIAMANT

A inspiração de Pierre Gonalons veio das artes decorativas, e particularmente de joias finas, o que pode ser visto em vários detalhes delicados e inovadores.

O Renault 5 Diamant manteve a aparência instantaneamente reconhecível e a forma inconfundível do “supercarro” original saído das linhas de produção da Renault em 1972. Mas muita coisa mudou além da silhueta familiar. O primeiro toque moderno está sob o capô: um motor 100% elétrico. Visualmente, o design inclui detalhes de primeira linha que se fundem em um efeito totalmente novo e sofisticado que convida você a dar uma olhada mais de perto.

François Farion, diretor da Renault Colours & Trims, destacou: “O universo criativo e as personalidades de Pierre Gonalons e sua equipe os classificam entre os melhores artesãos da França. O resultado é pioneiro, e os detalhes são muito elaborados. Para mim, o Renault 5 Diamant é um choque emocional mais do que qualquer outra coisa: os tons exteriores dão ao carro uma aparência ingênua e, ao mesmo tempo, sofisticada. Pierre presta muita atenção aos detalhes. Ele é extremamente sensível às referências e significados em cada elemento.”

Quando você olha do lado de fora, vê que o corpo foi simplificado para que as linhas distintivas do Renault 5 se destaquem. Os complementos usuais foram deliberadamente removidos de seu ambiente, e sua forma e acabamento foram ampliados. As luzes dianteira e traseira têm superfícies semelhantes a pedras preciosas, enquanto as rodas largas, herdadas da versão alpina, são mais suaves e têm um sol no centro, um símbolo querido por Pierre Gonalons. A cor exterior é uma combinação de três camadas de tinta: pigmentos dourados sobre uma base rosa, cobertos com verniz fosco, produzindo uma grande variedade de efeitos que vão desde traços dourados ao sol até tons mais azuis no escuro.

O interior é eminentemente despojado. Aproveitando a experiência da Renault Design e dos artesãos envolvidos neste projeto, Pierre Gonalons simplificou o carro mantendo apenas um punhado de itens muito específicos. As maçanetas das portas, enroladores de janelas e alavanca de câmbio têm esferas truncadas com referências distintamente parisienses, como o latão dourado com ouro pálido, materiais inoxidáveis e materiais resistentes. O volante é de mármore sobre carbono e sua forma única não o torna menos amigável ao motorista. Até a chave do carro passou por um tratamento especial. O tempo todo aproveitando a experiência da Renault para se certificar de que o carro é totalmente realista e convincente e que os elementos funcionais são desimpedidos.

O Renault 5 Diamant também tem muita tecnologia. Além de ser totalmente elétrico, ele vem com um leitor de impressão digital para destravar as portas e, como todo veículo elétrico, possui uma alavanca de câmbio sequencial de três posições (para frente, neutro, reverso). Três mostradores digitais redondos, que fazem referência à arte da relojoaria, fornecem as informações essenciais: velocidade, carga da bateria e tempo. A navegação e o infotainment podem ser convenientemente fornecidos pelo smartphone do proprietário, que se encaixa em uma base dedicada no meio do painel.

O MELHOR ARTESANATO DA FRANÇA

O Renault 5 Diamant é ótimo até os mínimos detalhes. Ele é feito de materiais superlativos fornecidos por artesãos que ganharam admiração por sua experiência incomparável e excelente trabalho manual. O carro de demonstração é, por exemplo, repleto da experiência da Design et Solution, uma empresa especializada na produção de veículos extraordinários e foi encarregada do desenvolvimento, montagem e acabamentos.

Vários artesãos que trabalham com Pierre Gonalons regularmente também reuniram seus conhecimentos neste projeto. Especificamente, o volante e o compartimento de armazenamento são feitos de mármore francês Grand Antique d’Aubert reciclado pela Minéral Expertise e moldado em tubos para torná-lo mais leve e maleável; o tecido que cobre os assentos foi produzido pelo criador de têxteis Métaphores; o tecido de crina que cobre o painel é feito por Le Crin, um estabelecimento centenário que tece esse material à mão; o tapete de lã de mohair é feito por Pinton, um dos últimos artesãos de tapeçaria da França, com sede em Aubusson; por fim, o acabamento dourado do carro, incluindo o monograma no capô, é feito por Bertin-Aubert, um atelier em Paris conhecido por seu acabamento pontilhante.

CAMPANHA ON-LINE E LEILÃO

Depois de reunir comunidades de entusiastas no Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter e YouTube, e mais recentemente criar páginas oficiais no TikTok e Pinterest, a Renault decidiu se aventurar no universo do NFT.

Neste projeto, a Renault e Pierre Gonalons também desenvolverão uma grande coleção de NFTs inspirados no Renault 5 Diamant que será revelada em setembro.

O Renault 5 Diamant será colocado em leilão algumas semanas depois com seu gêmeo digital NFT. O produto da venda será doado para o Give Me 5, o novo projeto de RSC da marca para alcançar as gerações jovens através do esporte e da música.

Fonte: Renault.

Um supercarro do mundo virtual para o real e vice-versa

O novo carro de corrida da Ford na Europa, o Team Fordzilla P1 (TFZ-P1), é um exemplo de como o mundo real e o virtual estão cada vez mais interligados no design automotivo. Não por acaso, várias ferramentas de animação e 3D usadas no desenvolvimento de veículos são inspiradas no universo dos games.

O TFZ-P1 nasceu como criação digital e depois ganhou uma versão em tamanho real. Agora, estreou no videogame GRID Legends, junto com um novo protótipo real que é também um simulador, mostrado pela primeira vez no Festival de Velocidade de Goodwood, no Reino Unido.

A história do TFZ-P1 começou em março de 2020, quando a Ford convidou gamers a participar da criação do novo carro de corrida virtual, votando nas suas configurações preferidas de design, bancos, posição do motor e cockpit, entre outras.

Cerca de 250.000 fãs deram sugestões, usadas por designers da Ford para criar seus projetos. O exterior desenhado por Arturo Ariño e o interior de Robert Engelmann foram os vencedores. Três meses depois, um modelo em escala real do veículo foi revelado na feira Gamescom 2020.

Desde então, o TFZ-P1 evoluiu para um simulador de corrida e depois uma plataforma de transmissão ao vivo, com vários acabamentos diferentes que incluíram uma tinta laranja reflexiva experimental. No game GRID Legends, lançado pela Codemasters e Electronic Arts para Xbox, PlayStation e PC, o supercarro com mais de 1.000 cv e velocidade de 350 km/h pode ser pilotado na categoria Trackday Hypercars.

“Nós agora fechamos o círculo. O TFZ-P1 começou como uma promessa e agora chega às mãos dos jogadores em GRID Legends. E o mais legal é poder dirigir sentado no próprio carro de corrida. Com essa primeira temporada do projeto TFZ-P1 estamos apenas arranhando a superfície do que é possível e vamos continuar tornando cada vez mais fluidas as fronteiras entre o mundo digital e a realidade”, diz Boris Ferko, gerente de design da Ford Europa.

Ícone atemporal, Fiat 500 completa 65 anos

Projetado por Dante Giacosa, o Fiat 500 foi lançado em 4 de julho de 1957 na Europa  O ícone da Fiat chegou a cerca de quatro milhões de unidades vendidas com o modelo original e mais de dois milhões após seu novo lançamento em 2007, totalizando mais de seis milhões de Fiat 500 comercializados Pioneiro em sua essência, o modelo coleciona inovações, como ter sido o primeiro automóvel a oferecer sete airbags de série e a contar com a família de motores TwinAir de dois cilindros  Fiat 500e está disponível no Brasil em versão 100% elétrica com autonomia de até 320 quilômetros Era uma vez um autêntico e piccolo automóvel italiano, que atravessou fronteiras e conquistou o mundo. É claro que estamos falando do Fiat 500, que com o seu design singular e inconfundível, além de estilo único, se tornou um ícone e importante personagem não só da história da Fiat, mas da indústria automotiva mundial. Inspirando mudanças desde 1957, o modelo chegou aos tempos atuais mais moderno do que nunca. No Brasil, é vendido em versão elétrica.  Seja chamado de “Cinquecento” ou de “Quinhentos”, o pequeno conquistou o coração de milhares de fãs pelo mundo afora. Sucesso de público e mídia, o modelo já teve mais de seis milhões de unidades comercializadas, é vendido em mais de 100 países e acumula mais de 40 prêmios em seu currículo. Em 2017, quando completou 60 anos, virou obra de arte definitivamente e entrou para o acervo permanente do MoMA (The Museum of Modern Art), em Nova York.  O Fiat 500 também teve dezenas de séries especiais, como a recente La Prima by Bocelli, com sistema de som refinado desenvolvido em parceria com o maestro Andrea Bocelli. Outros destaques são as séries em parceria com grifes famosas, como a Gucci (vendida no Brasil), Armani e Bvlgari. Ele ainda deu origem a uma família que vem crescendo, com modelos como o 500X, o 500L e o 500 Abarth.  Projetado por Dante Giacosa, foi lançado em 4 de julho de 1957, na Europa, após a Segunda Guerra Mundial. Assim, havia uma enorme necessidade de dar mobilidade às populações, mas poucos meios. A saída foram os automóveis pequenos e baratos – no preço, na produção e, sobretudo, no consumo de combustível. Dessa forma, surgia o Fiat 500 na Itália. Seu pequeno motor de 479 cm³ e dois cilindros produzia 13 cavalos de potência. Com seus 3 metros de comprimento e 500 kg de peso, ele trafegava com desenvoltura pelas estreitas ruas europeias. Suas portas se abriam para a frente, com dobradiças na metade do carro. Nos anos seguintes ele foi ganhando novidades: versão Sport em 1958 com motor mais potente e Nuova 500 C em 1959, uma versão cabriolet. Na década seguinte ainda chegaram a Giardiniera (SW) em 1960; a Nuova 500 F em 1965, que se tornaria a mais popular de todas as versões do modelo, com portas passaram a se abrir para trás, e, em 1968, foi a vez da mais luxuosa versão entrar no mercado: a Nuova 500 L, com detalhes cromados em toda a carroceria e interior em couro.  Em seus primeiros anos de vida (até 1975), aproximadamente quatro milhões de unidades do Fiat 500 original foram produzidas na Europa. O piccolo carro contribuiu para a motorização do continente naquela época. O sucesso foi tanto que, em 2007, quando seu lançamento completou 50 anos, foi reestilizado, unindo o autêntico padrão retrô à modernidade. Ele voltou ao mercado com o mesmo espírito e jeito “cool”, mas com mais segurança, tecnologia e requinte. Vale dizer que mais de dois milhões de unidades do Fiat 500 relançado em 2007 já foram vendidas até hoje. Pouco depois, em 2009, foi a vez do Brasil finalmente poder ter o pequeno em suas ruas. O 500 chegou bem equipado com itens como direção elétrica Dual Drive, ar-condicionado digital, sete airbags e ESP (sistema eletrônico de estabilidade). O modelo foi o primeiro Fiat vendido no Brasil com Hill Holder. Pioneirismo faz parte do DNA da Fiat e com o 500 não é diferente. Ele foi também o primeiro automóvel a oferecer sete airbags de série, a oferecer ESP avançado em todos os seus motores e nele estreou a família de motores TwinAir de dois cilindros Foi também o primeiro carro com apenas 3,55 metros que conseguiu receber as 5 estrelas do EuroNCAP.




O Fiat 500 chegou radicalmente renovado ao Brasil em sua terceira geração. Desenvolvido sobre a nova plataforma Mini EV, ficou maior, mais conectado e muito completo. Com o objetivo de apresentar aos consumidores brasileiros como a Fiat está atenta às demandas da sociedade atual, que busca uma mobilidade sustentável, urbana, conectada e autônoma, o modelo foi lançado no Brasil em 2021 apenas na versão 100% elétrica. Seu design reinterpreta o visual icônico do modelo clássico, com linhas que o tornam ainda mais elegante e escultural. Com dimensões maiores, privilegia o espaço interno, mas mantém a agilidade na cidade. Muito tecnológico, o Fiat 500e conta com itens como o Co-Driver, formado pelo Sistema Avançado de Condução Assistida (ADAS) de última geração, atingindo classificação nível 2 na escala SAE. Ele traz ainda o Fiat Connect////Me, plataforma de conectividade que oferece mais conveniência, assistência e segurança, fornecendo toda a comodidade também por meio do smartphone, smartwatch ou assistente virtual (Alexa). Com autonomia de até 320 quilômetros, o Fiat 500e tem motor elétrico que entrega 87 kW, o que equivale a 118 cavalos de potência a 4.200 rpm. Seu torque alcança surpreendentes 220 Nm. Isso faz com que o modelo necessite de apenas 9 segundos para atingir 100 km/h, e com uma retomada de 60km/h a 100 km/h em 4,8 segundos.

Fonte: Stellantis.

RENAULT DO BRASIL ESTREIA NOVA IDENTIDADE VISUAL DE CONCESSIONÁRIAS NO PAÍS

A Renault do Brasil iniciou o processo de renovação visual de suas concessionárias no país com a nova identidade visual da marca. A alteração faz parte do “Nouvelle Vague” da Renault, iniciado com o novo plano estratégico “Renaulution” apresentado no início de 2021, que tem como objetivo tornar a marca Renault cada vez mais moderna, inovadora e tecnológica.

A nova identidade das concessionárias, capitaneada pelo losango mais moderno e vibrante, reforçam os valores humanos e calorosos da empresa, ao oferecer um ambiente confortável e receptivo, além de sua inovação, com linhas contemporâneas e elegantes, tanto na decoração interna como no desenho da fachada. 

A mudança também inclui novos totens de identificação E-Tech, para as unidades que comercializam os veículos 100% elétricos da marca – incluindo a instalação de postos de recarga para veículos elétricos – e para a Rede PRO+, nas concessionárias que atendem os veículos comerciais leves.

“A nova identidade visual das concessionárias com o novo logo Renault é um grande passo para nossa marca. Em todo o percurso cliente, em cada ponto de contato, físico ou digital, há uma só marca Renault. Já atualizamos nossa publicidade, nossa comunicação, e começamos agora a atualizar nossa rede. O próximo passo será a mudança gradual do logo na nossa gama de veículos. Em breve toda identidade visual no país estará alinhada com o plano da marca inscrito no plano Renaulution”, explica Bruno Hohmann, vice-presidente Comercial da Renault do Brasil.

A renovação visual das concessionárias iniciou na unidade Globo, em São José dos Pinhais (PR) e inclui uma nova fachada, bem como a decoração interna, com novo mobiliário e layout que também favorece a apresentação dos veículos, ampla área de circulação e espaços reservados que permitem mais conforto para os clientes em sua visita. Esta evolução está conectada aos novos valores da marca humana, calorosa, inovadora e responsável. Até o fim do ano, a previsão é chegar a 85 unidades com a nova identidade. 

“A marca Renault está em um momento de grande transformação estratégica no mundo. E, agora, chegamos à etapa de materializarmos essa transformação em nosso ponto principal de interação com os clientes, que é a concessionária. Teremos todas as nossas unidades com a nova identidade visual até 2024”, afirma Gustavo Ogawa, diretor de Vendas e Rede da Renault do Brasil.

Para Alessandro Santos, diretor geral da concessionária Globo, de São José dos Pinhais, uma das primeiras unidades a adotar as mudanças, “a nova identidade da Renault faz com que o cliente perceba e desfrute da modernidade visual da marca e conecte isso à tecnologia embarcada nos veículos”.

Sobre a Renault do Brasil

Produzindo no Brasil há mais de 23 anos, a Renault do Brasil conta com quatro fábricas no complexo Ayrton Senna, em São José dos Pinhais (PR): a de veículos de passeio (CVP), a de comerciais leves (CVU), a de motores (CMO), além da fábrica de injeção de alumínio (CIA). 

Oferecendo uma gama completa veículos como o Kwid, Sandero, Stepway, Logan, Duster, Captur, Oroch, e Master e, ainda, os veículos E-Tech 100% elétricos Kwid E-Tech e Zoe E-Tech, a Renault inovou ao lançar a venda de produtos 100% on-line, entre outras soluções para facilitar a vida dos clientes. Com o Renault On Demand, serviço de aluguel de veículos a longo prazo, a Renault traz novas soluções de mobilidade, juntamente com vários projetos de compartilhamento de veículos. Desenvolvemos, ainda, soluções de geração de energia limpa com parceiros, como, por exemplo, o projeto de Fernando de Noronha onde foi construída uma garagem fotovoltaica que abastece os mais de 45 veículos elétricos que rodam por lá. 

O Instituto Renault, responsável pelas ações socioambientais da marca no país, vem colaborando com o desenvolvimento da sociedade e já impactou mais de 830 mil pessoas ao longo dos seus 11 anos nos eixos de Inclusão e Segurança.

Fonte: Renault.

A BWT ALPINE F1 TEAM faz parceria com a FVP TRADE

A FVP é uma corretora de CFD regulamentada globalmente que fornece preços transparentes, execução rápida, e ferramentas avançadas de gráficos para seus traders. A FVP Trade está embarcando em uma nova fase de crescimento, permitindo a corretora expandir sua presença geográfica, bem como melhorar sua carteira de produtos. 

Operando em 52 países, a FVP Trade está reformulando o setor de Trading para seus parceiros e clientes. A empresa está empenhada em compreendê-los e educá-los, enquanto os conecta globalmente a uma plataforma transparente e confiável.

A parceria com a BWT Alpine F1 Team conecta uma ambiciosa marca de automobilismo à corretora de CFD que mais cresce no mundo.

Otmar Szafnauer, Diretor de Equipe da BWT Alpine F1 Team

“O automobilismo e a negociação de CFD compartilham vários desafios. Ambas as indústrias são ambientes movidos por tecnologia de alta pressão, em que o desempenho é fundamental. Paralelamente, valorizamos a educação juntamente com a inovação como um meio de extrair o melhor resultado possível. A BWT Alpine F1 Team tem orgulho de dar as boas-vindas à FVP Trade em nossa equipe, e estamos ansiosos pela nossa jornada juntos, enquanto avançamos em nossos respectivos campos.”

Jonathan Greene CEO da FVP Trade

“Estamos muito satisfeitos por termos nos juntado à família de Parceiros Oficiais da BWT Alpine F1 Team. Eles têm uma forte presença dentro do esporte, com uma vitória em sua primeira temporada e ambições muito altas para sustentar o seu progresso. Este histórico impressionante e a nossa visão compartilhada de conciliar sustentabilidade e competitividade, criaram o conceito ideal que estávamos procurando em um parceiro de Fórmula 1”.

Keith Walker CMO da FVP Trade

“Estamos muito animados com a nossa parceria com a BWT Alpine F1 Team. A FVP Trade e a BWT Alpine F1 Team compartilham um foco comum, uma paixão pela mudança ambiental e um plano de expansão sustentável. Estamos ansiosos para trabalhar em conjunto de uma equipe com história no esporte e para oferecer aos nossos clientes a oportunidade de compartilhar dos valores emocionais que esta parceria pode oferecer”. 

Fonte: Renault.

Novo PEUGEOT 408 – Inesperado em todos os ângulos, um fastback dinâmico e inovador

O PEUGEOT 408 se distingue principalmente pela silhueta Fastback dinâmica e pelo conceito diferenciado das categorias existentes, mas também por seu estilo reconhecível entre todos. A postura, felina, é característica dos modelos da Marca. As linhas são afiladas e a grade, que reproduz a cor da carroceria integrando-se perfeitamente na face dianteira, ostenta o novo emblema da PEUGEOT, ilustrado por uma cabeça de Leão. O recorte invertido do para-choques traseiro surpreende e confere ao perfil um dinamismo inédito. O 408 está solidamente assentado sobre grandes rodas de 720 mm de diâmetro, e os aros icônicos de 20 polegadas apresentam um desenho geométrico disruptivo. Na dianteira, a assinatura luminosa na forma de presas faz do 408 um perfeito integrante da família PEUGEOT, bem como as lanternas de LED com três garras na traseira.

Com um comprimento de 4,69 m e uma distância entre eixos de 2,79 m, o novo PEUGEOT 408 oferece um espaço interno notável na 2ª fileira, com um espaço para as pernas de 188 mm. O porta-malas também é generoso, com um volume de 536 litros extensíveis para 1.611 litros com os bancos traseiros rebatidos. A altura de 1,48 m torna a silhueta fina e esbelta, contribuindo para a eficiência aerodinâmica.

EMOÇÃO. O PEUGEOT 408 oferece ao condutor e aos passageiros a última geração do PEUGEOT i-Cockpit®, inconfundível com seu pequeno volante dedicado ao prazer de conduzir e ao domínio da agilidade.

O destaque vai para a qualidade do acabamento e conectividade da cabine, que incorpora as tecnologias mais recentes para tornar a experiência de condução e viagem mais intuitiva e gratificante.

EXCELÊNCIA. Alimentados por 6 câmeras e 9 radares, os sistemas de auxílio à condução tranquilizam e protegem. Eles incluem:

  • Cruise Control adaptativo com função Stop and Go;
  • Visão noturna (Night Vision) que permite alertar a presença de animais, pedestres ou ciclistas na via antes de eles aparecerem no feixe luminoso dos faróis;
  •  Vigilância de ponto cego com longo alcance (75 metros);
  • Alerta traseiro de tráfego que previne de perigos potenciais em marcha ré.

A oferta de motorizações do PEUGEOT 408 inclui duas versões híbridas recarregáveis de 180 e 225 cv e uma versão a gasolina de 130 cv. Todas estão associadas a uma caixa de câmbio automático de 8 marchas EAT8. Uma versão totalmente elétrica será lançada em alguns meses.

A eficiência esteve no foco do desenvolvimento do PEUGEOT 408. A associação de esforços em matéria de aerodinâmica, de redução das massas (a partir de 1.396 kg) e de motorizações com baixas emissões resultou em consumos de energia médios incrivelmente reduzidos (em vias de homologação), tanto no caso dos modelos híbridos como no da versão térmica.

O novo PEUGEOT 408 chega ao mercado europeu já no começo de 2023. Veículo com vocação mundial, será produzido inicialmente na França, em Mulhouse e, logo em seguida na fábrica de Chengdu, na China, para o mercado local.

“Na PEUGEOT, acreditamos que a vida fica melhor com elegância. E justamente, com sua elegância única, sua silhueta inovadora de Fastback e sua distinção emancipada, o novo 408 é a expressão perfeita da filosofia e da inventividade da Marca PEUGEOT”, declara Linda Jackson, CEO da marca PEUGEOT. “Inesperado em todos os ângulos, o novo PEUGEOT 408 foi criado para apaixonados por carros e pela vida que querem se libertar de determinadas convenções ao mesmo tempo que buscam um prazer responsável. Eles encontrarão a exigência tecnológica da PEUGEOT – uma eficiência controlada e uma experiência digital de altíssimo nível – bem como todas as emoções proporcionadas por uma condução instintiva”.

1. Busca de Prazer Responsável e de Novidade: O Mercado e os Clientes

Com o novo 408, a Marca PEUGEOT completa sua oferta neste segmento estratégico que é o segmento C, no qual a PEUGEOT conquistou um lugar de destaque nos últimos anos, com o sucesso dos SUV 3008 e 5008, e de três gerações de hatchbacks 308 e peruas 308 SW, cuja última versão acabou de ser lançada. O PEUGEOT 408 completa assim a oferta da Marca e se posiciona no topo do segmento C.

O novo PEUGEOT 408 está alinhado com os valores e preocupações de uma população no auge da modernidade: dinâmico, hiperconectado, quer contribuir para a transição energética, sem abrir mão de viver momentos reais de prazer. Ele busca novidades, aprecia a criatividade e a audácia das associações inéditas que escapam das categorias preestabelecidas.

A maioria dos clientes do novo PEUGEOT 408 deve ser composta por casais, maioritariamente trabalhadores, com ou sem filhos, que utilizarão o carro para atividades pessoais e profissionais. Um mosaico de necessidades e desejos, às vezes complementares, orienta sua escolha. Alguns querem subir de gama no segmento C e adquirir um carro maior e mais espaçoso. Outros desejam uma silhueta mais original e mais inovadora que um SUV compacto, que consideram excessivamente comum ou familiar. Outros, ainda, apreciam a estatura de um carro grande. Todos buscam sensações automobilísticas contemporâneas para suas utilizações cotidianas ou para longas viagens confortáveis e serenas em boa companhia.

2. ELEGÂNCIA ÚNICA um Fastback Dinâmico e Inovador – DESIGN

Associada à postura felina característica de todo PEUGEOT, a linguagem formal do novo 408 adequa-se perfeitamente ao novo conceito inovador de Fastback topo de linha do segmento C.  Ele se caracteriza por um tratamento particularmente acerado das superfícies, visível sobretudo na traseira onde acaba o teto, na tampa do porta-malas e no nascimento dos paralamas, criando facetas afiadas que brincam com a luz.

O 408 tem uma arquitetura externa que lhe é própria. Construído sobre a versão da plataforma multienergia EMP2 (Efficient Modular Platform), ele possui uma distância entre eixos de 2,787 m, garantia de um espaço generoso para os lugares traseiros. Seu comprimento totaliza 4,69 m e sua largura tem 1,859 m com os retrovisores rebatidos.

As bitolas são largas, com 1,599 m na frente e 1,604 m atrás, assentando solidamente o veículo no solo, sobre rodas de grande diâmetro (720 mm) e aros de até 20 polegadas. Embora seja elevado, o PEUGEOT 408 tem um perfil afilado e esportivo graças a uma altura limitada a 1,48 m.

Na dianteira, temos um longo capô encastrado entre paralamas elevados, característica dos últimos modelos da PEUGEOT. Essa opção de estilo reforça a imponência do bloco dianteiro ao mesmo tempo que torna o perfil mais fluido, pois o corte entre o para-lama e o capô é invisível. Esse princípio de construção também simplifica o contorno periférico do capô, permitindo uma justaposição perfeita das peças de carroceria.

A tecnologia Matrix LED utilizada na iluminação permitiu desenhar faróis muito finos, garantindo ao mesmo tempo uma iluminação de altíssima qualidade. Esses faróis compõem o olhar do novo 408: um olhar decididamente PEUGEOT. A assinatura luminosa se prolonga para baixo com duas faixas de LED em forma de presas que mergulham em direção ao para-choques.

A grade, na qual se encontra o novo emblema da Marca, dissimula o radar utilizado em inúmeros sistemas de auxílio à condução, assina a identidade do 408.  O acabamento na cor da carroceria “desmaterializa” a grade, criando uma fusão com o volume geral do para-choque – sinal de uma mudança de geração e da eletrificação da gama PEUGEOT. Grandes detalhes decorativos na cor preta caracterizam o tema gráfico da face dianteira, acentuando visualmente a largura e a robustez. Eles Eles circundam e protegem as faixas luminosas em forma de presas, fazendo contraponto às proteções pretas que cercam a carroceria e realçam, por contraste, a visibilidade da assinatura luminosa.

O perfil do novo PEUGEOT 408 é caracterizado por um astucioso recorte entre as peças pretas e as peças pintadas, que afinam a silhueta e lhe confere dinamismo. Ele também reforça a generosidade da cabine, inclusive no desenho lateral do vidro, que tem seu dinamismo fastback depois do ponto alto de acessibilidade da porta traseira.

As proteções laterais da carroceria e das caixas de rodas se prolongam no robusto para-choques traseiro preto que, ao cortar de viés a cor da carroceria, acentua o efeito invertido da traseira, beneficiando o dinamismo. Também permite equilibrar visualmente o balanço traseiro, que acolhe uma porta-malas de grande capacidade.

Os aros de 20 polegadas com um estilo disruptivo e uma forma geométrica inserida num círculo surpreendem quando o veículo está parado e criam um efeito visual espetacular em baixa velocidade. O seu desenho inusitado está alinhado com o tratamento conceitual inédito do novo 408.

A parte posterior do teto é uma área especialmente sensível em termos de aerodinamismo. O fluxo de ar é otimizado e guiado por duas “orelhas de gato” que formam um corredor aerodinâmico ideal em direção ao spoiler da tampa do porta-malas. Esses dois apêndices angulosos e eficientes fazem parte dos elementos de estilo que distinguem o novo PEUGEOT 408.

6 cores estarão disponíveis para o novo PEUGEOT 408:

  • Azul Obsession (nova cor de lançamento do modelo)
  • Cinza Titane (nova cor)
  • Cinza Artense (apenas na versão Allure)
  • Vermelho Elixir
  • Branco Nacré
  • Preto Perla Nera
  1. EMOÇÃO da Condução: o PEUGEOT i-Cockpit®

No interior da cabine, o PEUGEOT i-Cockpit® faz parte dos elementos característicos fortes da PEUGEOT. Há uma década, ele fica mais completo e mais moderno a cada nova geração. No novo PEUGEOT 408, ele se destaca pela ergonomia, qualidade, praticidade e tecnologia, com um novo sistema de infoentretenimento, o PEUGEOT i-Connect®.

Característico do PEUGEOT i-Cockpit®, o volante compacto intensifica o prazer de conduzir ao proporcionar uma agilidade e uma precisão de movimentos inigualáveis. O volante do novo 408 é ergonômico e aquecido (opcional) e agrupa os comandos do sistema multimídia (rádio, telefone) e de alguns auxílios à condução.

Posicionado à altura dos olhos do motorista e acima do volante, o novo quadro de instrumentos adota um painel 100% digital de 10 polegadas. Na versão GT, o painel adota tecnologia 3D. Totalmente ajustável e personalizável, o painel reúne diversos modos de visualização (Navegação Conectada, Rádio/Mídia, Auxílios à condução, Fluxos de energia, entre outros) modificáveis a partir de botões no console.

A construção do painel de instrumentos do novo PEUGEOT 408 está pautada numa arquitetura “high-vent” que posiciona os aeradores em posição alta, diante da cabeça dos ocupantes, favorecendo assim o seu conforto térmico.

Graças a essa arquitetura, a tela touchscreen central de 10 polegadas implantada ligeiramente abaixo do bloco de mostradores que se encontra diretamente no campo de visão do condutor, fica mais próxima de sua mão. O sistema é composto por i-toggles totalmente configuráveis. Dispostos sob a tela central como um livro aberto, eles conferem uma estética e um nível de tecnologia únicos no segmento. Cada i-toggle é uma tecla de atalho para as regulagens do ar-condicionado, um contato telefônico, uma estação de rádio, um aplicativo configurado pelo usuário.

Um dos objetivos do Design Interior da PEUGEOT no desenvolvimento da cabine do novo 408 foi equilibrar o espaço entre os dois ocupantes dos lugares dianteiros. O PEUGEOT i-Cockpit® se mantém fiel ao princípio de uma tela central ligeiramente orientada para o condutor (“driver oriented”), que otimiza a ergonomia de condução sem excluir o passageiro de sua leitura e utilização.

O console central é deliberadamente aberto para o passageiro. Ele concentra num arco, do lado do condutor, todos os comandos dinâmicos do veículo. O condutor pode selecionar, mediante um simples impulso, os diferentes modos do câmbio automático de 8 marchas EAT8:

  • Reverse (R) para engatar a marcha ré,
  • Neutral (N) para colocar o veículo no ponto neutro,
  • Drive (D) aciona a seleção automática das 8 marchas em função da velocidade, do tipo de condução, do perfil da estrada e da carga do veículo.

Dois botões separados completam as funções:

  • Parking (P), põe o câmbio em posição de estacionamento,
  • Nas versões com motorização híbrida, o botão Brake (B) aciona a frenagem regenerativa. Na versão a combustão, ele é substituído por um botão Manual (M), que permite selecionar manualmente a marcha graças às borboletas atrás do volante.

Adicionalmente, o seletor de Modo de Condução permite selecionar diferentes modos, (Electric, Eco, Hybrid, Normal e Sport) dependendo da motorização.

3. EXCELÊNCIA Conectada: O Sistema PEUGEOT i-Connect Advanced

O novo PEUGEOT 408 oferece uma experiência conectada de altíssimo nível. Ergonômico e sem ruptura com as utilizações do dia a dia, seu novo sistema de infoentretenimento oferece aos usuários, em função de suas competências e desejos, o que há de melhor no universo dos smartphones e dos automóveis. Cada condutor pode definir e salvar suas preferências de visualização, ambiente e configurações. O sistema memoriza até 8 perfis diferentes.

A função mirroring que conecta o smartphone ao sistema de infoentretenimento do veículo agora é sem fio, com a possibilidade de conectar dois telefones por Bluetooth ao mesmo tempo. Quatro entradas USB-C completam o dispositivo conectado do PEUGEOT 408.

A tela central de 10 polegadas em alta definição é totalmente e facilmente personalizável, graças ao modo multi telas e aos “widgets” ou atalhos de fácil utilização e com a reatividade de um tablet. Dessa forma fica fácil percorrer os diferentes menus da esquerda para a direita ou de cima para baixo para as notificações, ou pressionar com 3 dedos para acessar o painel de aplicativos.

Prático com um smartphone, para voltar à página principal basta pressionar o botão “Home”.

Na parte superior da tela, uma faixa fixa exibe informações sobre a temperatura externa, o ar-condicionado, a posição nas páginas de widgets, os dados de conectividade, as notificações e a hora.

Com o mais recente sistema de infoentretenimento, o PEUGEOT i-Connect Advanced, oferece experiência completa. Ele possui o eficiente sistema de navegação conectada TomTom. Para uma visualização perfeita, o mapa é exibido em toda a superfície da tela de 10 polegadas. A atualização do sistema é efetuada “over the air”, ou seja, diretamente através da transmissão dos dados pela rede de telecomunicações.

Para proporcionar mais segurança e facilidade no dia a dia, o comando “OK PEUGEOT” de reconhecimento vocal em linguagem natural permite acessar todos os itens relacionados às questões de infoentretenimento.

Para acompanhar os usuários e responder às suas dúvidas, o sistema integra toda a documentação de bordo, bem como tutoriais.

4. EXCELÊNCIA e EFICIÊNCIA:  Carroceria e Motorizações

A eficiência sempre esteve no centro das preocupações das equipes da PEUGEOT durante toda a fase de concepção e desenvolvimento do novo 408, a fim de reduzir o consumo e limitar as emissões de CO₂.

O aerodinamismo do novo PEUGEOT 408 foi alvo de um cuidado todo especial, pois contribui positivamente para o balanço energético. Para-choques, tampa do porta-malas, difusor, montantes de carroceria, retrovisores, painel inferior da carroceria, entre outros. As peças de carroceria foram todas otimizadas graças a uma estreita colaboração entre os designers e os engenheiros de aerodinâmica da PEUGEOT – uma colaboração comparável à disciplina de trabalho instaurada entre as equipes de design e de engenharia durante o desenvolvimento do Hypercar 9X8. O design das rodas também ajuda a melhorar a eficiência aerodinâmica e contribui significativamente para o desempenho global do veículo.

Para aprimorar o conforto em termos de vibração, foi feito um trabalho de otimização da rigidez da carroceria, com colagem de elementos estruturais. Mais do que nunca, o prazer de conduzir está inscrito nos genes deste novo PEUGEOT 408, com uma aderência ao solo exemplar, um conforto de rodagem de alto nível, um excelente conforto de condução além de uma manobrabilidade ideal em áreas urbanas, com raio de giro entre calçadas de 11,18 m.

Os pneus montados no novo PEUGEOT 408 têm dimensões de 17 a 20 polegadas. São pneus de categorias Classe A, que aumentam a eficiência ao reduzir a resistência à rodagem, sem renunciar às exigências da Marca em termos de comportamento de referência na estrada.

Duas motorizações híbridas recarregáveis estão disponíveis no novo PEUGEOT 408:

  • PLUG-IN HYBRID 225 e-EAT8: 2 rodas motrizes / associação de um motor PureTech de 180 cv (132 kW) e de um motor elétrico de 81 kW acoplado à caixa de câmbio automático de 8 marchas e-EAT8 / em vias de homologação.
  • PLUG-IN HYBRID 180 e-EAT8: 2 rodas motrizes / associação de um motor PureTech de 150 cv (110 kW) e de um motor elétrico de 81 kW acoplado à caixa de câmbio automático de 8 marchas e-EAT8 / em vias de homologação.

A bateria Li-ion das duas versões híbridas recarregáveis tem uma capacidade de 12,4 kWh e uma potência de 102 kW. Dois tipos de carregadores de bordo estão disponíveis: um carregador monofásico de 3,7 kW oferecido de série e um carregador monofásico de 7,4 kW como equipamento opcional.

Os tempos estimados de recarga são:

  • Wall Box (32 A) 7,4 kW com o carregador de bordo monofásico de 7,4 kW, a carga completa pode ser efetuada em 1h55.
  • Tomada reforçada (16 A) com o carregador de bordo monofásico de 3,7kW, a carga completa pode ser efetuada em 3h50.
  • Tomada convencional (8 A) com o carregador de bordo monofásico (3,7 kW), a carga completa é atingida em cerca de 7h05.

Uma motorização térmica também está disponível: o motor a gasolina 1.2l de 3 cilindros PureTech de 130 cv conforme à última norma antipoluição Euro 6.4 está associado ao câmbio automático de 8 marchas EAT8 e a um sistema Start & Stop. Esta motorização está em processo de homologação.

Convém notar que todas as motorizações do novo PEUGEOT 408 estão associadas à caixa de câmbio automática de 8 marchas, garantia de tranquilidade e eficiência.

Não existe previsão de versão a diesel, porém um modelo 100% elétrico será lançado posteriormente.

5. EXCELÊNCIA Tecnológica:  Os Auxílios à Condução 

A bordo do novo PEUGEOT 408, um dispositivo completíssimo de sistemas de auxílio à condução de última geração, alimentados por informações recolhidas por 6 câmeras e 9 radares, garantem a segurança e a tranquilidade da condução, de manobras e deslocamento.                                                                                                                                                                                                         

  • Cruise Control adaptativo com função Stop and Go e alerta de distância entre veículos.
  • Frenagem automática de emergência com alerta de risco de colisão: detecta pedestres e ciclistas, de dia e de noite, a partir de 7 km/h até 140 km/h dependendo da versão.
  • Alerta ativo de troca involuntária de faixa ou de acostamento, com correção da trajetória.
  • Alerta de atenção do condutor, para detectar falhas na vigilância do condutor em trajetos longos e a velocidades superiores a 65 km/h, por meio da análise dos mínimos movimentos do volante.
  • Reconhecimento ampliado e visualização no painel digital das placas de sinalização: pare, contramão, ultrapassagem proibida, fim de proibição de ultrapassagem, além das sinalizações de velocidade habituais.
  • Sistema de visão noturna (Night Vision), que permite detectar a presença de seres vivos (pedestres/animais) à frente do veículo à noite ou com visibilidade reduzida. O alcance do sistema garante a detecção além do alcance dos faróis, com exibição central da visão em infravermelho no painel digital, diretamente no campo de visão do condutor.
  • Vigilância de veículo no ponto cego de longo alcance (75 metros).
  • Alerta traseiro de tráfego em marcha ré com alerta de perigo próximo.
  • Câmera de ré de alta definição com visão de 180° com sistema de lavagem embutido.
  • Assistência ao estacionamento com visão de 360° graças a 4 câmeras de alta definição (dianteira, traseira, laterais).
  • Inclinação dos retrovisores ao engatar a marcha ré.
  • Faróis Matrix LED para beneficiar ao máximo da potência de iluminação dos faróis baixos sem ofuscar os veículos à frente ou em sentido contrário.  
  • Comutação automática de faróis altos/baixos.

Um novo passo rumo à condução semiautônoma será dado com o pack Drive Assist 2.0, que será disponibilizado no futuro. Ele é composto pelo Cruise Control adaptativo com função Stop and Go e pelo auxílio de permanência na faixa.

Duas novas funções são disponibilizadas para estradas de mão-dupla (com faixas separadas):

  • A mudança de faixa semiautomática, que propõe ao condutor ultrapassar o veículo da frente e depois entrar novamente em sua faixa, partindo de 70 km/h e até 180 km/h.
  • A recomendação antecipada de velocidade, que sugere que o condutor adapte sua velocidade de acordo com as placas de limite de velocidade.

Outros equipamentos estão disponíveis, facilitando a utilização do novo PEUGEOT 408 no dia a dia:

  • Acesso e partida sem as mãos, por aproximação;
  • Fácil acesso com as mãos ocupadas, graças a tampa do porta-malas motorizada;
  • Para-brisa aquecido com função degelo e volante aquecido;
  • Alarme perimétrico, volumétrico e de impasse;
  • Freio de mão elétrico em todas as versões;
  • Teto solar equipado com cortina.

E por fim, o novo PEUGEOT 408 ainda possui o sistema de assistência e-call:

  • Chamada de emergência “E-call+” com informação sobre o número de passageiros e localização, incluindo a direção do veículo na faixa.
  1. EMOÇÃO Prolongada de Uma Viagem Serena: O Bem-Estar a Bordo

Concebido como um Fastback topo de linha do segmento C, o novo PEUGEOT 408 oferece uma multiplicidade de equipamentos para viver plenamente o prazer da viagem e da mobilidade.

Particularmente envolventes, os bancos dianteiros receberam o selo de certificação AGR (Aktion für Gesunder Rücken) atribuído por uma associação alemã independente de especialistas em ergonomia e saúde das costas. Esse selo recompensa tanto a ergonomia como a amplitude de ajustes dos bancos dianteiros.

Eles podem dispor de regulagens elétricas em 10 posições com duas memorizações possíveis para o condutor; 6 posições para o passageiro e uma massagem com sistema de 8 bolsas pneumáticas e 5 programas diferentes, além do aquecimento dos assentos.

O design dos bancos foi pensado para valorizar a qualidade dos materiais utilizados: tecido mesclado, malhas técnicas, alcantara, couro gravado em relevo ou couro nappa colorido. Nas versões GT, eles são enriquecidos com um fio assinatura na cor Adamite, que também realça o painel de instrumentos, os painéis das portas e os elementos almofadados do console.

Entre os bancos dianteiros, o arco do console central se prolonga até o lugar destinado à recarga sem fio do telefone. Assim, todo o resto do console é dedicado aos espaços de arrumação e à praticidade, com um apoio de braço, 2 entradas USB C (carga/data), 2 porta-copos de grande diâmetro e até 33 litros de porta-objetos diversos.  

O espaço traseiro é especialmente generoso, graças à distância entre eixos de 2,787 m, que faz do novo 408 o PEUGEOT com a melhor habitualidade para os passageiros traseiros, que dispõem de um espaço para as pernas de 188 mm. O espaço previsto para os pés dos passageiros traseiros sob os bancos dianteiros foi pensado para maximizar a liberdade de movimentos; o desenho dos bancos, bem como o ângulo do assento foram projetados para que os passageiros usufruam ao máximo do espaço com todo o conforto durante os trajetos.

A conectividade também marca presença, com 2 entradas USB C de recarga na parte posterior do console central a partir da versão Allure.

O novo PEUGEOT 408 oferece de série um banco bipartido (60/40) equipado com uma passagem para esquis. Na versão GT, um sistema de rebatimento imediato das duas partes é acionado por dois comandos facilmente acessíveis nas laterais do porta-malas.

O volume do porta-malas do novo 408 é particularmente generoso. Quando os dois encostos do banco são rebatidos, a capacidade de carga passa de 536 a 1.611 litros (incluindo 36 litros de arrumações sob o tapete do porta-malas na versão com motorização térmica).  Com o banco rebatido, é possível carregar um objeto de 1,89 m de comprimento.

Para uma maior comodidade, o espaço do porta-malas conta com uma tomada de 12V localizada no revestimento à direita, com iluminação de LED, com uma rede e um elástico de contenção e com ganchos para bolsas.

O tampão do porta-malas está diretamente fixado na porta do porta-malas. Ele acompanha a abertura da porta, facilitando o carregamento.

A tampa do porta-malas é motorizada para facilitar o acesso com as mãos carregadas. A abertura é automática:  

  • Ao passar o pé sob o para-choques;
  • Ao pressionar botão do controle da chave;
  • Ao pressionar o botão da tampa;
  • Ou através do botão push situado no painel de instrumentos.

No interior do novo 408, a iluminação ambiente de LED (8 cores disponíveis) situada atrás da tela central difunde uma luz suave e contribui para a ambientação sofisticada da cabine. A mesma luz também está presente nos painéis de portas revestidos com tecido, Alcantara® ou compostos por verdadeiras peças de alumínio estampadas, dependendo da versão de acabamento.

O conforto térmico e acústico do novo PEUGEOT 408 se beneficia com as tecnologias empregadas na concepção e na fabricação dos vidros:

  • O para-brisa pode ser aquecido, como equipamento opcional;
  • A espessura dos vidros dianteiros e traseiros foi reforçada (3,85 mm);
  • Os vidros laterais dianteiros são laminados (a partir da versão Allure Pack) aumentando o isolamento acústico e a segurança (3,96 mm).

O ar-condicionado contribui evidentemente para o conforto térmico dos ocupantes. As saídas de ar frio na cabine estão localizadas em posição elevada e os passageiros traseiros contam com duas saídas de ar situadas na parte posterior do console central.  Pensando em garantir uma atmosfera interior saudável, o novo PEUGEOT 408 está equipado com o sistema AQS (Air Quality System), que controla continuamente a qualidade do ar que entra na cabine e é capaz de ativar automaticamente a reciclagem do ar. Uma serenidade que a partir da versão GT é complementada pelo Clean Cabin, um sistema de tratamento do ar, com filtragem dos gases poluentes e das partículas. A qualidade do ar é exibida na tela touch screen central.

Desenvolvido em parceria com a FOCAL, marca francesa especialista em soluções de áudio, o sistema Hi-Fi Premium FOCAL® do novo PEUGEOT 408 é o fruto de um desenvolvimento conjunto de mais de três anos. Complementado pelo tratamento digital sonoro ARKAMYS, o sistema Hi-Fi Premium FOCAL® é composto por 10 alto-falantes dotados de exclusivas tecnologias patenteadas: 

  • 4 tweeters TNF com domo invertido de alumínio;
  • 4 woofers/mediums com membrana Polyglass e suspensão TMD (Tuned Mass Damper) de 165mm;
  • 1 canal central Polyglass;

1 subwoofer oval com tripla bobina Power Flower™.

Eles estão associados a um novo amplificador de 12 canais e 690 W (tecnologia classe D amplificada).

As equipes da PEUGEOT e da FOCAL definiram juntas as localizações exatas de cada alto-falante, a fim de proporcionar a todos os ocupantes uma imersão sonora sensacional. A bordo, a sonoridade é estável e precisa, as vozes são claras e detalhadas e, os baixos profundos e impactantes.

Fiat apresenta Scudo, seu novo furgão com ótimos custos operacionais e máxima produtividade que traz modernidade, robustez, conforto e versão 100% elétrica

Quando o assunto são veículos comerciais leves a Fiat tem propriedade. E não é para menos, já que a marca mantém tradição e confiança no segmento em que é líder há mais de dez anos. Agora, a Fiat traz mais uma novidade para sua linha de utilitários: o novo Fiat Scudo, um furgão médio que atende às mais variadas necessidades com vocação tipicamente urbana. O novo modelo é prático e versátil, já que pessoas habilitadas com a CNH de categoria B também podem conduzir o veículo. Moderno, robusto, super confortável e com a dirigibilidade de um carro de passeio, o novo furgão chega também na versão e-Scudo.  

“Com amplo conhecimento do mercado de veículos comerciais leves para trabalho, a Fiat é parceira há algumas décadas já de frotistas e profissionais autônomos em seus negócios nos segmentos B e E, com a Nova Fiorino (lançada no fim de 2021) e Ducato, respectivamente. Nosso objetivo agora é atingir 100% de cobertura do mercado de furgões. Com o Scudo, atenderemos os clientes da categoria D que buscam agilidade, produtividade e rentabilidade em um utilitário. Além disso, damos mais um passo no caminho da eletrificação, oferecendo uma nova opção de mobilidade com o e-Scudo, a primeira van elétrica da Fiat no Brasil”, afirma Herlander Zola, vice-presidente sênior da Fiat na América do Sul.

O Fiat Scudo traz uma gama de versões e possibilidades de transformações capaz de satisfazer as exigências tanto dos trabalhadores independentes como dos gestores de frotas, com soluções eficientes e experiências que garantam a continuidade do negócio. 

Preparado para todos os tipos de uso

Montado no Uruguai (Nordex), o novo Fiat Scudo é uma solução para o empreendedor apoiada em três pilares fundamentais: Máxima Produtividade, Espaço Eficiente e Baixo Custo Operacional. Com um uso profissional diário de oito ou mais horas, o bem estar dentro do veículo é fundamental para quem o dirige. Assim, o Scudo traz um excelente nível de conforto e oferece uma experiência sem estresse no trabalho pelo uso de várias soluções, como piloto automático, posição de condução elevada, ajustes do banco, cinto e volante, assentos projetados para maior conforto, além de isolamento acústico. 

O modelo conta com bom espaço e ergonomia planejada a bordo, além de acabamento e materiais superiores que não são comuns em veículos de trabalho, sendo planejado para gerar o máximo de produtividade mantendo a qualidade de vida. Traz ainda um item fundamental para quem trabalha com o veículo: o alerta de fadiga. Um aviso no painel é dado caso o motorista esteja rodando há mais de duas horas de condução com velocidade de 65 quilômetros por hora e sem pausa. 

O painel do Fiat Scudo é moderno, com alavanca do câmbio incorporada a ele e controles bem posicionados para fácil alcance pelo motorista. O quadro de instrumentos digital de 3,5” conta com computador de bordo. Para completar, diversos porta-objetos são espalhados pela cabine em locais estratégicos, como abaixo do banco dos passageiros. Ao todo, são quase 42 litros de capacidade.

Além disso, o tamanho do Scudo foi pensado estrategicamente. O modelo possui 1,94 m de altura, perfeitamente adequado para todos os fins, garantindo a agilidade necessária no ambiente urbano e passagem sem problemas de altura mesmo em espaços mais apertados, indo a lugares em que veículos maiores não conseguem acessar. Combinado com um comprimento de 5,3 m e com volume de 6,1 m³, a capacidade de carga também impressiona, já que pode carregar até 1,5 tonelada e transportar itens de até 2,8 metros de comprimento. Para completar, a porta traseira bipartida possui abertura de 180 graus e a da lateral é deslizante, sendo adaptadas para o carregamento com empilhadeira, o que torna ainda mais fácil o momento de carga e descarga.

O Fiat Scudo também traz outras funcionalidades que simplificam o transporte, como piso de carga em posição ergonômica e o uso eficiente do espaço livre de carga, já que possui pouco volume das caixas de rodas neste local. Vale destacar ainda a segurança no transporte de cargas, pois a van conta com fechamento central das portas por controle remoto.

Versões

Disponível em duas versões com motor térmico (Cargo e Multi), o Fiat Scudo oferece diversas possibilidades para as diferentes necessidades de seus clientes. Ambas as versões estão disponíveis em duas cores: Prata Aluminiun e Branco Banchisa.

Cargo 

Assim como o próprio nome sugere, a versão é ideal para transportar cargas, já que oferece amplo espaço e não há compartimentos de vidros nas laterais, ou seja, os itens armazenados no compartimento não ficam visíveis. É uma excelente opção para serviços como last mile (transporte em que a mercadoria sai do centro de distribuição para o destino final) e uso por transportadoras e microempresários. Com vocação tipicamente urbana, esta versão leva com desenvoltura os mais variados tipos de carga. É a melhor escolha para quem deseja utilizar o veículo como ambulância, pet shop móvel, hortifruti, oficina móvel, posto de serviço sobre rodas, loja e muito mais. 

Multi

A Multi é destinada às transformações e conta com disposição para fiação elétrica, dispensando cortes na lataria. Assim, além de ser um furgão envidraçado, tem vocação para ser transformado conforme as necessidades dos clientes. Ele sai de fábrica homologado como veículo de carga, mas pode ser adaptado também para o transporte de pessoas. 

A configuração family car, com 8 lugares, é ideal para quem tem família grande, pois conta com revestimento interno de alto padrão, bancos reclináveis, ar-condicionado para todos os ocupantes e 850 litros de porta-malas. A versão multi ainda pode ser adaptada para uso de acordo com as diferentes necessidades do cliente, podendo ser usada como ambulância, floricultura, pet móvel, escritório móvel, entre outras opções. Vale dizer ainda que a Fiat terá empresas homologadas para a realização destas transformações a partir de outubro. 

Alta Performance

O Fiat Scudo é construído sob a plataforma EMP2, a mais flexível da Stellantis. Ela é segura, modular e muito eficiente, perfeita para um veículo de carga, mas que também proporciona o conforto e a segurança de um carro de passeio. Com ótima dirigibilidade, o modelo vem equipado em suas versões térmicas com o motor 1.5l turbo diesel, que estreia em um Fiat. O propulsor tem 120 cv e torque de 300 Nm. Além de ser um motor com intercooler, ou seja, com maior capacidade de resfriamento, ele também é um propulsor de alto desempenho, que apresenta mais tecnologia, mais performance e menos consumo. 

Com câmbio manual de seis velocidades, a capacidade do tanque é de 69 litros e o modelo tem autonomia média de 800 km. De acordo com a legislação vigente, conta com tanquinho para AdBlue® (mistura de água e uréia – equivalente ao Arla 32) para tratar os gases de exaustão e reduzir a emissão de poluentes.

O modelo conta ainda com a função start/stop que contribui para a redução do consumo do combustível e traz menos ruído. Para completar, o Fiat Scudo é equipado com suspensão independente nas quatro rodas, que filtra bem as imperfeições da pista, ponto importante tanto no transporte de pessoas quanto de cargas para mais segurança e conforto.

Um furgão completo e com baixos custos operacionais

O Fiat Scudo possui uma ampla lista de itens de série e traz o melhor TCO (Custo Total de Propriedade) da categoria. Com rodas de aço de 16″ 215/65, é equipado de fábrica com ABS, três airbags (para motorista e passageiros), ESC (Controle Eletrônico de Estabilidade), assistência em subidas, faróis de neblina dianteiros, cintos de segurança de três pontos com ajuste de altura e faróis em halogênio com DRL. O modelo traz ainda ar-condicionado, fecho centralizado das portas, parede divisória separando cabine do vão de carga (em função da segurança), computador de bordo, retrovisores externos elétricos, vidros elétricos com one touch, ajustes de altura e profundidade do volante, ajuste de assento “ergonômico” para altura, apoio lombar e de braço, controle de cruzeiro com limitador de velocidade e tomada 12v no compartimento de carga.

Outro ponto forte do Scudo é seu ótimo custo operacional. Dentro do segmento, possui o plano de revisões mais barato, com as três primeiras custando um total de R$2.700. Além disso, oferece também o menor valor de manutenção considerando a cesta de peças utilizada como padrão pela Anfavea. O custo de reposição chega a ser até 14% menor do que em outros modelos da categoria. O proprietário de um Fiat Scudo terá também mais um ponto que reforça seu baixo custo no dia a dia: o consumo de combustível do furgão é um dos mais baixos da categoria (ele possui nota A no selo do INMETRO): 12,4 km/l. 

Importante ressaltar que o plano de revisões também traz flexibilidade no pagamento, pode ser personalizado de acordo com o que for melhor para o cliente e conta com três opções. No plano Conforto, as três primeiras revisões saem por R$ 99 a mais na parcela do financiamento ou R$ 2.700 no total. Já no plano Proteção, além das três primeiras revisões, o consumidor já garante alguns itens de desgaste como o kit de pastilhas de freio dianteiro, jogo de palhetas de para-brisa, além de alinhamento e balanceamento, e custa R$ 183 a mais na parcela ou R$ 4.850 no total. Outra opção é o pacote Segurança, que traz todos os itens do plano Proteção e ainda um ano de garantia adicional, por R$ 220 adicionais na parcela do financiamento ou R$ 5.840 no total. 

e-Scudo

Seguindo o caminho da eletrificação, a Fiat traz mais um modelo elétrico para a sua gama. Desta vez, a novidade é o e-Scudo, seu primeiro utilitário 100% elétrico no Brasil. Com a maior autonomia da categoria (330km), o veículo é equipado com motor elétrico com 136 cv de potência (100 kW) e 260 Nm de torque imediato.

Com propulsor totalmente elétrico, o e-Scudo não emite CO2, ruídos e vibrações, promovendo uma condução suave e sem choques com torque disponível instantaneamente. O e-Scudo foi desenvolvido sob a plataforma multienergy, com um conjunto de baterias de íons de lítio de 75 kWh, OBC de 11 kW trifásico e motor elétrico, que garantem a impressionante autonomia do utilitário. 

Outro destaque é o fácil carregamento com carga rápida de até 80% em 48 minutos. Também há outras funcionalidades que otimizam o consumo, como o break mode, função de frenagem regenerativa que atua como um freio motor, o que permite conservar ou mesmo recarregar parcialmente a bateria.

Importado da França (Sevel Nord), o e-Scudo ainda é equipado com um e-seletor de modo de condução, que oferece três opções: Normal (para o melhor compromisso entre autonomia e desempenho); Eco (para otimizar o consumo de energia) e Sport (para priorizar o desempenho com potência e torque máximos).

Além de ter todos os itens da versão térmica, o e-Scudo ainda conta com central multimídia de 7” (com Apple Carplay e Android Auto), câmera traseira 180 graus, cluster digital com informações sobre nível de bateria, consumo, modo de condução e marcha engatada. Também possui volante elétrico hidráulico, freio de estacionamento elétrico e sistema de monitoramento da pressão dos pneus, além de sensores de chuva e luzes automáticas. O e-Scudo será comercializado na versão Cargo na Rede Fiat Elétrica, que conta com mais de 20 pontos nos principais mercados de veículos elétricos do Brasil. 

Disponível na exclusiva cor Cinza Artense ou Branco Banchisa, o Fiat Scudo possui garantia de três anos ou 100 mil km nas versões térmicas. Na versão elétrica, além dos 3 anos (ou 160 mil km) do veículo, a garantia da bateria é de 8 anos.

Pré-venda 

A pré-venda do novo Fiat Scudo começa hoje (23 de junho) na rede profissional da Fiat e o test-drive já estará disponível na próxima semana nas principais concessionárias da rede Fiat. No dia 1° de agosto terão início as vendas em mais de 200 pontos da marca em todo o Brasil. Confira abaixo os preços sugeridos de cada versão:

Fiat Scudo Cargo: R$ 187.490

Fiat Scudo Multi: R$ 192.490

Fiat e-Scudo Cargo: R$ 329.990

Fonte: Fiat

Raízen inaugura primeiro eletroposto Shell Recharge no Brasil

Victor Bianchin, em junho de 2022, para Automtive Now, publicou que a Raízen acaba de inaugurar o primeiro eletroposto com a marca Shell Recharge no Brasil. O estabelecimento funciona em São Paulo, na Avenida Professor Celestino Bourroul, no bairro do Limão, na zona norte paulistana. Segundo a empresa, esse seria o primeiro de uma rede de 35 eletropostos que serão instalados até março de 2023 em todo o país. 

Com carregadores de 50 kW e 150 kW, os eletropostos Shell Recharge prometem carregar as baterias de veículos elétricos em até 35 minutos. Hoje, a Raízen já fornece energia limpa para mais de 500 postos Shell por meio de geração distribuída, como solução para redução das emissões de gases de efeito estufa e diminuição de até 20% dos custos de energia – uma economia de cerca de R$ 3 milhões ao ano para os revendedores, segundo a empresa.

Eletroposto Shell tem pagamento por app

Raízen gera sua própria energia utilizando luz solar, subprodutos da cana-de-açúcar e outras fontes limpas. Toda energia fornecida pela companhia é certificada pelo I-REC Standard, sistema global de rastreamento de atributos ambientais de energia, o que garante sua origem limpa e renovável.

Os clientes que recarregarem seus veículos elétricos nos eletropostos da Shell podem fazer o pagamento por meio do cadastro de um cartão de crédito no aplicativo Tupinambá.

Chevrolet confirma estreia do SUV do Bolt no Brasil em 2023

Fabricante também anunciou chegadas de versões elétricas de Blazer e Equinox

SUV do Bolt será lançado na Colômbia antes de estrear por aqui

O jornalista Vitor Matsubara, para Automotive Now, em junho de 2022, anunciou que a Chevrolet confirmou a estreia do Bolt EUV no Brasil. A versão EUV do modelo (do inglês “veículo utilitário elétrico”) estreia na Colômbia no segundo semestre deste ano e chega aos outros mercados da região (inclusive o nacional) a partir de 2023.

Inclusive, comentava-se se a Chevrolet ficaria para trás na briga pelo mecado dos “eletrificados”.


A nova geração do Bolt era um dos quatro lançamentos programados para o final de 2021, mas problemas relacionados à produção do veículo adiaram a estreia do carro por aqui.

O Bolt EV, inclusive, não deixará de ser trazido para cá. Segundo a GM, “um novo lote do produto, que passou por atualizações visuais e de acabamento recentemente, será disponibilizado em breve no país”.

Outros elétricos nos planos

Blazer EV também será lançado no mercado brasileiro

O SUV do Bolt será o primeiro elétrico vendido pela Chevrolet no país. Depois dele, o recém-apresentado Blazer EV e o Equinox EV também serão lançados no país. Ambos terão lançamento primeiro nos Estados Unidos e chegarão à América do Sul, embora a GM não tenha revelado a data de estreia dos carros.

Segundo Marina Willisch, vice-presidente de Comunicação, Relações Governamentais e ESG da GM América do Sul, a empresa vai oferecer “a mais completa linha de veículos elétricos do mercado, com opções nas mais diversas faixas de preço e tamanho”.

“O avanço da eletrificação vai depender das características de cada mercado. Mas a região da América do Sul tem potencial para se tornar um pólo de produção e exportação de carros elétricos”, afirmou Santiago Chamorro, presidente da GM América do Sul.

Diferentemente de outras fabricantes de veículos, que defendem a venda e, eventualmente, a produção de veículos híbridos no Brasil, que combinem motores flex e o uso de etanol e propulsores elétricos, a General Motors advoga para que o mercado local pule essa etapa. A companhia aponta que vai investir direto em veículos puramente elétricos, ainda que não apresente uma estratégia clara dessa transição.

Os problemas do Bolt

O calvário do Bolt começou em novembro de 2020, quando a GM realizou um grande recall por conta de casos de incêndio. Um segundo recall foi realizado em julho do ano passado.

Porém, o auge veio em agosto de 2021, quando a Chevrolet anunciou que toda a produção dos modelos Bolt EV e Bolt EUV (ou seja, mais de 140 mil veículos) precisaria ser inspecionada por causa de um registro de incêndio. Com isso, até as unidades da versão anterior do carro vendidas no Brasil foram investigadas.

 Renault participa da edição 2022 da Le Mans Classic

A 10ª edição da Le Mans Classic acontecerá de 30 de junho a 3 de julho de 2022 e, assim como nas edições anteriores, a Renault estará presente no evento.

Neste ano, a marca do logo em forma de losango vai competir com três Renault 4CV – o primeiro carro com motor traseiro a participar das 24 Horas de Le Mans –, para lembrar a todos os apaixonados pelas corridas de carros antigos do modelo que fez sucesso nos anos 50.

Os três 4CV serão pilotados por equipes excepcionais. A dupla formada por Alain Serpaggi, vencedor das 24 Horas de Le Mans em 1969, e Géraldine Gaudy, jornalista da revista automotiva Argus, estarão ao volante de um Renault 4CV, réplica da icônica versão de 1950. Julien Saulnier, atual detentor do título do Troféu Alpine e Patrick Henri, piloto do Campeonato Mundial de Rali (WRC), e a dupla formada pelo piloto belga Christian Chambord e seu copiloto Jean-Pierre Prévot, pilotarão duas réplicas do 4CV de 1951.

ESPAÇO CLUBES

Ao lado do circuito histórico, a Renault vai organizar uma exposição para celebrar dois ícones da marca sediada na cidade francesa Boulogne-Billancourt: o Renault 4CV e o Renault 5, que comemora seu 50º aniversário neste ano.

A Renault Classic preparou uma exposição das nove versões do Renault 5 e nove versões do 4CV para todos os apaixonados por carros antigos. Além disso, mais de 100 veículos de colecionadores particulares participarão da festa no Espaço Clubes da Renault.

RENAULT & ARTCURIAL MOTORCARS

Esta edição da Le Mans Classic marca o início da parceria entre a Renault e a Artcurial. No dia 2 de julho, 8 lotes exclusivos serão leiloados, oferecendo aos colecionadores a oportunidade de possuir uma parte do legado da Renault, dando assim uma segunda vida a tesouros do mundo automotivo que até agora eram mantidos no acervo da marca.

A primeira estrela da seção “The Renault Icons” será o carro Renault de Fórmula 1 RE40-03 de 1983, que foi pilotado por Alain Prost.

LE MANS CLASSIC

Criado em 2002 pela Peter Auto, em parceria com o Automobile Club de l’Ouest, a Le Mans Classic oferece uma fantástica retrospectiva das míticas 24 Horas de Le Mans. Atraindo a atenção dos fãs desde a primeira edição, o evento não parou de crescer, chegando a receber 195 mil espectadores na edição de 2018.

Este é o maior encontro de automóveis antigos, com 800 carros de corrida na pista e 8.500 veículos de colecionadores no pavilhão de exposições, organizado especialmente para o evento.

Desde o seu lançamento, a Renault já participou de oito 8 edições da Le Mans Classic.

Fonte: Renault do Brasil

VW comemora 50 anos do SP, um dos modelos mais bonitos da história

– No último sábado, 25, diferentes gerações de executivos da VW se reuniram para relembrar histórias do processo de criação e desenvolvimento do SP1 e SP2

– O lançamento de um dos modelos mais icônicos da marca e referência em design foi comemorado pelo SP2 Club, que reuniu 18 veículos para exposição e desfile

– O aniversário do SP foi celebrado durante a inauguração do Motor Park, primeiro parque temático de mobilidade do Brasil, no Haras Tuiuti, interior de São Paulo

São Bernardo do Campo (SP) – Considerado um dos modelos mais bonitos da história da Volkswagen em todo o mundo, o VW SP completou neste domingo, 26 de junho, 50 anos do seu lançamento no Brasil, em 1972. Para celebrar esse momento tão especial, diferentes gerações de executivos da VW se reuniram, no último sábado, 25, para relembrar histórias do processo de criação e desenvolvimento do SP1 e SP2. Referência de design para diversos outros modelos da marca, o SP é um marco no setor automotivo e é relembrado por entusiastas até hoje.

Na ocasião, a Volkswagen e o SP2 Club reuniram os amantes do modelo no Motor Park, primeiro parque temático de mobilidade do Brasil, no Haras Tuiuti, interior de São Paulo. Mesmo 50 anos depois, foi possível reunir 18 unidades do VW SP2, em excelente estado de conservação, em um dos maiores encontros do modelo já realizado desde o lançamento na década de 1970.

“O SP foi um ‘halo car’, um modelo único. O time de design da época foi genial no desenvolvimento desse carro, trazendo um motor traseiro, mas com capô bastante alongado, e uma linha traseira espetacular, com um tratamento de superfície envolvendo as lanternas e o para-choque com um trabalho excepcional. E, claro, é possível enxergar traços nos outros projetos que foram criados no nosso estúdio aqui no Brasil como Gol, Brasília e Fox”, elogia José Carlos Pavone, Head de Design da Volkswagen América Latina.

André Drigo, Gerente Executivo de Desenvolvimento de Produto, reforça: “Essa celebração de 50 anos não é apenas do SP. Esse carro representou nos anos 1970 um marco na indústria como um todo. É muito interessante podemos ver vários itens e definições que surgiram na época, mas que que seguem funcionais até hoje. Certamente utilizamos algumas teorias e conceitos dessa época e aplicamos nos novos modelos em desenvolvimento.”

Os ‘pais’ do SP

O designer responsável pelo desenho do modelo, José Vicente Martins, conhecido como “Jota”, e o engenheiro mecânico responsável pelo projeto, Claudio Menta, contam histórias exclusivas do nascimento do ícone.

“A pedido do presidente da Volkswagen na época, sr. Rudolf Leiding, iniciamos os primeiros desenhos do SP na década de 1960. Procurei desenhá-lo bastante baixo e com vidros inclinados, dando o ar de esportividade que pensava. Já no primeiro esboço, consegui deixá-lo como queria”, relembrou Jota, que na época integrava o time de designer da VW, chefiado por Márcio Piancastelli.

Com os primeiros desenhos em mãos, o desafio de criação de um modelo no Brasil e produzi-lo em escala começaram a aparecer. Executivos de todas as áreas se uniram para encontrar o melhor caminho para conceber o esportivo.

“O primeiro desafio que tivemos foi construir uma carroceria com componentes de chapa rebitados, e não soldados. Após estudos e tentativas, chegamos à conclusão que não era viável esse processo de produção. Então, passamos ao processo tradicional de fabricação de carrocerias”, relatou Menta.

“Não era comum criar carros no Brasil na época. Por conta disso, originamos o SP de um carro alemão, usando o chassi da Variant, e construímos um carro novo em cima dele”, concluiu Jota.

Em 26 de junho de 1972, o VW SP foi lançado oficialmente, em um evento de apresentação para jornalistas no Iate Clube Santa Paula, em São Paulo, e para a rede de concessionários, na fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo.

O SP1 trazia o motor 1,6L, de 65 cv de potência. Já o SP2 estava equipado com o motor 1,7L, gerando 75 cv. Com linhas esportivas e luxuoso, o interior oferecia bancos exclusivos, além do console e painel central em peça única. O painel de instrumentos, avançado para a época, contava com marcador de temperatura do óleo, amperímetro e relógio.

E a história continua. Que venham mais 50 anos de revolução em design e de novas criações nacionais para a Volkswagen do Brasil!

Fonte: Volkswagen

Caoa Chery inicia ofensiva híbrida e terá elétrico mais barato do Brasil

Segundo o jornalista Bruno Oliveira, para o Automotive Business (junhdo de 2022), parte dos veículos será importada da China, enquanto outra parte será montada na fábrica de Anápolis (GO).

Caoa Chery Tiggo 5x está na estratégia híbrida da montadora e chegará em breve ao país

São cinco os modelos elétricos com os quais a Caoa Chery iniciará a sua auto-intulada nova fase no mercado brasileiro. Na terça-feira, 15, a montadora apresentou os veículos Tiggo 5x Pro, Tiggo 7 e Arrizo 6 Pro, todos híbridos, o Tiggo 8, este híbrido plug-in, e o 100% elétrico iCar. Destes, os SUVs Tiggo 5x Pro e o 7 Pro serão montados ainda este ano na fábrica de Anápolis (GO), em operação CKD, por meio de kits de peças que chegarão da China desmontados. Os demais modelos chegarão prontos do mesmo país de origem.

Fábrica paulista participará da fase híbrida da Caoa Chery

Híbrido plug-in, Caoa Chery Tiggo 8 também será “eletrificado”

O sedã médio Arrizo 6 Pro e o iCar, inclusive, passarão por procedimento de preparação na fábrica de Jacareí (SP) antes de seguirem para as concessionárias. Na unidade – que teve a produção de veículos encerrada recentemente – serão feitas aferições de acordo com as normas de segurança vigentes no país.
Segundo Marcio Alfonso, vice-presidente de operações da Caoa, as linhas de Anápolis (GO) já vinham sendo preparadas desde 2016 para que ali pudessem ser montados modelos com powertrain elétrico.
“O estágio atual das linhas está bem avançado no momento para receber a produção CKD. Com a evolução do mercado, a tendência é de que a montagem fique mais robusta em termos de volume”, disse o executivo.

Elétrico mais barato do país já em junho

iCar promete ser o carro elétrico mais barato do país já a partir deste mês de junhor de 2022

O cronograma de vendas anunciado pela Caoa Chery indica que o iCar estará disponível para venda nas concessionárias a partir da segunda quinzena de junho. Tiggo 5x Pro Hybrid e o Tiggo 7 Pro Hybrid chegam em julho. Em agosto chegam na rede os modelos Tiggo 8 Hybrid e o Arrizo 6 Hybrid.
O iCar tem o preço de lançamento estipulado em R$ 139.990; Arrizo 6 Pro, em R$ 159,990; Tiggo 5x, por R$ 169,990; Tiggo 7, R$ 199,990 e Tiggo 8, por fim, em R$ 269,990 mil.

Ram 1500 TRX Sandblast Edition junta-se à linha da marca nos EUA

Auburn Hills (EUA) – A Ram anunciou hoje que está expandindo nos Estados Unidos sua linha de modelos de uso leve (light duty) com a adição da nova e exclusiva Ram 1500 TRX Sandblast Edition 2022, oferecendo aos compradores de picapes superesportivas uma seleção ainda mais ampla de acabamentos e conteúdos externos e internos.

“Nossos clientes querem se destacar da multidão e a nova Ram 1500 TRX Sandblast Edition permite que eles façam exatamente isso, oferecendo a melhor combinação de desempenho, capacidade e tecnologia do segmento”, disse Mike Koval Jr., CEO da Ram. “Estamos constantemente expandindo e explorando novas ideias para atender às necessidades e alimentar a imaginação de nossos clientes apaixonados e este é o exemplo mais recente de como as picapes Ram oferecem recursos que continuarão a conquistar cada vez mais compradores”.

A nova Ram 1500 TRX Sandblast Edition 2022 expande a linha de picapes de uso leve que já apresenta os modelos mais rápidos, mais potentes e com a maior eficiência de combustível atualmente na América do Norte. A marca Ram avança com toda a força da capacidade moderna, fornecendo recursos que inspiram confiança e itens de segurança veicular exclusivos na categoria.

A Ram 1500 TRX Sandblast Edition aprimora o bem equipado TRX Level 2 Equipment Group e inclui itens exclusivos como grafismos, pintura externa na cor Mojave Sand e rodas exclusivas de 18 polegadas pretas preparadas para beadlocks, além de teto solar panorâmico de painel duplo, revestimento especial na caçamba, pontos de amarração de carga, luz elevada de freio de LED montada na cabine (itens de série na Ram 1500 Rebel vendida no Brasil) e pedal retrátil para acessar a caçamba.

Por dentro, a TRX Sandblast Edition inclui costuras Light Frost, logotipo TRX bordado nos encostos dos bancos, detalhes exclusivos em fibra de carbono, volante de base reta com toques de couro e fibra de carbono, emblema exclusivo no console central, Head-Up Display (disponível na 1500 Rebel aqui) e tela do quadro de instrumentos que mostra TRX em Mojave Sand. Os recursos de segurança incluem controle de cruzeiro adaptativo, assistente de manutenção de faixa e frenagem de emergência para pedestres – igualmente presentes em toda Ram 1500 Rebel no Brasil.

A Ram 1500 TRX Sandblast Edition 2022 oferece o comprovado e confiável motor HEMI® V8 de 6,2 litros com compressor, entregando níveis altíssimos de potência e torque para longas sessões de condução sem prejuízo no desempenho.

A nova Ram 1500 TRX Sandblast Edition 2022 estará à venda nos Estados Unidos a partir de julho.

Fonte: Stellantis

Hyundai CRETA N Line

  Hyundai
Hyundai CRETA N Line. Aproveite a pré-venda exclusiva.
    O CRETA N Line veio para devolver a paixão de estar atrás do volante. Um modelo exclusivo de design autêntico e marcante combinado com a mais moderna tecnologia preparado para o estilo de vida de quem vive ao máximo.

Você pode ser uma das 200 primeiras pessoas a garantir o seu na pré-venda e com benefícios exclusivos. É só fazer a sua reserva agora e aproveitar sem pagar nada a mais por isso.  
    Shell Box   Voucher de R$ 1000 em combustível em sua conta Shell Box.    
 
    Sem Parar   1 ano de mensalidade grátis + R$ 100 de crédito na primeira fatura para usar nos parceiros do Sem Parar.    
 
    Hyundai Financiamentos   E ainda 10% de desconto no seguro auto Hyundai Financiamentos.    

Jeep® anuncia pacotes de serviços conectados para Adventure Intelligence by Jeep Connect

Conveniência, assistência e entretenimento. Tudo isso em um único lugar: o carro. Em 2021, a Jeep® apresentou ao mercado sua plataforma de serviços conectados a Adventure Intelligence, que se configura entre as melhores do mercado. Agora, a marca anuncia os novos pacotes para os usuários dos veículos conectados.
Os proprietários dos modelos Jeep com Adventure Intelligence possuem um período de degustação dos serviços conectados (12 meses)*, contados a partir da ativação da garantia do veículo. Depois desse prazo, podem escolher entre sete opções de pacotes.
Quatro são planos individuais, dois são combos (não configuráveis) e um premium oferece todos os serviços. Os planos trazem valores e serviços entre os mais atrativos do mercado. Os individuais custam R$ 50 por mês ou R$ 500 no plano anual (com desconto de R$ 100). Já a assinatura dos combos parte de R$ 80.
O pagamento pode ser realizado por cartão de crédito e os planos podem ser contratados diretamente no próprio portal de serviços conectados da plataforma (https://myuconnect.jeep.com/br/pt/login) ou pela Central de Serviços Conectados (Call Center Concierge – 0800 007 7128).

Conheça mais sobre cada um dos novos planos:

Individuais

– Controle do veículo a distância: com este plano o usuário pode controlar o seu veículo, mesmo não estando nele. As operações remotas podem ser feitas por meio do celular, smartwatch e assistente virtual. Além disso, também possui alertas de condução, que são configuráveis para que o proprietário possa manter o controle do veículo mesmo quando conduzido por outra pessoa, como ultrapassar o limite estabelecido de velocidade ou até mesmo estabelecer um perímetro ou horário para aviso.
Ainda está incluída a localização do veículo, em que o usuário pode verificar exatamente onde está seu carro pelo aplicativo no celular ou pelo smartwatch. Outra funcionalidade é a conexão com assistentes digitais. O cliente que possuir um dispositivo com a assistente Alexa (Echo Dot ou Echo Show) pode adquirir informações sobre o seu carro como nível de combustível e quilometragem, além de efetuar algumas operações remotas (travar e destravar portas, por exemplo).
Para os proprietários do Jeep Compass 4xe, há ainda a função de localização de estação de recarga e programação do carregamento, em que é possível escolher a data e o horário de início do seu percurso, dia da semana e a recorrência. Inclusive, com um único toque no aplicativo, o usuário pode iniciar automaticamente a recarga, caso o veículo esteja plugado em uma estação de recarga.
Também há a função programação de climatização, configurações de nível de recarga (apenas na central multimídia) e Telas do Veículo, em que o cliente pode obter o melhor controle do seu veículo com informações como preferências de recarga, cronograma de recarga, fluxo de energia (mede o uso/saída atual de energia para o motor, bateria e clima em quilowatt) e histórico de direção.

– Socorro Inteligente: com quatro serviços, este pacote oferece assistência e segurança em momentos de emergência, como em caso de acidentes ou problemas mecânicos. Isso porque oferece a chamada de emergência, função que em que o usuário poderá entrar em contato com o call center da plataforma por meio da central multimídia ou do app, caso esteja fora do veículo.
Já em casos de acidentes graves, em que alguns itens de segurança do veículo sejam acionados – como os airbags – o sistema fará uma ligação automática para o call center, que agirá conforme necessário para ajudar na situação, passando as últimas coordenadas do GPS e as informações básicas do veículo para o serviço de emergência responsável pela área do acidente. Além disso, também há assistência mecânica: em caso de problema no funcionamento do veículo, o cliente pode entrar em contato com o call center e solicitar assistência. Fora tudo isso, ainda apresenta o feature de assistente pessoal.

– Segurança: nesta configuração o usuário dispõe da funcionalidade de assistente de recuperação a roubo e furto e de alerta preventivo de furto. Este último funciona como um aviso de que o veículo do cliente pode ter sido levado. Se, por exemplo, o alarme disparar, o usuário receberá uma notificação no app informando a possibilidade do furto.
Caso ele não confirme que está com o carro, a central é acionada e o veículo começa a ser rastreado. O alarme é apenas um exemplo de sensores disponíveis no carro que atuam de maneira preventiva em relação a possíveis furtos.  Também inclui assistência de recuperação para roubo e furto, sendo que nestas ocasiões, o proprietário pode entrar em contato com a central e informar o ocorrido. A partir deste ponto, o operador inicia o rastreio do veículo. Na sequência, o cliente deve fazer o boletim de ocorrência. Assim, juntamente com uma empresa parceira, é feita uma análise prévia da situação no local em que o carro estará e a polícia será acionada. 

– Mapa Inteligente: ideal para aqueles que gostam de uma navegação completa porque o pacote apresenta busca por pontos de interesse, mapa Inteligente (que fornece informações em tempo real sobre tráfego e radares, por exemplo, baseadas na localização do veículo), atualização remota de mapa e mapa de alcance dinâmico.
No Jeep Compass e Jeep Commander Overland ainda há outras duas funcionalidades. A Send & Go permite que o usuário pesquise algum ponto de interesse pelo celular enquanto ainda está em casa ou no escritório, por exemplo, e envie para a navegação no veículo. Ao ligar o carro, a rota será automaticamente traçada pelo mapa inteligente e a viagem pode começar em segurança, sem a necessidade do cliente ficar parado dentro do veículo pesquisando um endereço ou ponto de interesse. O outro serviço é o Last Mile Navigation, recurso que permite ao usuário enviar do sistema de navegação para o aplicativo móvel o último endereço salvo.

Combos

No total são três combos oferecidos: 2, 3 e o Premium, que conta com a mesma configuração do período de degustação. O combo 2 traz os pacotes de Segurança e Socorro Inteligente combinados por R$ 80 por mês ou R$ 800 por ano. Com esses dois planos anteriormente citados e o Controle do Veículo a Distância, o combo 3 custa R$ 105 por mês ou R$ 1.050 por ano. Já o premium traz os quatro pacotes oferecidos por R$ 120 ao mês ou R$ 1.200 ao ano.

WiFi Hotspot

Vale ressaltar que o WiFi Hotspot não está vinculado a nenhum dos pacotes de conectividade já que está vinculado ao eSIM 4G da TIM, chip virtual para acesso a Wi-Fi nativo a bordo. A contratação permanece diretamente com a operadora conforme os planos de dados disponíveis de 5GB, 10GB e 40 GB.  

*Serviço oferecido aos proprietários de veículos Jeep que possuem Adventure Intelligence. 
O período de gratuidade do benefício será de até 12 (doze) meses, contados a partir da ativação da garantia do veículo.

Fonte: Stellantis

Como o BMW iX muda a forma como conhecemos os carros elétricos

Vitor Matsubara, para Autootive News, em maio de 2022, destacava que o iX não é apenas o segundo carro elétrico da BMW no mercado brasileiro. Ele seria bem mais do que isso. O SUV representava uma ruptura com o padrão de veículo eletrificado ao qual nos acostumamos.

iX não tem só um design ousado: as tecnologias embarcadas também impressionam

Assim como o Porsche Taycan, o BMW iX foge do lugar comum. Não é uma versão eletrificada de um modelo a combustão (como o Mercedes-Benz EQC, por exemplo), nem apela para as cores vibrantes que identificam um modelo híbrido ou elétrico para se destacar na multidão. 

Desenho do BMW iX é ousado e controverso

Em vez disso, aposta em um design que, se não é unanimidade, cativa pela ousadia. O estilo agressivo da frente inclui a controversa grade frontal de dimensões exageradas. Só que nele, o “duplo rim” não parece desproporcional como no M3, e nem exagerado como no Série 7.

Além disso, a grade também traz uma solução tecnológica pouco comum: a capacidade de regenerar danos superficiais, como riscos causados por pedregulhos. Tudo acontece por meio de uma membrana que, quando estimulada pelo calor, é capaz de eliminar riscos e afins.

Nas laterais, o iX tem uma linha de cintura inusitadamente baixa para um SUV e as colunas traseiras trazem apliques na cor preta, que se popularizaram nos últimos anos. A traseira tem estilo mais comedido, mas não menos futurista. A câmera de ré fica escondida sob o logotipo da BMW e as lanternas são bem afiladas.

De outro mundo

Nada, porém, supera a cabine do BMW iX, que impressiona por fugir do usual. Quase não há botões, já que as funções mais importantes (e até as inúteis) estão agrupadas na gigantesca tela de 14,9 polegadas da central multimídia. Nela é possível controlar o ar-condicionado (que tem quatro zonas de temperatura), alterar o modo de condução do veículo ou visualizar imagens em 360 graus. Existe até uma câmera interna que pode gravar imagens da cabine por meio de um comando via aplicativo de smartphone.

Devido à distância entre-eixos de 3 metros, o iX é bastante espaçoso. Quem viaja no banco de trás usufrui de muito espaço para os joelhos, além de duas entradas USB do tipo C atrás dos bancos dianteiros e descansa-braço central com dois porta-copos.

Nas portas não existe maçaneta interna – ela até está lá, mas propositalmente escondida. Para sair do veículo basta apertar um pequeno botão ao lado dos comandos dos bancos elétricos, que são feitos de cristal. A exemplo do i3, o iX utiliza vários materiais recicláveis e/ou ecologicamente corretos no acabamento.

Os bancos são extremamente confortáveis, são dotados de massageadores e, pasme, até alto-falantes dentro deles. É difícil descrever a sensação de escutar os graves tão próximos aos ouvidos. Ao todo são nada menos do que 30 alto-falantes espalhados pela cabine. 

O iX vem com uma assistente pessoal que reconhece comandos de voz. E mais do que isso: por ser conectada, ela usa inteligência artificial para reconhecer alguns padrões do usuário. O sistema de voz aprende com os hábitos e preferências do usuário, fazendo com que a experiência a bordo se torne cada vez mais personalizada.

Segundo a BMW, o SUV pode “analisar o caminho que está sendo feito e cruzar com dados de horário e destino” para repetir ações que já foram feitas previamente pelo condutor. Assim, o carro elétrico pode abrir o vidro do motorista para acionar o portão eletrônico da residência.

Desempenho de um típico BMW

O BMW iX está à venda em duas versões de acabamento: xDrive 40 (R$ 659.950) e xDrive 50 (R$ 798.950). Na configuração mais cara, o SUV entrega nada menos do que 523 cv e torque instantâneo de 78 kgfm. Esses números fazem com que ele precise de apenas 4,6 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h. Nada mal para um monstro de 2,5 toneladas.

Mesmo no modo mais frugal, o iX não nega fogo quando provocado. A direção tem respostas diretas e se torna pesada no modo mais esportivo, que também altera a rigidez dos amortecedores.

A autonomia impressiona. São 630 quilômetros declarados pelo ciclo WLTP, que é o padrão utilizado na Europa. Como no i3, existe um modo que reforça a atuação do sistema de regeneração de energia, permitindo que o motorista dirija o veículo sem pisar no pedal do freio. Basta tirar o pé do acelerador para que o iX comece a perder velocidade gradativamente.

Na hora da recarga, o modelo da BMW suporta uma corrente de até 195 kW, com ganho de 70% do nível de bateria em apenas 35 minutos – desde que a estação tenha recarga rápida. Neste caso, a autonomia sobe até 150 quilômetros em apenas 10 minutos.

Lotado de equipamentos

Evidentemente você espera que um carro de quase R$ 800 mil seja lotado de equipamentos. É exatamente isso que acontece com o iX.

Além dos faróis a laser, o carro tem itens como head up display, bancos dianteiros com regulagens elétricas, painel digital com tela de 12,3 polegadas, fechamento das portas por sucção e sistema de reconhecimento de gestos. Sobre este último, basta realizar alguns movimentos com as mãos para regular o volume do sistema de som, por exemplo.

O teto solar não tem cobertura para proteger os passageiros da luz solar. Isso porque uma membrana muda a transparência do teto caso o sol incomode os ocupantes. 

Na segurança, o SUV oferece tecnologias como piloto automático adaptativo (capaz de acelerar, frear e fazer curvas mais suaves), alerta de colisão frontal, sensor de pontos cegos, assistente de permanência em faixa de rolagem e alerta de tráfego cruzado. O assistente de estacionamento tem funcionamento 100% autônomo: não é preciso acelerar nem frear.

Curiosamente, o capô do BMW iX não pode ser aberto pelo proprietário. Apenas a rede autorizada está capacitada a removê-lo para realizar manutenções específicas. Resta se contentar com o charmoso bocal para encher o reservatório de água dos limpadores de para-brisa, que fica sob o logotipo da BMW.

Por que o BMW iX se destaca?

Como você notou, não é só o design que faz o iX se destacar. A tecnologia embarcada impressiona até para os altos padrões das marcas de luxo, assim como o desenho da cabine, que é de encher os olhos.

Talvez você não aprecie o estilo ousado ou questione a importância de alguns recursos presentes no carro. De toda maneira, dificilmente alguém vai discordar que o iX é diferente de tudo que existe na atualidade. Será dura a vida de quem quiser superá-lo daqui para frente.